quinta-feira, setembro 17, 2020

    Tag: muçulmano

    blank

    Por mais diversidade no Miss Universo: Muçulmana ganha direito de não desfilar de biquíni

    Sua participação é um exemplo para que os concursos tenham mais diversidade e representatividade nos palcos. Por Ana Beatriz Rosa Do Huff Post Brasil A modelo Muna Jama, de 27 anos, foi autorizada a desfilar com uma vestido no lugar de biquínis durante o concurso de Miss Universo GB. Isso porque Muna é muçulmana e a religião a proíbe de exibir o corpo inteiro. Com um caftan de tecido leve, Muna desfilou pelo palco ao lado de suas colegas e competidoras. A decisão da edição britânica do concurso é um marco histórico e servirá de exemplo - e inspiração - para outras tantas meninas.   It takes bravery, emotional resilience and most importantly surrounding yourself with strong minded people who are prepared to make great sacrifices to welcome permanent and positive change. I may not be able to unwrite a moment in my life but I know a moment will never ...

    Leia mais
    blank

    “Meu nome é Sadiq Khan e sou o prefeito de Londres”

    Filho de imigrantes, ele promete transformar a capital em uma cidade de oportunidades Por Pablo Guimón Do El Pais Em seu primeiro discurso depois de ser eleito prefeito, Sadiq Khan agradeceu a Londres "por tornar possível o impossível". "Quero que todos os londrinos tenham as oportunidades que nossa cidade deu a mim e à minha família", disse, emocionado e solene, cercado por aqueles que até ontem eram seus adversários. Um deles, o candidato do partido xenófobo Britain First, preferiu mostrar seu desprezo dando as costas ao primeiro prefeito muçulmano de uma grande capital ocidental. Um símbolo, anedótico pela relevância limitada do ofensor, de que a mensagem que Londres enviou na sexta-feira ao mundo não resolve, de uma hora para outra, os problemas de convivência em um país que enfrenta um fluxo de imigração sem precedentes. "Meu nome é Sadiq Khan e sou o prefeito de Londres", proclamou o novo líder ...

    Leia mais
    blank

    Muçulmano de mercado judaico salvou reféns e se torna herói na França

    O jovem muçulmano Lassan Bathily, de 24 anos, vindo do Mali, se tornou herói da noite para o dia na França. O funcionário do mercado judaico do bairro de Porte de Vincennes salvou diversas pessoas após o local ter sido tomado por um terrorista. no Rede TV Bathily abriu a porta do porão para que cerca de 15 clientes entrassem e se escondessem logo após a tomada do local pelo sequestrador Amedy Coulibaly. O funcionário então desligou o congelador e apagou a luz. A polícia invadiu o mercado e matou Coulibaly, e à medida que os reféns era resgatados eles agradeciam Bathily. Pouco tempo depois seu nome já era mencionado em redes sociais, onde foi chamado de herói.

    Leia mais
    Imigrante muçulmano salvou reféns em mercado judaico

    Imigrante muçulmano salvou reféns em mercado judaico

    Malinês trabalhava no Hyper Cacher quando o extremista Amedy Coulibaly invadiu o local para o sequestro Um funcionário do mercado judaico onde quatro reféns e um terrorista foram mortos foi saudado ontem como herói que evitou uma tragédia ainda maior. Lassana Bathily, um imigrante malinês muçulmano de 24 anos, trabalhava no Hyper Cacher quando o extremista Amedy Coulibaly, ligado aos irmãos que cometeram o massacre na sede do jornal Charlie Hedbo, invadiu o local para o sequestro. Bathily pensou rapidamente quando o terrorista anunciou a ação. Em pânico, 15 clientes corriam para o porão do estabelecimento quanto o funcionário teve uma ideia. “Quando eles desceram, eu abri a porta ”, afirmou Bathily à emissora francesa BFMTV. Ele desligou as luzes e, enquanto fechava a porta para proteger os clientes, disse: “Fiquem calmos aqui. Eu vou sair”. Uma testemunha, que se identificou apenas como Mickael, contou à revista francesa ...

    Leia mais
    blank

    Muçulmano espanca filha com raquete por namorar jovem branco

    Mãe da jovem de 14 anos descobriu o romance proibido ao escutar uma conversa telefônica; pai agressor recebeu sentença de 21 semanas de prisão e multa de R$ 300 Um pai de uma família muçulmana foi detido após espancar a filha com uma raquete de tênis, na cidade de Blackburn, do condado de Lancashire, na Inglaterra. O motivo da violência foi o namoro da jovem com um garoto branco, de outra religião. As informações são do Daily Mail. Segundo a publicação, o homem de 43 anos disse para a filha de 14 anos que ela "não tinha fé em Deus e que ele iria matá-la antes que a comunidade descobrisse isso". A vítima mantinha um relacionamento com um garoto de 15 anos, sem que seus pais soubessem. O romance foi revelado quando a mãe da jovem ouviu uma conversa telefônica em que os jovens falavam sobre sexo, o que causou um desconforto ainda ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist