Carta de Apoio a Candidatura de Jurema Werneck á Presidência do Conselho Nacional de Saúde

 

Nós, redes e organizações do movimento negro e movimento de mulheres negras viemos por meio desta indicar a ativista Jurema Werneck para à Presidência do Conselho Nacional de Saúde.

Representante do Movimento Negro no CNS desde 2006, Jurema demonstrou durante esses anos, competência política em sua representação neste importante espaço de decisão de polítcas publicas em saúde. Sua eleição para a mesa diretora foi um processo de intensa comemoração para nós ativistas do movimento negro, mulheres negras, mulheres lésbicas, população quilombola, entre outros. Isso significou capacidade de luta e de convergência do movimento negro, enquanto segmento do conselho, de mantermos nosso pacto político mesmo diante de forças contrárias à nossa capacidade de articulação e mobilização.

Continuamos tendo a certeza que Jurema Werneck, na presidência do Conselho Nacional de Saúde, manterá não somente o aprofundamento de nossas lutas, mas também estará lutando em defesa da equidade e de políticas públicas que contemplem todos os segmentos da população brasileira.

A candidatura de Jurema Werneck fortalece todos os movimentos sociais, e mais do que isso mostra também a competência do segmento dos usuários para ocupar papel tão importante no controle social de políticas públicas de saúde e o compromisso da construção de um SUS para todas e todos.

Assinam:

Rede Nacional de Controle Social e Saúde da População Negra

Rede Nacional de Religiões Afro-Brasileiras e Saúde

Rede Lai Lai Apejo – População Negra e AIDS

Rede Nacional da Promoção e Controle da Saúde das Lésbicas Negras- Sapatá

Rede Nacional Afro-Atitude

AMNB – Articulação de Organizações de Mulheres Negras Brasileiras

ACARMO LBT Negritude – BR

Akanni Instituto de Pesquisa e Assessoria em Direitos Humanos , Gênero, Raça e Étnia

Associação Centro de Cultura Negra e Religosidade Afro Amazônica – Rondonia

ANdC – Associação Negra de Cultura – Rio Grande do Sul

Articulação Política de Juventudes Negras

Associação Beneficiária Pena Dourada – Bahia

ACMUN – Associação Cultural de Mulheres Negras – Rio Grande do Sul

Associação Frida Kahlo

Associação de Mulheres com Doença Falciforme do Estado do RJ

Associação Nzinga Mbandi/SP

Bamidelê – Organização de Mulheres Negras na Paraíba

Casa de Tradição e Cultura Afro-Brasileira de Minas Gerais

Casa Laudelina de Campos Mello –  Campinas

CEABIR – Centro de Estudos Afrobrasileiro Ironides Rodrigues

CEDRAB – Congregação em Defesa das Religiões Afro-brasileiras

Centro Cultural Capoeirando – Minas Gerais

Centro de Formação para a Cidadania AKONI – Maranhão

Centro de Ressocialização e Formação Cultural INAÊ –  Alagoas

Coletivo de Mulheres Negras-CMNEGRAS- Mato Grosso do Sul

Coletivo de Mulheres Negras Acotirene – SP

Coletivo de Referência Afro Maria Benedita do Socorro-SP

CEPPIR-GHC (Comissão Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Grupo Hospitalar Conceição)

Comissão de Saúde da População Negra – Conselho Municipal de Saúde de Porto Alegre

Comissão Nacional Pontos de Cultura – CNPdC

Criola – Organização de Mulheres Negras – Rio de Janeiro

Fórum Estadual de Saúde da População Negra do Rio de Janeiro

Fórum Nacional de Juventude Negra – FONAJUNE

Geledés – Instituto da Mulher Negra

GRUNEC – Grupo de Valorização Negra do Cariri – Ceará

Grupo Kilombagem

GT de Integração Cultural Afro Brasileira da Unicamp –São Paulo

GUESB – GRUPO UNIAO ESPIRITA SANTA BARBARA – Alagoas

Ilê de Omulu e Oxum

Instituto de Psicossomática Psicanalítica Ori-Aperê – Rio de Janeiro

Instituto de Referência Ética – Paraíba

LBL – Liga Brasileira de Lésbicas

Maria Mulher – Organização de Mulheres Negras-Rio Grande do Sul

MNU – Movimento Negro Unificado- RS

Rede Mulheres Negras do Paraná

Ponto de Cultura da Biblioteca do Fórum Social Mundial

Ana Reis – médica e feminista

Glefas – Grupo Latinoamericano de Formação, Estudos e Ação Feminista
Fernanda Pompeu, jornalista – São Paulo, SP

+ sobre o tema

Entidades do Movimento Negro se reúnem para debater calendário de lutas

Por: Lívia Francez   Diversas entidades e organizações...

Evangélicos tentam invadir terreiro em Olinda

Vídeo que mostra grupo evangélico tentando invadir terreiro em...

Militantes apontam racismo como um obstáculo para prevenção e tratamento da aids

Os militantes pelos direitos da população negra organizaram...

Livro infantil apresenta a história dos afrodescendentes em Salto

Obra é de autoria da escritora Katia Auvray. ...

para lembrar

Ministras buscam parcerias com estados pela igualdade racial e de gênero

  As possibilidades de parcerias e convênios entre o governo...

Encontro reúne filósofos da América e da África

A conferência assume-se como um contributo ao diálogo «fluído»...

Caminhada Cultural Pela Liberdade Religiosa e Pela Paz.

No Brasil, devido a convivência de várias culturas...

Excelência, se o povo gritar o senhor acorda?

Por: Arísia Barros A Terra dos Marechais é...
spot_imgspot_img

João Cândido e o silêncio da escola

João Cândido, o Almirante Negro, é um herói brasileiro. Nasceu no dia 24 de junho de 1880, Encruzilhada do Sul, Rio Grande do Sul....

Levantamento mostra que menos de 10% dos monumentos no Rio retratam pessoas negras

A escravidão foi abolida há 135 anos, mas seus efeitos ainda podem ser notados em um simples passeio pela cidade. Ajudam a explicar, por...

Racismo ainda marca vida de brasileiros

Uma mãe é questionada por uma criança por ser branca e ter um filho negro. Por conta da cor da pele, um homem foi...
-+=