terça-feira, maio 11, 2021

Tag: teatro

Jardim das folhas sagradas

Jardim das Folhas Sagradas: Um cinema com a cara do Brasil

Jorge Portugal Deve estrear em breve o filme "Jardim das Folhas Sagradas", do cineasta baiano Pola Ribeiro.Em sessão especial para a imprensa local, pude vê-lo e saí vivamente encantado por muitos aspectos que não encontro no cinema que se faz atualmente no país. Para os olhares mais apressados, o "Jardim" pode parecer apenas um filme feito sobre o Candomblé, seus rituais, mistérios e até polaridades internas.Mas eu lhe peço, desde já, que se desarme de qualquer preconceito (se é outro o seu credo) e dirija ao filme o olhar humano e inteligente que merece toda grande obra de arte.Não há dúvida de que o povo negro da Bahia e sua cultura religiosa ocupam a centralidade da trama que, no entanto, traz outros temas que pontilham nosso debate contemporâneo e dizem respeito ao tipo de organização social que queremos e à sustentabilidade do planeta em que moramos: a intolerância religiosa, o ...

Leia mais
Photo by Marc Baptiste

Spike Lee confirmado para refilmagem de Oldboy

Foi confirmado nesta segunda-feira (11) o nome do diretor Spike Lee para comandar a refilmagem do cultuado filme sul-coreano Oldboy. O estúdio Mandate, responsável pela produção do longa, através de seu presidente Nathan Kahane, revelou o nome de Lee em comunicado oficial. - É uma grande honra deixar esse projeto especial nas mãos de um diretor tão inspirado e verdadeiro ícone de nossa geração. Oldboy, o original de 2003, conta a história de um homem que foi mantido preso por 15 anos sem sequer saber por que foi preso e mesmo por que e como foi solto. Assim que ele é solto, começa uma jornada para descobrir esses mistérios e conhece o verdadeiro responsável pelo drama de sua vida. A produção, que é adaptação de um mangá, ganhou o grande prêmio do júri no Festival de Cannes de 2004 e é considerada um marco do cinema asiático. Desde o começo ...

Leia mais
ng1550428

Dramaturga negra que conquistou palcos ingleses

Por JOANA EMÍDIO MARQUES   Estreou uma peça sobre Martin Luther King numa obscura sala londrina e ganhou o mais importante prémio de teatro: o Laurence Olivier. Foi a primeira mulher negra a obtê-lo. Katori tem um nome japonês, nasceu em Memphis, no estado americano de Tennessee, vive em Nova Iorque e a Inglaterra deu-lhe um dos mais prestigiados prémios de teatro: o Laurence Olivier, para melhor peça de teatro em 2010. Foi a primeira mulher negra a receber esta distinção. A peça chama-se The Mountaintop, recria a última noite de vida do activista negro Martin Luther King e vai passar do West End londrino para a Broadway já no próximo Verão. O actor Samuel L. Jackson interpreta o papel principal. Uma conversa com Katori Hall, 30 anos, torna-se inevitavelmente um tempo bem passado. O olhar inteligente e irónico que lança sobre si própria e sobre o mundo em redor ...

Leia mais
broder-caio-blat

Filme: Bróder impressiona com retrato complexo da periferia

A câmera persegue desesperadamente três garotos que correm por entre as vielas e corredores estreitos do Capão Redondo. No entanto, aqui, eles não estão fugindo da polícia ou de traficantes. Trata-se de uma brincadeira, uma disputa para ver quem chega primeiro ao local combinado. É com essa visão lúdica da periferia que Jeferson De faz sua ótima estreia com Bróder. O longa se diferencia dos demais filmes de favela do cinema brasileiro. Após premiação da crítica no festival de Paulínia e de ganhar quase tudo em Gramado, a produção chegou ao circuito comercial neste 21 de abril e dá novo fôlego ao cinema nacional, fugindo um pouco do óbvio e dos temas batidos que foram se acumulando nos últimos anos. Na história, três amigos de infância se reencontram depois de um período de distanciamento: Pibe (Sílvio Guindane) decidiu sair do Capão Redondo e se tornou corretor de imóveis, mas passa por ...

Leia mais
Renato-Rocha-Miranda

Ruth de Souza completa hoje 90 anos

Por: Rubens Ewald Filho   Sempre tive uma especial admiração por Ruth de Souza, desde garoto quando a vi em Sinhá Moça, o famoso filme da Vera Cruz, e fiquei impressionado com sua interpretação. Que reza a lenda comoveu o Festival de Veneza, onde por pouco ela não levou o prêmio de atriz (no seu lugar levou Lilli Palmer por Leito Nupcial, onde era a protagonista num filme de dois únicos atores. Enquanto Ruth, ainda que notável, era coadjuvante). Desde então sempre a segui fiel, admirando que ela falasse inglês (e por isso de vez em quando aparecia em fitas estrangeiras rodadas no Brasil) e que tivesse uma carreira tão longa na Rede Globo (onde é contratada até hoje e fez inúmeros trabalhos, o último foi a série Na Forma da Lei). Quando começamos a Coleção Aplauso na Imprensa Oficial, hoje interrompida, fizemos uma primeira seleção de nomes famosos para ...

Leia mais
criacao-do-mundo

A criação do universo à luz dos africanos

O grupo Afaia Bambaré – Arte e Cultura Negra apresenta o espetáculo teatral "Èmí – A concepção yorubana do universo", que estreou em 1990 e agora ganha remontagem. A volta aos palcos foi possível com recursos do I Prêmio Nacional de Expressões Culturais Afro-brasileiras, uma iniciativa do Ministério da Cultura (MinC), em parceria com a Fundação Palmares e o Centro de Apoio ao Desenvolvimento Osvaldo dos Santos Neves (Cadon), com patrocínio da Petrobras. "Èmí", na linguagem yorubá, significa "vida" e o grupo pretende mostrar justamente como todo o cosmos foi criado, a partir dos preceitos do povo Yorubá, que crê nas trocas que ocorrem entre os seres vivos e a natureza ao redor. A nova versão do espetáculo foi reescrita, com textos do babalorixá e compositor Edson Catendê, e algumas adaptações contextuais também foram reformatadas. O objetivo é mostrar a concepção do universo tal como acredita o povo yorubá, natural ...

Leia mais
lazaro

Lázaro Ramos escolhe os melhores filmes do cinema brasileiro

Por: Luisa Girão Um dos mais importantes atores do cinema nacional na atualidade lista os seus filmes favoritos Com mais de 17 filmes em seu currículo, Lázaro Ramos é um dos principais atores do cinema nacional atualmente. Com papéis marcantes como "Madame Satã" e o Roque de "Ó, Pai, ó", Lázaro afirma que não sabe ao certo quantos filmes já gravou. "Eu não conto porque acho que dá azar. Quando você começa a contar, parece que surgem menos convites", disse. O ator, que prestigiou o Festival do Rio na noite de quarta-feira (29), listou a pedido do iG o seu "top 5" dos melhores filmes brasileiros. 1. "Central do Brasil" (1998), de Walter Salles. É um road-movie sentimental, a partir da amizade entre uma mulher que busca uma segunda chance e um garoto que quer encontrar suas raízes. "É um filme em que todos – atores e equipes – estavam ...

Leia mais
i213848

ESPELHO ATLÂNTICO na Revista RAÇA deste mês!

PanoramaCine Negra Diáspora De Almada Conduzindo Miss Daise (1989), A cor púrpura (1985) e Faça a coisa certa (1998) são filmes colocados no imaginário dos cinéfilos do mundo todo e considerados clássicos da Sétima Arte nos quais foi marcante a presença negra. Atualmente já existe quem aponte para a existência de um "cinema da diáspora negra", expressão sob a qual se abrigam as produções de cineastas de diferentes nacionalidades - negros e brancos - inspirados por questões ou personagens negras. Mas onde este tipo de obra estaria sendo produzida? Quem são os artistas que assinam roteiros, dirigem equipes e que atuam nos sets de filmagens? É um cinema crescido e forte o suficiente para buscar seu lugar no disputado mercado cinematográfico? A cineasta paulista Lilian Solá Santiago, que há três anos vem assinando a organização, produção e curadoria de um dos mais bem sucedidos festivais de cinema negro internacional realizado ...

Leia mais
Josephine-Baker- 0001

Josephine Baker

Josephine Baker (03 de junho de 1906 – 12 de abril de 1975), foi uma atriz e artista de teatro de variedades americana que mudou-se para a França, onde tornou-se cidadã francesa em 1937.  Destacou-se sobretudo como cantora, mas também se distinguiu como dançarina no início de sua carreira.  Ficou sendo conhecida como a “Vênus de Bronze” ou a “Pérola Negra”, bem como a “Deusa Crioula” nas nações de língua inglesa.  Na França sempre foi conhecida como “La Baker”. Josephine Baker foi a primeira afro-americana a desempenhar o principal papel numa grande produção cinematográfica, a primeira a apresentar-se perante uma platéia de brancos e negros numa sala de concertos americana, a primeira artista negra de teatro de variedades a se tornar  mundialmente famosa.  Notabilizou-se também por sua contribuição ao Movimento pelos Direitos Civis, nos Estados Unidos (foi-lhe oferecida a liderança do movimento por Coretta Scott King, em 1968, após o ...

Leia mais
ruth-de-souza

Ruth de Souza – A nossa estrela maior

Rio de janeiro, 8 de maio de 1945. No mesmo momento em que a população festejava pelas ruas o fim da II Guerra Mundial, o elenco da peça o Imperador Jones subia pela primeira vez ao palco do teatro Municipal.  Rio de janeiro, 8 de maio de 1945. No mesmo momento em que a população festejava pelas ruas o fim da II Guerra Mundial, o elenco da peça o Imperador Jones subia pela primeira vez ao palco do teatro Municipal. Dentro da casa de espetáculos mais imponente da cidade, podia se escutar os tiros em festejo à vitória dos Aliados. O espocar das balas se confundia com os tiros de festim que os atores do teatro experimental do negro (ten) reproduziam numa das cenas da peça do dramaturgo afro-americano eugène o´neil. Era uma noite atípica! Assim como conflitos bélicos mundiais não acontecem e terminam todos os dias, artistas negros subindo ...

Leia mais
seteventos

Espetáculo SETE VENTOS – baseado em depoimentos de mulheres – Temporada de 14 de maio a 07 de junho

Monólogo teatral baseado em depoimentos de mulheres negras e Iansã. O espetáculo foi contemplado com o Prêmio Myria, Muniz de Teatro/2009 e conta com a atuação da atriz, professora de teatro e pesquisadora Débora Almeida. A história contada é a de Bárbara, uma escritora negra, filha de Iansã que conta para a platéia histórias das mulheres que influenciaram a sua vida e sobre o seu processo de construção de uma identidade feminina baseada em seus referenciais afro-brasileiros. O espetáculo toca em temas como amor, solidão, maternidade, sexualidade, preconceito e superação. Em cartaz no Teatro da Cia dos Atores , Rua Manoel Carneiro, 10/12 (Escadaria Selaron), na Lapa. Temporada de 14 de maio a 07 de junho Sextas, sábados e segundas-feiras às 20h Domingos às 19h Temporada popular. Promoção para grupos de ongs, escolas e associações. Fazemos debates após a sessão e podemos encaminhar uma oficina em um momento posterior, caso ...

Leia mais
danny

Encontro de Cinema Negro terá documentário de Lázaro Ramos e presença de Danny Glover

  RIO - Com direito a presença do astro internacional Danny Glover e documentário de Lázaro Ramos, começa nesta terça-feira (10.11), no Rio, a maior - e mais pop - edição do Encontro de Cinema Negro Brasil, África e Américas. No terceiro ano consecutivo, a mostra reúne 49 filmes, que serão exibidos por R$ 3 até o dia 18 de novembro no Odeon, no Centro Cultural Justiça Federal, no Espaço Tom Jobim, no Centro Afro Carioca de Cinema e numa tenda montada ao ar livre na Lapa, onde a entrada é franca. Assista ao trailer de 'Em quadro - A história de 4 negros nas telas' O encontro, idealizado pelo cineasta carioca Zózimo Bulbul, de 73 anos, vai receber 15 convidados internacionais. Danny Glover representa o filme "Hacer arte, hacer justicia", do cubano Rigoberto Lopez. As exibições de domingo no Odeon e segunda no Espaço Tom Jobim, ambas às 18h, ...

Leia mais
image001

Ruth de Souza

Ruth Pinto de Souza (Rio de Janeiro RJ 1930). Atriz. Funda e integra o Teatro Experimental do Negro e participa dos elencos de Os Comediantes. {gallery}artes/ruth{/gallery} Ainda adolescente, entra para o Teatro Experimental do Negro, TEN, companhia de Abdias do Nascimento, onde atua no espetáculo de estréia, O Imperador Jones, de Eugene O'Neill, 1945. No ano seguinte, se apresenta em Todos os Filhos de Deus Têm Asas, novamente de O'Neill, e do Festival do Segundo Aniversário do TEN, que apresenta, entre outras peças, O Moleque Sonhador, de O'Neill. Em 1947, Ruth de Souza é convidada a participar de Terras do Sem Fim, de Jorge Amado, realizada por Os Comediantes, com direção de Zigmunt Turkov. A atriz interpreta a personagem Joana, a quem ela retorna anos depois na versão cinematográfica do romance. Permanece no TEN enquanto duram suas atividades, sempre interpretando as principais personagens femininas. Em 1947, recebe o prêmio revelação ...

Leia mais
image001

Grande Otelo

Sebastião Bernardes de Souza Prata (Uberlândia MG 1915 1 - Paris, França 1993). Ator, compositor e cantor. Ícone do teatro de revista e das chanchadas de cinema, carrega de comicidade e histrionismo a composição de tipos, baseados na ginga do sambista e na esperteza do malandro. Seu trabalho no palco contribui decisivamente para a criação de uma linguagem brasileira de teatro musical. Inicia a carreira ainda criança, na Companhia de Comédia e Variedades Sarah Bernhardt, que está de passagem por Uberlândia, Minas Gerais. Isabel e Abigail Parecis, responsáveis pela companhia, convidam-no a integrar o elenco de uma das peças do repertório que é apresentada na cidade e, em razão de seu desempenho, pedem à mãe para adotá-lo e o levam para São Paulo. Em 1926, o menino ingressa na Companhia Negra de Revistas, que estréia em São Paulo e excursiona por seis Estados brasileiros, entre eles o Rio de Janeiro. ...

Leia mais
Página 11 de 11 1 10 11

Welcome Back!

Login to your account below

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist