quarta-feira, janeiro 27, 2021

Resultados da pesquisa por 'nelson mandela'

(Foto: Media24/Gallo Images/Getty Images)

Nelson Mandela: quem foi, onde nasceu, quando foi preso e outras dúvidas

Comemorado em 18 de julho, o Dia Internacional Nelson Mandela marca a data de nascimento do líder sul-africano e ex-presidente da África do Sul, que se tornou referência na luta pelo fim do apartheid e na defesa por uma sociedade mais justa e igualitária. Nelson Mandela nasceu há 102 anos. A vida de Mandela foi marcada por desafios políticos e lutas pessoais, incluindo 27 anos de prisão pela oposição ao regime de segregação racial. Veja abaixo mais fatos sobre a vida do ativista político, que morreu aos 95 anos por complicações de infecção pulmonar, em 2013. Nelson Mandela: tudo sobre o líder sul-africano Quem foi Nelson Mandela? Nelson Rolihlahla Mandela foi um líder sul-africano que lutou contra o regime racista e segregacionista do apartheid, presente na África do Sul entre 1948 e a década de 1990, e se tornou referência mundial na busca por uma sociedade democrática e igualitária. Mandela ...

Leia mais
Foto de 9 de novembro de 2013, mostra Zindzi Manela, filha de Nelson Mandela, em Beverly Hills, nos EUA Phil — Foto: McCarten/ Reuters

Zindzi Mandela, filha de Nelson Mandela, morre na África do Sul

Zindzi Mandela, filha do ex-presidente da África do Sul e herói nacional Nelson Mandela, morreu. O anúncio foi feito pelo porta-voz do partido governista do país Congresso Nacional Africano (CNA) nesta segunda-feira (13). Zindzi Mandela, cuja mãe foi a ativista anti-apartheid Winnie Madikizela-Mandela, ganhou notoriedade internacional quando leu a rejeição de Nelson Mandela à oferta de liberdade do então presidente sul-africano, P.W. Botha, em 1985. A emissora estatal SABC disse que Zindzi, de 59 anos e que atuava como embaixadora da África do Sul na Dinamarca, morreu em um hospital de Johanesburgo. Não foi informada a causa da morte. "É uma morte prematura. Ela ainda tinha um papel a desempenhar na transformação da nossa sociedade e um papel ainda maior a desempenhar no Congresso Nacional Africano", disse o porta-voz do CNA, Pule Mabe. Mabe disse que mais detalhes serão divulgados futuramente. A Fundação Nelson Mandela não respondeu de imediato a ...

Leia mais
Media24/Gallo Images/Getty Images

Dia Internacional Nelson Mandela

Arrisco-me a dizer que Nelson Mandela foi uma quimera que passou em nossas vidas deixando lições de resistência, perseverança e humanidade. Um homem que sacrificou a própria existência em busca de justiça onde a segregação racial vitimava milhões de sul-africanos negros. Em reconhecimento da sua contribuição, a Assembleia Geral da ONU, em 2009, declarou o dia 18 de julho como Dia Internacional Nelson Mandela. Portanto, somos convocados a rememorar a experiência desse herói, sem perdermos de vista que qualquer espaço é insuficiente para descrever sua extensa trajetória. Nelson Rolihlahla Mandela, apelidado Madiba, nasceu em 18 de julho de 1918, na aldeia de Mvezo no Transkei, África do Sul. Ainda muito jovem presenciou uma doença pulmonar que levou o pai à morte. Em seguida, a mãe o entregou a um tutor para que cuidasse da sua educação, conforme desejo expressado em outros tempos pelo falecido marido. No ano de 1939, Mandela ...

Leia mais
(Foto: Geledés)

Discurso do Nelson Mandela na Cidade do Cabo após sair da prisão

Meus amigos, camaradas e companheiros sul-africanos, saúdo todos vocês em nome da paz, democracia e liberdade para todos. Estou aqui diante de vocês não como um profeta, mas como um humilde servo de vocês, o povo. Seus sacrifícios incansáveis e heroicos tornaram possível eu estar aqui hoje. Por isso, coloco o resto dos anos da minha vida em suas mãos. Neste dia de minha libertação, estendo a minha mais sincera gratidão para os meus milhões de compatriotas e para todos de cada canto do mundo, que fizeram incansavelmente uma campanha para a minha libertação. Dirijo uma saudação especial ao povo da Cidade do Cabo, a cidade que tem sido minha casa por três décadas. Suas marchas em massa e outras formas de luta têm servido como uma fonte constante de força para todos os presos políticos. Saúdo o Congresso Nacional Africano, que tem cumprido todas as nossas expectativas no seu ...

