segunda-feira, agosto 3, 2020

    Tag: auxilio emergencial

    Brasília - O Distrito Federal amanheceu nublado e com chuva na manhã deste sábado (23). O período chuvoso traz transtornos para moradores de rua (José Cruz/Agência Brasil)

    Ao menos 26 mil moradores de rua tiveram auxílio emergencial negado

    Pelo menos 26 mil brasileiros em situação de rua, inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal, tiveram o acesso ao auxílio emergencial negado. O número representa quase 20% dos 144,5 mil moradores de rua que estão inscritos na plataforma. Desse total, segundo reportagem do Metrópoles, o auxílio de R$ 600 foi pago a 118,6 mil cidadãos. O número de pessoas em situação de rua e que não receberam o auxílio, no entanto, pode ser ainda maior, já que nem toda essa população está no CadÚnico. Levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) publicado em junho estima que a população em situação de rua chegou a quase 222 mil pessoas em março de 2020. Uma grande parte dos brasileiros nessa condição, portanto, não estão no CadÚnico. Eles precisariam de um celular, computador ou da ajuda de outra pessoa para solicitar o benefício, já que o acesso ao programa é ...

    Leia mais
    (Foto: Marta Azevedo)

    Freio na solidariedade

    Na esteira da pane no mercado de trabalho, da queda de renda das famílias, das dificuldades financeiras das empresas e da precipitada flexibilização do isolamento social nas principais metrópoles brasileiras, diminuiu o volume de doações que viabilizam ações humanitárias em favelas e periferias. Projetos de entrega de cestas básicas, kits de higiene, água potável e até de produção de máscaras de proteção individual (agora de uso obrigatório nas cidades) perceberam o freio na solidariedade, a partir do terceiro mês da crise decorrente da pandemia da Covid-19. É sinal preocupante, porque a vulnerabilidade das famílias que perderam trabalho, renda ou provedores segue imensa. E ainda não tem prazo para terminar. Os principais coletivos de favelas do Rio de Janeiro que, na primeira hora da crise sanitária, se organizaram para socorrer os lares lançados subitamente à extrema pobreza notaram a partir de junho o encolhimento das doações. Aconteceu no Gabinete de Crise ...

    Leia mais
    Brasileiros aguardam em fila para receber segunda parcela do auxilio emergencial do governo durante a pandemia do novo coronavírus. (Foto: Cléber Júnior)

    Negros pediram mais auxílio emergencial, mas brancos tiveram maior sucesso

    A maioria dos que solicitaram ao governo o auxílio emergencial de 600 reais, anunciado à população mais vulnerável em meio à pandemia do coronavírus, é formada de pessoas negras. Entre os contemplados até agora, no entanto, a taxa de sucesso dos não negros é melhor. Levantamento feito pelo Instituto Locomotiva mostra que, entre os negros que pediram o auxílio, 74% tiveram o pedido liberado. Essa taxa foi de 81% entre os não negros que fizeram a solicitação. Do grupo total de candidatos ao benefício temporário, 43% eram negros e 37% não negros. A informação é de um estudo mais amplo divulgado nesta quarta-feira, 17, pelo instituto e que mostra como o racismo está arraigado no Brasil, onde negros ocupam mais posições precárias e com menor renda, mas são menos beneficiados. “7% ainda acham que não existe racismo no país. Precisamos continuar incentivando e falando sobre a importância de cada vez ...

    Leia mais
    A agência da Caixa Econômica em Bonsucesso registrou filas nesta terça Foto: Marcelo Régua / Agência O Globo

    Auxílio emergencial: 10 milhões de cadastros ainda estão em análise

    Cerca de 10 milhões de cadastros ainda estão em análise e sem liberação do auxílio emergencial de R$ 600. O último lote de aprovados para receber o beneficio foi liberado há mais de dez dias, em 15 de maio. De acordo com o presidente Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, são os 5 milhões de pedidos registrados neste mês de maio e os 4,9 milhões de cadastros que foram feitos ainda em abril, mas foram considerados inconclusivos no primeiro momento e agora passam por uma segunda análise. Na segunda-feira, Pedro Guimarães informou que o banco aguarda a liberação dos cadastros para fazer o pagamento. - Existem 10 milhões de pessoas em análise pela Dataprev, sendo 5 milhões em primeira análise e 4,9 milhões em uma segunda ou terceira análise análise. Assim que recebermos essa base de dados, começaremos a pagar - afirmou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães. A análise desses cadastros está sendo feita ...

    Leia mais
    Brasileiros que trabalham fora do país têm direito a auxílios financeiros bem maiores (Imagem: Pixabay)

    Até R$ 28 mil: auxílio durante a pandemia pode ser 15 vezes maior fora do Brasil

    Nesta semana, o auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores informais e de R$ 1.200 para mães que são chefes de família começou a ser pago pelo Governo Federal. O objetivo é evitar que esta população, uma das mais atingidas pela paralisação causada pela pandemia do Covid-19 , fique sem renda e possa se manter durante o período de isolamento. O valor determinado pelo governo brasileiro, entretanto, chega a ser até 15 vezes menor do que o oferecido por outros governos pelo mundo. Com isso, brasileiros que moram e trabalham fora do país acabam tendo direito a receber auxílios maiores e que dão mais segurança para o enfrentamento da crise, que não tem data definida para terminar e pode se prolongar por três meses ou mais. Representando cerca de 63% do salário mínimo vigente no Brasil , o valor da ajuda emergencial foi definido em discussão durante votação no congresso ...

