Em menos de 24h, Disque-Racismo já recebeu 120 denúncias

Para denunciar, basta ligar para o telefone 156, opção sete

Desde quando foi criado, o Disque-Racismo já contabiliza mais de 120 denúncias em menos de 24h. É o que informa a Secretaria de Promoção da Igualdade Racial. O serviço foi lançado nesta quarta-feira (20). Para denunciar, basta ligar para o telefone 156, opção sete.

De acordo com o secretário especial da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial, a população está mais atenta.

— Esse número demonstra o interessa da sociedade em conhecer o serviço e melhor se preparar para fazer denúncia.

Uma pesquisa da Codeplan (Companhia de Planejamento do Distrito Federal) mostra que ainda é preciso mais para combater o preconceito. No Distrito Federal são cerca de 405 mil pessoas com nível superior completo. Dessas, apenas 30% são negras.

A pesquisa mostrou ainda que boa parte dessas pessoas vivem na Estrutural, Varjão e Itapuã, regiões administrativas do DF. Em relação ao trabalho, a maioria está na construção civil e na indústria.

Para o delegado de polícia, Ailton Rodrigues, independente da cor a pessoa tem de objetivar o que quer.

— A pessoa enfrenta obstáculos naturais da vida. Mas você tem de focar no que quer para conseguir.

Fonte: R7

+ sobre o tema

Delegacias do Rio de Janeiro terão núcleos especializado em racismo

Ao receber deputados envolvidos no acompanhamento de casos de...

Disque Racismo será lançado em março

O Governo do Distrito Federal, por meio da Secretaria...

Juízes iniciantes fazem curso para aprender que ‘ainda existe racismo no Brasil’

Desde agosto do ano passado, 328 juízes em início...

para lembrar

Ainda com dúvida de como agir em casos de racismo? Saiba aqui o que fazer

Diariamente recebemos através das nossas redes sociais mensagens de...

Projeto prevê multa e indenização em caso de discriminação no ambiente de trabalho

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) apresentou na terça-feira (25)...

Formas contemporâneas de racismo e intolerâncias nas redes sociais

Esta pesquisa abordou o fenômeno de construção e disseminação...
spot_imgspot_img

Por um Carnaval livre de racismo; veja como denunciar

Sexualização da mulher negra e piadas racistas são alguns exemplos de casos de discriminação que ocorrem durante a folia Por Rede Feminista de Juristas, do CatracaLivre    Por:...

Lei que torna racismo crime completa 30 anos, mas ainda há muito a se fazer

Assinada em 5 de janeiro de 1989, pelo então presidente da República, José Sarney, a lei passou a ser conhecida pelo nome de seu...

Rio inaugura delegacia especializada em combater crimes raciais e de intolerância

No evento, a campanha "Liberte Nosso Sagrado" cobrou a devolução de objetos religiosos apreendidos pela polícia Por Clívia Mesquita, do Brasil de Fato  Na última quinta-feira...
-+=