A vida é loka, por Sérgio Vaz

Esses dias tinha um moleque na quebrada 
com uma arma de quase 400 páginas na mão.
Uma minas cheirando prosa, uns acendendo poesia.
Um cara sem nike no pé indo para o trampo com o zóio vermelho de tanto ler no ônibus.
Uns tiozinho e umas tiazinha no sarau enchendo a cara de poemas. Depois saíram vomitando versos na calçada.
O tráfico de informação não para, uns estão saindo algemado aos diplomas depois de experimentarem umas pílulas de sabedoria. As famílias, coniventes, estão em êxtase.
Esses vidas mansas estão esvaziando as cadeias e desempregando os Datenas.
A Vida não é mesmo loka?

+ sobre o tema

Grada Kilomba é a artista que Portugal precisa de ouvir

Escritora e artista portuguesa a residir em Berlim, é...

Três exposições celebram a Consciência Negra no Museu Afro Brasil

As mostram reiteram a colaboração dos negros para a...

20 de Novembro: III Marcha Estadual Zumbi dos Palmares

Porto Alegre, 28 de setembro de 2009. Ilmo (a) Senhor...

para lembrar

Os 40 anos de independência de Moçambique

Os moçambicanos comemoram hoje o fim do período colonial. Do Rede...

Estudantes do Rio combatem machismo e racismo com projeto transformador

Com o título Solta esse Black, alunas da Escola Municipal...
spot_imgspot_img

Jornais da Europa repercutem título do Real Madrid e enaltecem Vini Jr.

Não poderia ser diferente. O Real Madrid estampa a capa dos principais jornais esportivos da Europa, após a conquista da 15ª Champions League do clube. E Vinicius Junior...

Nota de Pesar – Darlah Farias

É com profunda tristeza que Geledés - Instituto da Mulher Negra recebe a notícia da passagem de Darlah Farias, uma militante negra e advogada...

Black Pantera une melodia, ativismo e força em ‘Perpétuo’, quarto álbum do ascendente trio mineiro de rock pesado

Resenha de álbum Título: Perpétuo Artista: Black Pantera Edição: Deck Cotação: ★ ★ ★ ★ ♪ “Afro-latinos!...”, martela Charles da Gama, vocalista e guitarrista da banda Black Pantera, em Provérbios, marcando território já na...
-+=