    Leia mais
    (Foto: NAYRA HALM/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO)

    Trabalhadores à espera de auxílio se sentem insultados por Bolsonaro

    A declaração do presidente Jair Bolsonaro na última quinta-feira, de que as pessoas à espera do auxílio-emergencial são uma "minoria barulhenta", não foi bem recebida pelos trabalhadores. A frase foi dita durante sua live semanal transmitida pelas redes sociais. Segundo a Caixa Econômica Federal, há 17 milhões de pedidos do benefício de R$ 600 represados. O estudante de Psicologia e deficiente visual Lucas Bento Morais, de 20 anos, disse ter se sentido humilhado pela fala do presidente, que segundo ele teve um tom pejorativo. — Essa minoria tem pobres, negros, e deficientes visuais, como eu. Não é uma minoria de empresários. Me sinto humilhado porque a gente é pobre e é uma população invisibilizada diariamente. Essa fala do Bolsonaro é de extrema irresponsabilidade. Como chefe do Executivo ele precisa ser ponderado, até porque ele não foi eleito só pelos empresários. Entre as pessoas que estão com pedidos em análise provavelmente ...

    Leia mais
    Foto: Marcelo Regua / Agência O Globo

    Incerteza sobre extensão da pandemia acende debate sobre prorrogar auxílio emergencial

    Ajuda está prevista até junho, mas crise deve continuar por mais algum tempo; prorrogação pode custar R$ 46 bilhões por mês adicional ao previsto Por Idiana Tomazelli, do O Estado de S.Paulo Foto: Marcelo Regua / Agência O Globo As incertezas sobre a duração dos efeitos da pandemia do novo coronavírus acenderam o debate entre economistas sobre uma eventual necessidade de extensão do auxílio emergencial de R$ 600, que será pago até junho. Além do risco de "dias duros" de contaminação pela covid-19 até julho ou agosto, há preocupação com o período de transição entre o choque do isolamento e a efetiva retomada da atividade, uma vez que o mercado de trabalho costuma ser o último a reagir em momentos de crise. A lei que foi aprovada pelo Congresso Nacional prevê que trabalhadores informais, autônomos, microempreendedores individuais e desempregados receber auxílio de R$ 600 por três ...

    Leia mais
    NAYRA HALM/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

    Trabalhadores relatam problemas para receber os R$ 600 de auxílio emergencial

    A Caixa já anunciou que vai antecipar o pagamento da segunda parcela do auxílio, mas muitos trabalhadores reclamam que não receberam nem a primeira. Do G1 NAYRA HALM/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO Milhões de brasileiros já receberam o auxílio emergencial do governo, mas muita gente que está habilitada no cadastro ainda não viu o dinheiro na conta. O comércio fechou e a renda não entrou mais na casa da Cláudia de Moura, que trabalha com eventos. Ela cria a filha sozinha e espera resposta do governo para receber o auxílio emergencial de R$ 1.200 a que tem direito. “Ligo lá e eles me informam que não tenho cadastro. E me mandam fazer o cadastro no site. Eu vou no site fazer o cadastro e eles me falam que o cadastro está realizado, que tenho que aguardar a análise”, conta a bartender. A Caixa anunciou que já vai antecipar o ...

    Leia mais
    blank

    Não recebeu o auxílio emergencial de R$ 600? Veja por que e como resolver

    A Caixa começou a pagar no dia 9 de abril a primeira parcela do auxílio emergencial para trabalhadores de baixa renda. Porém, muitas pessoas que esperam o dinheiro do governo federal ainda não receberam. Por Filipe Andretta, Do UOL (Foto: PMSL / Divulgação / CP) O calendário de pagamentos está em andamento e alguns beneficiários terão que esperar a sua vez (veja detalhes mais abaixo). Em outros casos, o dinheiro pode não ter chegado porque a pessoa não tem direito, por atraso na análise do cadastro ou por problemas técnicos com os aplicativos da Caixa. Se o seu dinheiro ainda não foi depositado, entenda o porquê e veja orientações para resolver eventuais problemas com o auxílio emergencial. Calendário de pagamento O pagamento do auxílio segue um calendário específico para cada classe de beneficiário. Segundo a Caixa, inscritos no CadÚnico que não recebem Bolsa Família começaram a ...

    Leia mais
    Foto: PMSL / Divulgação / CP

    Cerca de 30% dos pedidos de auxílio emergencial foram negados pelo governo

    Balanço divulgado nesta quarta-feira pela Dataprev, empresa pública responsável por identificar quem tem direito a receber o auxílio emergencial de R$ 600, mostra que dos 23 milhões de requerimentos realizados, entre os dias 7 e 10 de abril, 16,4 milhões (ou 71,3%) tiveram o direito reconhecido conforme critérios estabelecidos na Lei 13.982/2020. Por Carla Araújo, do UOL Foto: PMSL / Divulgação / CP O percentual refere-se ao primeiro lote de informações do público de trabalhadores informais, microempreendedores e contribuintes individuais. A empresa não informou, porém, a razão de ter indeferido cerca de 30% das solicitações. Apesar de inicialmente informar que não seria possível fazer alterações após a conclusão do cadastro, a Caixa esclareceu hoje que será possível arrumar os dados após o fim da primeira análise. Segundo a Dataprev, os data centers da empresa estão em funcionamento 24 horas por dia e cada processamento nos sistemas ...

    Leia mais
    Marcos Batata

    Fotógrafo do Morro do Macaco, na Grande SP, ajuda moradores sem internet com cadastro de auxílio emergencial

    Trabalhadores informais sem alfabetização enviam informações pelo celular para que Marcos Batata, de 38 anos, faça o cadastro no programa de apoio criado por conta da crise do coronavírus. Paula Paiva Paulo, do G1 O fotógrafo Marcos Batata (Imagem: G1) "Pensei: 'minha galera vai ser a que tem mais dificuldade para acessar '. Essa galera normalmente fica para trás". Desde quando viu as primeiras notícias sobre o pagamento de um auxílio emergencial para os trabalhadores informais por conta do coronavírus, o fotógrafo Marcos Silva Santos, de 38 anos, sabia quem mais ia precisar. Morador do Morro do Macaco, em Cotia, na Grande São Paulo, Marcos Batata, como é conhecido, conhece a realidade de muitos de seus vizinhos, alguns trabalhadores informais, outros desempregados, e também mães solteiras que sustentam a casa sozinhas. Muitos, sem alfabetização. “O ajudante de pedreiro, por ...

    Leia mais
    Lançamento do aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial

    Mulher negra com renda mensal de R$ 285 é perfil de maioria no Cadastro Único

    Ter inscrição no CadÚnico é uma das condições para receber os R$ 600 do auxílio emergencial. Em dezembro de 2018, 2,6 milhões de famílias inscritas no programa tinham renda zero Por Luisa Fragão, Da Revista Fórum (Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil) A última pesquisa feita do perfil socioeconômico dos brasileiros inscritos no Cadastro Único (CadÚnico), em dezembro de 2018, registrava que 83% das famílias inscritas eram chefiadas por mulheres. Na época, o banco de dados do governo federal para identificar famílias brasileiras de baixa renda somava 68,4 milhões de pessoas inscritas. Estar no Cadastro Único é uma das condições que o governo federal estabeleceu para receber o auxílio emergencial de R$ 600 durante a pandemia do coronavírus. Além desta, ser Micro Empreendedor Individual (MEI), cumprir o requisito de baixa renda ou ser contribuinte do INSS também são condições para receber o auxílio. A média de ...

    Leia mais
    José Cícero da Silva/Agência Pública

    À espera do auxílio emergencial: “A gente vai ficando sem ter o que comer em casa”

    Desespero e pressa: reunimos uma dezena de histórias da população potencialmente beneficiária do programa impactada pelo coronavírus para mostrar o desafio operacional de fazer o dinheiro chegar até elas Por Ciro Barros, José Cícero da Silva, Thiago Domenici, da Agência Pública   “Começo de ano é sempre difícil, mas quando veio a pandemia eu entrei em choque”, diz uma das entrevistadas pela Pública (Foto: José Cícero da Silva/Agência Pública) Maior de 18 anos, sem emprego formal, sem receber diretamente outros benefícios do governo, com renda familiar por pessoa inferior a meio salário mínimo, sem renda tributável superior a R$ 28.559 em 2018 e prestadora de serviços como Microempreendedor Individual (MEI), Marilene Raquel da Silva Lemos se enquadra nas categorias definidas para o pagamento do auxílio emergencial, uma transferência direta de recursos do governo federal voltada para trabalhadores impactados economicamente pelas medidas de quarentena. O governo federal ...

    Leia mais
    blank

    Chamada pública para ações de combate ao Covid-19 e suas consequências

    O Instituto Federal de Brasília lançou nesta quinta, 02 de abril, chamada pública para recepção de propostas de projetos de extensão, pesquisa e inovação incluindo a prestação de serviços tecnológicos para combate à COVID-19 e suas consequências. Do IFB (Foto: Imagem retirada do site Paraíba Online) Estão sendo destinados R$ 105 mil para as iniciativas. A expectativa é que pelo menos 15 projetos sejam executados. As propostas podem ser enviadas até o dia 08 de abril. O resultado será divulgado até dia 14. Documentos o edital, sua retificação (publicada em 03/04/2020) e anexos. Anexos: 1 Anexo I - Formulário de identificação da proposta e proponente.doc 2 Anexo II – Proposição de Projeto.doc 3 Anexo III – Carta de anuência.doc 4 Anexo IV – Interposição de Recurso.doc 5 Anexo V - Relatório final.doc 6 Anexo VI - Relatório Financeiro Final.doc Edital 4_2020 - RIFB_IFB.pdf I RETIFICAÇÃO AO ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist