Neonazista suspeito de racismo apanha na prisão e nega crimes

O autointitulado neonazista Antonio Donato Baudson Peret, de 25 anos, suspeito de racismo e formação de quadrilha, apanhou na prisão. De acordo com a Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi), Donato foi agredido por volta das 7h desta terça-feira (16) por outros detentos com quem dividia a cela no Centro de Remanejamento de Presos do bairro São Cristóvão. Ele levou um soco no rosto e precisou ser socorrido por agentes penitenciários.

Cerca de duas horas após a agressão, o jovem foi apresentado na sede do Depatri (Departamento de Investigação de Crimes Contra o Patrimônio), onde fica a Delegacia de Crimes Cibernéticos. Donato estava com um curativo no rosto e negou envolvimento nos crimes.

O neonazista foi detido no último domingo (14), em Americana, interior de São Paulo, após causar polêmica na internet ao postar uma foto agredindo um morador de rua na Savassi, região centro-sul de BH. Ele foi transferido para a capital mineira nesta segunda (15). 

Além dele, também foram apresentados Marcus Vinícius Garcia Cunha, de 36 anos, e João Matheus Vetter de Moura, de 20 anos, detidos no domingo. Segundo a delegada Paloma Kairala o trio se conhecia.

— Eles publicavam imagens de teor racista na internet. Agora a gente avalia a relação dos três com outros grupos que incitavam o racismo nas redes sociais.

Agressão

De acordo com a delegada, há pelo menos dez boletins de ocorrência que apontam a participação do trio em agressões a homossexuais e negros em Belo Horizonte. Essas ocorrências, no entanto, serão investigadas pelas delegacias responsáveis pelas regiões onde foram registradas.

Antônio Donato e Macus Vinícius estão presos preventivamente no Ceresp São Cristóvão. Já João Matheus está detido temporariamente na mesma unidade. A polícia investiga a participação de outras pessoas nos mesmos crimes.

Jovem rico erra. “Menor” pobre comete crime

Pais que incitam ódio e racismo aos filhos podem perder a guarda

A onda Bolsonaro e o despertar do neonazismo

Neonazistas brasileiros saem da toca?

No Sul, neonazistas queriam criar um novo país

Skinhead que postou foto enforcando morador de rua é preso em São Paulo

 

Fonte: R7

 

+ sobre o tema

Carrefour: Central sindical manifesta satisfação

Salvador - O Secretário Nacional da Diversidade...

Tragédia no Sul é ambiental, mas sobretudo política

Até onde a vista alcança, o Rio Grande do Sul é...

A lição dos policiais suecos que estavam de férias em Nova York

Quatro policiais suecos ficaram famosos depois de separar uma...

para lembrar

Branco, não queira sofrer com o racismo

De tão debatido, atualmente, alguns pontos das lutas contra...

Por que as ofensas a Jorge Ben escancaram o racismo à brasileira

Jorge Ben foi chamado de "crioulo sujo" e quase...

Não é cansativo? Paulo Gustavo faz ‘blackface’ e causa polêmica na internet

No último domingo, dia 12, o ator Paulo Gustavo...
spot_imgspot_img

Futuro está em construção no Rio Grande do Sul

Não é demais repetir nem insistir. A tragédia socioclimática que colapsou o Rio Grande do Sul é inédita em intensidade, tamanho, duração. Nunca, de...

Kelly Rowland abre motivo de discussão com segurança em Cannes: ‘Tenho limites’

Kelly Rowland falou à imprensa sobre a discussão que teve com uma segurança no tapete vermelho do Festival de Cannes durante essa semana. A cantora compartilhou seu...

Senado aprova prorrogação e ampliação da política de cotas para concursos públicos

O Senado aprovou, nesta quarta-feira (22), o projeto de lei (PL) 1.958/2021, que prorroga por dez anos a política de cotas afirmativas para concursos...
-+=