Leia mais
Obra foi lançada pela Todavia no Brasil (Foto: Reprodução/ Editora Todavia)

Cartas da Prisão de Nelson Mandela reúne textos inéditos do líder político

A Todavia lançou recentemente no Brasil o livro Cartas da Prisão de Nelson Mandela, publicação de Sahm Venter que reúne mais de duzentos textos inéditos de um dos maiores líderes políticos de todos os tempos. Confira a capa: Capa do Livro (Foto: Reprodução/ Editora Todavia) A obra histórica é a primeira – e única – coleção autorizada e autenticada de correspondências que abarca os 27 anos em que o líder sul-africano esteve encarcerado. A publicação mostra um retrato íntimo de um ativista político revelando seu lado como marido, pai, amigo e aluno (estudando atrás das grades para se formar em direito). Pai de cinco crianças quando condenado à prisão perpétua, suas cartas para a família se tornaram a única forma de criar seus filhos – principalmente pelo fato de que lhe eram negadas visitas até que seus filhos atingissem os dezesseis anos. “Esta compilação respondeu muitas das perguntas que costumavam me ...

Leia mais

Winnie Mandela abre o jogo sobre o futuro da África do Sul, racismo e Nelson Mandela

A ativista antiapartheid e deputada do Congresso Nacional Africano concedeu uma entrevista exclusiva ao HuffPost África do Sul. Por Deshnee Subramany Do Huffpost Brasil Em uma entrevista exclusiva, a complexa e polêmica, a ativista antiapartheid e deputada do Congresso Nacional Africano explicou ao HuffPost SA como seu ex-marido Nelson Mandela era "um ser humano comum" e disse que acredita que ele poderia ter feito mais pelos negros nas negociações da Convenção para uma África do Sul Democrática (Codesa). Quando entramos na casa de Winnie Madikizela-Mandela, temos a sensação de estar na casa de nossa própria avó. No aposento onde fizemos nossa entrevista com ela, há sofás cor de creme com um exagero de almofadas e mantos bordados pendurados na parte de trás deles. Uma pesada mesa de madeira no meio do piso encarpetado mostra uma abundância de livros sem nome colocados aparentemente para decoração, e cada espaço nas paredes está repleto ...

Leia mais

Escola Nelson Mandela vira referência na educação em cultura de paz

Não poderia existir melhor nome para definir a Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Nelson Mandela, no bairro do Limão, Zona Norte de São Paulo. Um exemplo de educação em cultura de paz, a escola leva consigo os princípios do líder africano, conhecido pela luta contra o racismo e vencedor do Prêmio Nobel da Paz de 1993. no Fundação Telefonica Sob a direção de Cibele Racy, o colégio já recebeu cinco prêmios, frutos de um projeto sobre racismo iniciado em 2011. A iniciativa, que mudou a cara da unidade, foi uma resposta criativa à alteração da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, tornando obrigatório o ensino da História e da Cultura Afro-Brasileira na rede escolar. Mas a forma como a EMEI envolve pais e alunos vai muito além de regras e leis. Basta passar do portão da escola para sentir que há algo especial. Sala de aula no ...

Leia mais
Getty Images

Negro Belchior: Hoje é dia de Nelson Mandela

Dia 18 de Julho é aniversário de Nelson Mandela. O grande ícone da luta antirracista na África do Sul faria hoje 98 anos. Sua morte em 5 de dezembro de 2013 comoveu e mundo e seu exemplo em vida é uma verdadeira lição de resistência e humanidade. Como reconhecimento de sua luta, a ONU instituiu ainda em 2009, a data de 18 de Julho como o Dia Internacional Nelson Mandela – Pela liberdade, justiça e democracia, uma homenagem à sua dedicação e seus serviços à humanidade, pela mediação de conflitos, pelo combate ao racismo e pela promoção de direitos humanos. No Brasil, Mandela foi abraçado pelo povo negro brasileiro, recebido por chefes de Estado e acolhido em especial pela então prefeita de São Paulo, Luiza Erundina (foto) e pelo inesquicivel governador do Rio de Janeiro, Leonel Brizola, que levou Madiba a ser recebido por mais de 40 mil pessoas em ...

Leia mais
Getty Images

A Poética da Esperança, um relato sobre trajetórias e memórias de Nelson Mandela

Em continuidade à série Pesquisa em Destaque, conversamos com a Cristiane Mare, sobre dois trabalhos seus – Trajetórias e memórias de Madiba: Somente homens livres podem negociar e O lugar da tradição nos discursos políticos de Nelson Mandela – submetidos ao II Congresso das/os Pesquisadoras/es Negras/os da Região Sul (II COPENE Sul). A entrevista focou-se no histórico do líder sul-africano Nelson Mandela que foi um dos mais importantes sujeitos políticos contra o regime do Apartheid, na África do Sul, e que se tornou um ícone internacional na defesa da justiça social. Confira agora, esta entrevista! Galoá - Para começar a entrevista, gostaria de pedir que resumisse um pouco de sua pesquisa. O nome e o papel de Nelson Mandela no fim do Apartheid são conhecidos de todo o mundo, mas pelo que li nos dois artigos que você publicou com o Galoá, você critica o recorte que é feito da vida ...

Leia mais
(Foto: Media24/Gallo Images/Getty Images)

Nelson Mandela recebe homenagem na Caixa Cultural Salvador

O ex-líder sul-africano, Nelson Mandela (1918 - 2013), recebe homenagem na mostra “Mandela em Cartaz”, que fica exposta na Caixa Cultural Salvador até o dia 29 de novembro. A exposição tem entrada Catraca Livre e fica em cartaz de terça a domingo, das 9h às 18h. Em “Mandela em Cartaz”, 95 cartazes produzidos por designers do mundo todo junto outros materiais sobre a vida e obra de Nelson Mandela, incluindo um documentário exaltam a vida política do ex-presidente da África do Sul. Foto: Félix Beltrán Foto: Jasveer Sidhu Foto: Jimmy Ball Foto: Marcelo Aflalo Foto: Najeeb Mahmood Foto: Marian Bantjes Feitos por designers de 37 países, os cartazes pertencem ao “Mandela Poster Project”, e têm como objetivo destacar o legado humanitário do líder mundialmente conhecido, ganhador do ...

Leia mais

Permitam que a nossa escola se chame ‘Nelson Mandela’

Há cinco anos, conseguimos implementar o estudo da História e Cultura Africana e Afro-brasileira na nossa Escola Municipal de Educação Infantil Guia Lopes, na cidade de São Paulo. Como resposta, recebemos uma pichação no muro: “vamos cuidar do futuro de nossas crianças brancas”. Este ato racista se transformou numa oportunidade para a formação dos alunos e a conscientação da comunidade. Fizemos atividades, mobilizamos pessoas que nos apoiam e criamos este abaixo-assinado para que a nossa escola passe a se chamar EMEI Nelson Mandela. Por Cibele Racy, do Change.org   Apesar da lei que inclui a História Africana no ensino ser de 2003, ainda há muitas crianças que não têm este direito garantido. Eu, como diretora da escola, tenho muito orgulho de fazer parte deste projeto e, especialmente, da aprendizagem de nossas crianças. A mudança de nome para EMEI Nelson Mandela é muito importante para toda a comunidade e para as futuras gerações. Por ...

Leia mais
Getty Images

18 de Julho – Dia de Nelson Mandela: 15 frases do líder que vão inspirá-lo a construir um mundo melhor

Neste sábado (18), comemorou-se o Dia de Nelson Mandela. Estipulado desde 2009 pela Organização das Nações Unidas, a data marca o nascimento do líder sul africano. Se estivesse vivo, Madiba, como era conhecido, completaria hoje 97 anos. Entusiasta da democracia, da igualdade e do aprendizado, Mandela tem uma história de vida fascinante e serve de inspiração para todos nós. Entre diversas conquistas, Mandela lutou ativamente contra o regime racista do Apartheid, na África do Sul, e foi o primeiro presidente democraticamente eleito no país, em 1994. A eleição que o fez presidente também foi sua primeira oportunidade de votar na vida. Ele deixou o poder em 1999 e seguiu trabalhando ativamente pelos direitos humanos e contra o racismo. Mandela morreu em dezembro de 2013, em sua residência em Joanesburgo. Junto com a Fundação Nelson Mandela, a ONU incentiva todos nós a dedicarmos 67 minutos do nosso tempo para ajudar outras pessoas, como forma de homenagear os 67 anos da ...

Leia mais
Media24/Gallo Images/Getty Images

Invictus: o poema que inspirou Nelson Mandela em seus 27 anos de de prisão

Willian Ernest Henley, ao escrever o poema abaixo, jamais sonharia que os seus versos poderiam inspirar um homem com grandeza de Nelson Mandela a suportar, por vinte e sete anos, o cativeiro, condenado por sua luta contra o apartheid. Por Nara Rúbia Ribeiro Do Conti Outra Foi esse mesmo poema que deu o título ao filme de 2009 com Morgan Freeman e Matt Damon. Declamado por Alan Bates e legendado em Português para uso da Academia Ubuntu. INVICTUS William Ernest Henley Out of the night that covers me, Black as the Pit from pole to pole, I thank whatever gods may be For my unconquerable soul. In the fell clutch of circumstance I have not winced nor cried aloud. Under the bludgeonings of chance My head is bloody, but unbowed. Beyond this place of wrath and tears Looms but the Horror of the shade, And yet the menace of the years Finds ...

Leia mais

1ª Semana Nelson Mandela

Sob o título “O poder transformador da reconciliação”. A atividade celebra o legado do líder pacifista sul-africano em noite de palestras e expressões artísticas.   São Paulo, junho de 2015 – A Palas Athena em parceria com o Sesc, o Consulado Geral da República África do Sul no Brasil e com o apoio institucional da UNESCO apresenta no dia 7 de julho, às 19h, no Sesc Vila Mariana a 1ª Semana Nelson Mandela. Enviado por Roseane Albuquerque via Guest Post para o Portal Geledés  Celebraremos a vida e o legado do líder pacifista sul-africano em uma noite de palestras e expressões artísticas, relembrando e refletindo sobre a capacidade de perdão e reconciliação – matriz das estratégias políticas de Mandela – que unificou um povo em torno de um propósito de construção de futuro e não de vingança ou retaliação.   A segregação social vivida pelos sul-africanos por mais de 40 anos chegou ao ...

Leia mais
Media24/Gallo Images/Getty Images

Os caminhos inesperados de Nelson Mandela

Só quando Nelson Mandela morrer, teremos o direito de declarar o fim do século XX. O homem que hoje encontra-se no crepúsculo de sua vida terá sido uma figura emblemática. Com exceção de Fidel Castro, é provavelmente o último de uma linha de grandes líderes em extinção, já que vivemos numa época apressada em terminar, de uma vez por todas, com os mitos. Mais do que o santo – algo que ele próprio afirma jamais ter pretendido ser –, Mandela terá sido um mito vivo antes, durante e depois de sua longa prisão. Nele, a África do Sul, este acidente geográfico que é difícil conceituar, encontrou sua Ideia. E se não houve pressa em se separarem, é porque, em sua nova vida pós-apartheid, a sociedade sul-africana não pode conviver, sem riscos, com o mito de uma sociedade sem mitos. Mas se é preciso aceitar em Mandela a recusa da santidade, ...

Leia mais
Getty Images

Hoje na História, 5 de Dezembro de 2013, morria Nelson Mandela

Um ano depois da morte de Nelson Mandela, nesta sexta-feira (5), o mito permanece vivo. O líder da luta antiapartheid continua sendo cultuado na África do Sul. Símbolo mundial da paz, ele chegou à presidência em 1994, se tornando o primeiro chefe de estado negro do país. Arquiteto da reconciliação interna e externa de um país dividido pelas questões raciais, Nelson Mandela ficou 27 anos preso e chegou ao poder pouco tempo depois de deixar o cárcere. Algumas pessoas tiveram o privilégio de estar a seu lado neste período. Uma delas é o jornalista português do canal RTP Antonio Mateus, que acompanhou Nelson Mandela durante 14 anos. Ele se tornou correspondente em Johasnneburgo, na África do Sul, quando o líder sul-africano deixou a cadeia, em 1990. Da sua experiência nasceram dois livros: a biografia “Mandela: a construção de um homem” e “Mandela, o rebelde exemplar”. As obras, dedicadas ao público ...

Leia mais
Media24/Gallo Images/Getty Images

Hoje na História, 18 de julho de 1918, nascia Nelson Mandela

Dia 18 de Julho é aniversário de Nelson Mandela. O grande ícone da luta antirracista na África do Sul faria 96 anos. Sua morte em 5 de dezembro de 2013 comoveu e mundo e seu exemplo em vida é uma verdadeira lição de resistência e humanidade. Como reconhecimento de sua luta, a ONU instituiu ainda em 2009, a data de 18 de Julho como o Dia Internacional Nelson Mandela – Pela liberdade, justiça e democracia, uma homenagem à sua dedicação e seus serviços à humanidade, pela mediação de conflitos, pelo combate ao racismo e pela promoção de direitos humanos. Em tempos de continuidade de conflitos e da barbárie, das ações violentas por parte dos Estados aos povos oprimidos em todo o mundo, do avanço da prática do genocídio como se vê por parte do Estado de Israel sobre o povo Palestino ou do Estado Brasileiro sobre o povo negro, me pergunto… Mandela, o que fizeram com sua mensagem e seu ...

Leia mais

Promotoras Legais Populares do Geledés recebem netos de Nelson Mandela em atividade de prevenção a AIDS

   Por: Nilza Iraci Fotos: Renato Oliveira As Promotoras Legais Populares do Geledés – Instituto da Mulher Negra realizaram no dia 12 de junho, dia da abertura da Copa do Mundo, atividade de prevenção de AIDS, no Vale do Anhangabau, como parte da campanha Proteja o Gol, que contou com a participação de Kweku e Ndaba Mandela, netos do líder sul-africano, Nelson Mandela, porta-vozes da campanha.  Foto: Renato Oliveira A atividade faz parte Projeto: Promotoras Legais Populares na Prevenção das DST/HIV/AIDS e Hepatites Virais , desenvolvido em parceria com a rede pública de saúde, com o objetivo de promover a reflexão sobre o preconceito étnico/racial, de gênero no atendimento à saúde e a sensibilização e intervenção da comunidade dos bairros de Cidade Tiradentes e São Mateus para o acesso qualificado à rede de serviços de prevenção, promoção e assistência às DST/HIV-AIDS, e contou com o apoio do Programa Municipal de ...

Leia mais
Media24/Gallo Images/Getty Images

Câmara aprova Prêmio Nelson Mandela para escolas e professores

  Serão premiados trabalhos ou ações mereceram especial destaque no Ensino da História da África e das Relações Étnico-raciais e na defesa e promoção da igualdade racial Media24/Gallo Images/Getty Images O Plenário da Câmara aprovou, em sessão extraordinária esta quinta-feira (6), o Projeto de Resolução 205/13, da deputada Iara Bernardi (PT-SP), que institui o Prêmio Nelson Mandela de Ensino da História da África e das Relações Étnico-Raciais. A votação ocorreu após os deputados aprovarem requerimento de urgência para a tramitação do projeto. De acordo com o texto, o prêmio vai agraciar anualmente três pessoas físicas ou jurídicas, escolhidas entre as indicadas, cujos trabalhos ou ações mereceram especial destaque no Ensino da História da África e das Relações Étnico-raciais e na defesa e promoção da igualdade racial. O prêmio será conferido na forma de Diploma de Menção Honrosa e outorga de medalha com a efígie de Nelson Mandela, em sessão ...

Leia mais
Página 1 de 33 1 2 33

Últimas Postagens

Artigos mais vistos (7dias)

Twitter

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist