Senado aprova projeto que altera lei do Fundeb

A proposta, relatada por Dário Berger (MDB-SC), prorroga prazo de estudo de rateio de recursos e indica outras possíveis beneficiados

O plenário do Senado Federal aprovou, nesta quarta-feira (15/12), por votação simbólica, o Projeto de Lei (PL) nº 3.418/21, que altera a lei que regulamenta o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), para especificar quais profissionais da rede de educação básica em efetivo exercício poderão ser beneficiados com recursos do fundo. O projeto retorna à Câmara dos Deputados.

O relator Dário Berger (MDB-SC) destaca que a Lei do Fundeb previa que até dia 30 de outubro de 2021 seriam divulgados estudos de apresentação de rateio dos recursos do fundo, mas não foram concluídos. “Razão necessária para a aprovação. O PL prorroga para 2023 a definição para a definição dos novos rateios”, explicou.

O texto original estabelecia que apenas professores e coordenadores pedagógico faziam parte do rol da categoria de trabalhadores contemplados, mas agora incorpora todos os profissionais do magistério, corpo técnico, funcional e administrativo efetivo.

A proposta também permite que os prestadores de serviços de psicologia e de assistência social possam ser remunerados com a parcela dos 30% dos recursos do Fundeb não reservados à remuneração dos profissionais da educação propriamente ditos.

“Foram apenas algumas correções que foram feitos pelo caminho em relação ao Fundeb”, disse.

+ sobre o tema

Pará e África unidos pela cultura

O olhar cinematográfico o acompanha desde a infância,...

Unesco e Brasil criam programa para ensino da história africana

A Organização das Nações Unidas para Educação, a...

As falhas no Enem e os interesses que se movem nos bastidores

"Prova do Enem é tecnicamente sustentável sob todos os...

O racismo como polêmica escolar

ERICA BARBOSA BAIA FERNANDA MARQUES DE ALMEIDAROSIANE MACHADO...

para lembrar

spot_imgspot_img

Sessão solene vai comemorar o Dia Internacional Contra a Discriminação Racial

O Senado vai realizar uma sessão especial para comemorar o Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, celebrado anualmente em 21 de março. A data...

Economista da Fazenda do Paraná assume a direção de instituição fiscal do Senado

Vilma da Conceição Pinto, assessora de apenas 31 anos da Secretaria de Estado da Fazenda, foi eleita nesta quarta-feira (7) pelo plenário do Senado Federal para...

Racismo e Equalização: o Novo Fundeb e o Direito à Educação Escolar Indígena e Quilombola e em Territórios de Vulnerabilidade Social

Resumo O artigo aborda os desafios colocados às políticas de financiamento para que atuem efetivamente em prol da equalização na garantia do direito à educação,...
-+=