Tag: Facebook

    Os movimentos sociais que estão pedindo o fim do racismo nos EUA estão gerando a reação de grandes corporações contra o Facebook (Crédito: AFP)

    Inatividade contra o racismo pode custar caro ao Facebook

    A falta de atividade contra o racismo e o discurso de ódio nos posts do Facebook está fazendo com que aumente o número de empresas que não querem anunciar na maior mídia social do planeta. Uma coalizão de grupos que lutam pelos direitos civis nos Estados Unidos lançou a campanha #StopHateforProfit na semana passada, quando instou as principais empresas do país a interromperem a publicidade no Facebook. A reação no mundo dos negócios foi imediata e em poucos dias, redes como a The North Face e Patagonia disseram que apoiariam o movimento contra o Facebook. Outras empresas famosas nos Estados Unidos, como Upwork e Dashlane, além de marcas globais como a Coca-Cola, Hershey’s, Honda, JanSports, Levi Staruss, Verizon, Bem & Jerry’s e Unilever também aderiram. A preocupação dessas empresas vai de encontro ao movimento de combate ao racismo nos Estados Unidos e, principalmente, o reflexo da polarização que a eleição ...

    Leia mais
    blank

    Facebook tira do ar página que bombou notícia falsa sobre Marielle Franco

    Envolvidos na difusão de notícia falsa sobre a vereadora Marielle Franco, a página Ceticismo Político e dois perfis no Facebook atribuídos ao nome ''Luciano Ayan'', que se apresenta como o responsável por ela, foram retirados do ar. Os perfis de Ayan estão indisponíveis desde a noite de sexta (23) e a página, neste sábado. por Leonardo Sakamoto no Blog O Facebook confirma que essa página (facebook.com/ceticismopolitico) e os perfis não voltam ao ar. ''Nossos Padrões da Comunidade não permitem perfis falsos, e contamos com nossa comunidade para denunciar contas assim. Páginas administradas por perfis falsos também violam nossas políticas'', afirmou comunicado da empresa ao blog. Após o bloqueio de sua página, o site Ceticismo Político publicou um texto de alguém que afirma se chamar Carlos Augusto de Moraes Afonso e que seria responsável pelo pseudônimo Luciano Ayan e por suas páginas no Facebook. O nome Carlos Augusto de Moraes Afonso aparece como um dos donos da empresa ...

    Leia mais
    BRENDAN SMIALOWSKI/AFP/Getty Images

    Jornais partem para uma nova guerra contra o Facebook

    Ao anunciar  que deixará de publicar matérias jornalísticas na rede social Facebook, a Folha de S.Paulo confirmou uma tendência que já contagiou mais da metade dos 72 jornais, revistas e sites noticiosos do mundo inteiro que apostaram no projeto Instant News, lançado, em maio de 2015, pela maior rede social da internet . Por Carlos Castilho, do Observatório da Imprensa BRENDAN SMIALOWSKI/AFP/Getty Images Tudo indica que é o fim de uma aliança que desde o começo foi carregada de desconfianças e dúvidas porque na verdade sempre foi um casamento de interesses. A imprensa tradicional procurava ampliar seu público leitor e com ele as receitas de publicidade, enquanto o Facebook buscava incorporar qualidade ao seu serviço, na tentativa de superar sua imagem como rede de fofocas e fotos de animais de estimação. Mas os quase três anos de existência do Instant News, a área do Facebook dedicada à publicação de matérias jornalísticas, acabaram num impasse, tudo por conta do ...

    Leia mais
    blank

    Facebook divulga primeiro aumento no número de funcionários negros desde 2014

    O Facebook divulgou nesta quinta-feira, 3, mais uma edição do seu relatório de diversidade e representatividade. Pela primeira vez desde 2014, o quadro de pessoas negras trabalhando na sede da empresa nos EUA viu um aumento: de 2% no ano passado para 3% neste ano. POR LUCAS CARVALHO, DO Olhar Digital  Ainda é pouco se considerarmos que, segundo o relatório, 49% dos funcionários da sede nos EUA são brancos, enquanto outros 40% são asiáticos e 5% são hispânicos. Por outro lado, é a primeira vez que o total de profissionais brancos fica abaixo dos 50%. A companhia não divulgou informações sobre representatividade étnica no mundo todo, mas apenas em sua sede nos EUA. Em termos globais, só o que o Facebook divulgou foi a divisão entre homens e mulheres. No mundo inteiro, 65% dos seus funcionários são homens, e 35% são mulheres. A diferença continua nítida, mas também houve uma mudança positiva ...

    Leia mais
    blank

    Estupro coletivo é transmitido ao vivo através do Facebook

    O estupro coletivo foi veiculado em um grupo com cerca de 10 mil membros. Por Julia Warken Do Mde Mulher Através de um grupo privado no Facebook, três homens transmitiram ao vivo um estupro coletivo neste domingo (22). O crime ocorreu em Uppsala, na Suécia e foi assistido por centenas de pessoas, segundo a polícia local. Por conta de denúncias, nesta segunda-feira (24), a polícia conseguiu prender os três homens. Eles tem entre 18, 20 e 24 anos, segundo o The New York Times. A vítima é uma garota de 18 anos, de acordo com o The Guardian. A investigação ainda não foi concluída e a polícia informou que está realizando uma série de entrevistas. Além disso, também há a preocupação com o compartilhamento do material. “Muita gente assistiu ao vídeo na internet e nós estamos trabalhando para prevenir que ele se espalhe”, disse a porta-voz da polícia, Lisa Sannervik.

    Leia mais
    blank

    Jornalista Lorena Ifé cria grupo no Facebook para reunir pessoas negras interessadas em paquerar

    Quando a jornalista e empreendedora Lorena Ifé decidiu criar um grupo no Facebook para reunir pessoas negras interessadas em paquerar, não imaginava que em menos de uma semana chegariam mais de 500 solicitações para aprovar. Por Donminique Azevedo, do  Correio Nagô “Eu sempre questionei o aplicativo Tinder, porque acho poucas pessoas negras. Além disso, um grupo de pessoas negras – que faço parte – fizeram uma postagem que continha a frase  ‘afrotinder, momento paquera’. Quando criei esse outro grupo, fiquei surpresa porque não esperava que tinha tanta querendo fazer parte, mas ao mesmo tempo feliz de ver essa corrente de amor preto crescendo”, revela Lorena Ifê. Lorena Ifé. Foto: Heder Novaes O Afrodengo (link para o facebook) está descrito como “um grupo de paquera virtual criado para pessoas negras e tem como proposta ser um espaço de interação, flerte, construção de relações saudáveis, saídas casuais com o intuito de fortalecer a afetividade ...

    Leia mais
    blank

    Miss Roraima 2016 é vítima de comentários racistas no Facebook

    Iane Cardoso é baiana e foi escolhida para representar RR no Miss Brasil. 'Estou bem tranquila e sei do meu potencial', disse a jovem. Por Inaê Brandão, do G1  Iane foi alvo de comentários racistas no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook/Bellymaníacas) A advogada Iane Cardoso, de 23 anos, escolhida para representar Roraima no concurso Miss Brasil Universo 2016 foi alvo de comentários racistas na internet desde esta segunda-feira (26). Internautas compartilharam fotos da jovem com comentários pejorativos sobre traços indígenas. Ao G1, Iane, que é baiana da cidade de Juazeiro, disse estar acompanhando as publicações sobre ela, mas que preferia não comentar o assunto. "O concurso já é nesse sábado. Aqui é tudo bem corrido, não paramos. Só o que posso dizer é que estou bem tranquila e sei do meu potencial", disse a jovem. Na legenda em que compartilhou a foto de Iane um internauta comentou: "Tanta mulher bonita aqui em Roraima, ...

    Leia mais
    blank

    Como grupos do Facebook contribuem para o feminismo

    Nossa repórter, Nathalia Levy, participou de grupos feministas do Facebook e conta sua experiência aqui. Por Nathalia Levy, do MdeMulher  Ser ativista é exercer uma atividade política com grande empenho. Segundo o dicionário Michaelis, é também direcionar toda a criação espiritual, como a arte e a teoria científica, a uma meta específica. Nas ruas ou atrás de um computador, é possível, sim, discutir ideias, aumentar o debate e contribuir para a causa na qual você acredita. E como eu percebi isso? Em grupos no Facebook! No meu caso, minha meta é o fim da desigualdade de gênero. Sou feministae, quando me falam de forma pejorativa sobre o tal "ativismo de sofá", só consigo pensar em como esses espaços virtuais de discussão me ajudaram arepensar tantos preconceitos, que, no fim, refletiu em tudo o que faço offline. Isso não é exclusividade do feminismo. Há grupos que abordam racismo, orientação sexual e identidade de ...

    Leia mais
    blank

    Mark Zuckerberg fundador do Facebook se encontra com Merkel para discutir racismo

    "A minha impressão é que o senhor Zuckerberg entende a importância do assunto”, referiu um representante de Merkel. O Facebook foi fortemente criticado depois da onda de imigrações que atingiu a Europa, e em particular a Alemanha, por não apagar as publicações anti imigrações feitas, majoritariamente, por simpatizantes do neonazismo. Mark Zuckerberg, CEO do Facebook e Angela Merkel, Chanceler da Alemanha, se encontraram em Berlim onde o fundador do Facebook reiterou a importância de diminuir o discurso racista na rede social. Um representante de Merkel afirma que "obviamente queremos o conteúdo ilegal removido da internet". “A minha impressão é que o senhor Zuckerberg entende a importância do assunto”, referiu o mesmo representante, citado pela Reuters.

    Leia mais
    blank

    Facebook inicia campanha na Europa contra mensagens extremistas

    A empresa prometeu um milhão de euros para apoiar organizações não governamentais nos seus esforços contra posts racistas e xenófobos no Notícias O Facebook iniciou uma campanha na Europa nesta segunda-feira para combater mensagens extremistas na rede social, depois que políticos alemães em particular expressaram preocupações com o aumento dos comentários xenófobos ligados ao fluxo de refugiados. O grupo, sediado nos Estados Unidos, lançou a sua “Iniciativa por Coragem Civil On-line” em Berlim, prometendo um milhão de euros para apoiar organizações não governamentais nos seus esforços contra posts racistas e xenófobos. Sheryl Sandberg, diretora de operações do Facebook, afirmou que o discurso de ódio “não tinha lugar na nossa sociedade”, incluindo na internet. As regras do Facebook proíbem intimidação, assédio e ameaças, mas críticos dizem que a rede social não as aplica de maneira apropriada. Na sexta-feira, a empresa declarou que havia alugado uma unidade do grupo de mídia Bertelsmann ...

    Leia mais
    blank

    Facebook, Google e Twitter aceitam aplicar lei alemã contra racismo e xenofobia

    Empresas devem apagar comentários que atentem contra refugiados e migrantes que procuram apoio na Alemanha. no Publico.PT O Facebook, Google e Twitter concordaram em apagar todas as referências a discursos de ódio das suas páginas dentro de 24 horas a pedido da Alemanha, numa medida de combate ao racismo online que aumentou no país com a crise de refugiados na Europa. O governo alemão tem pedido às plataformas sociais que estejam atentas a comentários contra cidadãos estrangeiros feitos online num momento em que a Alemanha tenta dar resposta aos pedidos de ajuda de mais de um milhão de refugiados e migrantes. O ministro alemão da Justiça, citado pela Reuters, considera que o acordo entre as três empresas e o governo facilita a denúncia de casos de discurso de ódio por utilizadores e grupos anti-racismo. "Quando os limites da liberdade de expressão são transgredidos, quando se trata de expressões criminais, sedição, ...

    Leia mais
    blank

    Polícia se organiza para caçar os “grupos de ódio” no Facebook

    A internet é um lugar incrível, nela temos acesso quase irrestrito a informação e ferramentas para nos comunicarmos. As redes sociais só potencializam este aspecto, nos permitindo alcançar uma audiência nunca antes sonhada antes da criação da rede. O problema aparece quando muitas pessoas se valem da anonimidade do computador ou a distância do mesmo para propagar discursos de ódio, racismo e intolerância. A polícia civil de São Paulo e o Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância) iniciaram recentemente uma investigação para tentar desbaratar dois grandes grupos de jovens que propagam o ódio pela rede. no Tudo Celular De acordo com a investigação corrente, eles são suspeitos de coordenar cyber attacks contra perfis de figuras públicas, como ativistas, jornalistas e políticos e também contra fã-clubes de artistas. Um dos melhores exemplos desta atuação foi na página do Jornal Nacional no Facebook, onde a jornalista Maria Júlia Coutinho foi absolutamente atacada por sua etnia. ...

    Leia mais
    blank

    Facebook fecha parceria com Brasil para ampliar conexão gratuita no país

    O Facebook e o governo do Brasil anunciaram uma parceria nesta sexta-feira (10) para ampliar o acesso gratuito à internet em áreas remotas do país e para populações de baixa renda. O anúncio foi feito pela presidente Dilma Rousseff e pelo diretor-executivo da rede social, Mark Zuckerberg, após uma reunião paralela à Cúpula das Américas, realizada no Panamá. Do UOL No acordo firmado, a gigante da internet entrará com a infraestrutura física, enquanto que o governo, com o conteúdo. A proposta faz parte do projeto Internet.org, uma iniciativa do Facebook em conjunto com os fornecedores de internet locais para permitir que usuários de qualquer smartphone possam acessar gratuitamente serviços básicos. De acordo com a presidente, saúde e educação serão as áreas prioritárias. "A partir de agora, vamos começar a desenvolver estudos em comum, até desenhar um projeto comum com o objetivo da inclusão digital", disse a presidente em uma declaração à imprensa ...

    Leia mais
    blank

    Facebook tira do ar comunidade racista após denúncias

    Depois que vários usuários postarem no próprio Facebook denúncias da existência de uma comunidade denominada “Eu não mereço mulher preta”, a rede social removeu a página do ar na tarde deste sábado (14) “por violação dos termos de uso”. A confraria virtual contabilizava até então mais de mil curtidas. Uma postagem de sexta-feira (13) às 12h30 informava que o conteúdo voltara ao ar porque “o Facebook teria aceito um recurso dos criadores”. Nas postagens, apologia ao nazismo e comentários que incorriam em diversos crimes previstos na Constituição Federal e outras leis brasileiras e internacionais. A Constituição de 1988 estabelece já em seu artigo 4º que a República Federativa do Brasil rege-se, entre outros, pelo princípio do repúdio ao racismo. O inciso 42 do artigo 5º do texto constitucional ressalta que “a prática do racismo constitui crime inafiançável e imprescritível, sujeito à pena de reclusão nos termos da lei”. A Lei ...

    Leia mais
    blank

    #SalaSocial: No Facebook, campanha do governo é acusada de ser machista

    Uma campanha bem intencionada do Ministério da Justiça (MJ) com objetivo de desestimular o consumo de álcool entre os jovens foi criticada por muitos usuários do Facebook, que consideraram as peças publicitárias "machistas", "moralistas" e "hipócritas". Por Mariana Schreiber no BBC Na tarde desta quinta-feira, a página do ministério publicou uma imagem de uma mulher com expressão apreensiva enquanto outras duas riem ao fundo. Sobre a imagem, a mensagem: "Bebeu demais e esqueceu do que fez? Seus amigos irão lembrar por muito tempo". Em seguida, o slogan reforça: "Bebeu, perdeu. Curta a vida sem beber". Para muitos usuários do Facebook, o post do Ministério da Justiça reforça o discurso de que a mulher é culpada das violências que sofre. Após três horas da publicação, o post havia gerado mais de 1.300 comentários, majoritariamente negativos. Diante da avalanche de reclamações, o órgão acabou deletando a publicação e pedindo desculpas. "Por que o ...

    Leia mais
    blank

    Policiais civis humilham grávida em vídeo divulgado no Facebook

    Caso aconteceu no início de setembro em São José dos Campos (SP); SSP diz que o vídeo foi enviado à Corregedoria, que afirma desconhecer a situação; Ouvidoria diz que vai enviar, de fato, a situação à Corregedoria Por: Luís Adorno  do Ponte Um vídeo divulgado no YouTube e Facebook no início de setembro mostra dois policiais civis humilhando uma pessoa suspeita. Na gravação, feita por um dos próprios policiais, J.M., de 19 anos, grávida de dois meses, foi chamada por diversas vezes de “lixo“, “sem vergonha“, “bandidona“ e “filha da p…“. Procurada, a jovem pediu para não ser identificada. O caso aconteceu em São José dos Campos, a 94 km da capital paulista. Assim que abriram o porta-malas da Blazer preta identificada como P-23338, placa DJL-4211, onde a jovem estava, os policiais a obrigam a dizer seu primeiro nome. Depois, começam a perguntar sobre suas postagens no Facebook, que seriam contra a atuação da ...

    Leia mais
    blank

    Facebook pede desculpas a drag queens por exigência de ‘nome real’ do usuário

    A partir de agora, membros da comunidade poderão utilizar denominação social A rede social Facebook pediu desculpas publicamente nesta quarta-feira (02) por apagar perfis de usuários transgêneros por suposta violação da política de privacidade da empresa de utilizar “nomes reais”. O site agora permitirá que membros da comunidade transexual utilize o “nome autêntico que eles usam na vida real", ou seja, o nome social. A polêmica começou quando irmã Roma, uma drag queen nos Estados Unidos, acusou o Facebook de excluir “centenas” de contas no mês passado. Na ocasião, a rede social explicou que não havia percebido que transexuais em particular estavam sendo os principais alvos, já que o grupo estava “entre os milhares de casos de nomes falsos sendo processados a cada semana”. - Quero pedir desculpas à comunidade de drag queens e drag king, transgêneros e extensa comunidade de nossos amigos, vizinhos e membros da comunidade LGBT pelas ...

    Leia mais
    blank

    Mulher processa o Facebook em US$ 123 milhões após ser vítima da “pornografia da vingança”

    Uma mulher de Houston, nos Estados Unidos, está processando o Facebook e um “ex-amigo” em US$ 123 milhões, alegando ser vítima da chamada “pornografia da vingança” na rede social. Andréa Martinelli Meryam Ali diz que seu até então amigo, Adeel Shah Khan, criou uma página falsa no Facebook com seu nome, que continham fotografias adulteradas, em que seu rosto aparecia em montagens com corpos nus. Ali disse que descobriu o perfil em dezembro de 2013 e que pediu que a página fosse tirada do ar, mas seu pedido foi negado. A história foi para frente quando o Departamento de Polícia de Houston intimou a rede social, em um esforço para tentar identificar quem havia criado a página com as imagens de Maryam, de acordo com o The Wrap. "É uma situação muito séria", disse o advogado de Ali David Altenbern à revista Texas Lawyer. "Ela está, obviamente, muito abalada com o que aconteceu. Muito ...

    Leia mais
    blank

    Quatro páginas do Facebook para conhecer mulheres incríveis

    Sinto desapontar quem chegou aqui achando que receberia dicas de cantadas ou links para páginas do Facebook de gosto duvidoso. Esta semana, voltou a bombar na minha timeline a página “Moça, você é maneira”. Existe já há tempos: a página está no ar desde fevereiro de 2013, com o objetivo (já diz a descrição) de “celebrar as mulheres em todas as suas formas, escolhas e feitos.” Quase diariamente são publicadas pequenas biografias de mulheres ilustres do passado ou do presente, que se destacaram em sua área de atuação. São mulheres cientistas (como a biofísica Rosalind Franklin), atrizes (Hedy Lamarr), atletas (Marta), cantoras (Elza Soares), primatologistas (Jane Goodall).  Até a Palmirinha, a culinarista mais querida do Brasil, está lá. E com muito mérito. Por RAFAEL CISCATIA página veio em boa hora: há poucas semanas, o Facebook divulgou um relatório de diversidade da empresa. Segundo seus dados, meros 31% do seu quadro global ...

    Leia mais
    Cantora usa o Facebook para denunciar agressão do namorado

    Cantora usa o Facebook para denunciar agressão do namorado

    Na última segunda-feira, 14 de julho, a cantora Flavia da Silva Pereira, de 39 anos, marcava presença mais uma vez na roda de samba da Pedra do Sal, na Gamboa, Centro do Rio de Janeiro. Como de costume, ela se reuniu com amigos na casa de Fernando Luiz, com quem mantinha um relacionamento há cerca de quatro meses. Segundo Flavia, sua noite terminou bem diferente que as de costume, com uma peregrinação de seis horas entre delegacias e hospital para registrar uma agressão. Após uma discussão sobre a relação, Fernando teria lhe dado um soco no rosto, que feriu sua retina e poderia ter lhe deixado cega. - Estávamos negociando uma volta, mas ele "entrou numa" achando que eu tinha marcado com outro rapaz lá, me falou coisas horrorosas. Tentei acalmá-lo, disse que ele estava sendo injusto, para ficar tranquilo. Aí voltei para sala, peguei o violão e voltei a ...

    Leia mais
    Página 1 de 2 1 2

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist