Curso de Combate ao Racismo será oferecido a alunos da UFSM

Enviado por / FonteUFSM

Já estão abertas as inscrições para o Curso Combate ao Racismo. Já ofertado anteriormente em três edições para servidores da UFSM, o curso, agora, será disponibilizado aos estudantes da Instituição. Visando sensibilizar a comunidade acadêmica sobre os debates em torno do racismo e suas várias formas de manifestação, gerando, assim, ferramentas que facilitem seu enfrentamento, o curso irá trabalhar assuntos como a definição de racismo, dados sobre o tema no Brasil, ações afirmativas, movimento negro e feminismo negro.

O curso, além de buscar fazer com que os estudantes entendam a estruturação do racismo e da desigualdade racial no Brasil, proporciona que conheçam as principais referências, personalidades e teóricos do movimento negro nacional. Realizado em parceria com o Departamento de Comunicação da UFSM de Frederico Westphalen, com o Programa Mão na Mídia e com o Observatório de Direitos Humanos da UFSM, o projeto incentiva a difusão de discussões e iniciativas antirracistas na comunidade acadêmica e na sociedade como um todo.

O curso, que será realizado em formato EaD, através da plataforma Moodle, terá suas atividades iniciadas no dia 5 de outubro, estendendo-se até o dia 30 do mesmo mês. O curso será ministrado pelo servidor Victor De Carli Lopes, chefe do Observatório de Direitos Humanos, e a estudante de Serviço Social Aline Escobar. A carga horária será de 20 horas.

São disponibilizadas 30 vagas. As inscrições vão até o dia 2 de outubro e podem ser feitas pelo link.

Fonte: Subdivisão de Divulgação e Eventos da PRE

+ sobre o tema

Manual para promover a diversidade e inclusão na educação

Um Manual para chamar de nosso! Antes de apresentar esse...

A primeira infância como responsabilidade de toda a sociedade

Lançamento de livro coloca no centro do debate a...

para lembrar

Carlos Moore: Brasil vive uma grande hipocrisia, os brancos brasileiros negam o racismo

Carlos Moore: Brasil vive uma grande hipocrisia, os brancos...

Juíza culpa vítima e inocenta PMs acusados de matar africano

Keka Werneck A justiça de Mato Grosso absolveu os policiais...

Uma charge racista e os haitianos em São Paulo

Como professora (também) de Ensino Médio e Pré-Vestibular, volta...

Nossa cumplicidade dissimulada com o racismo

Como ficou claramente comprovado no episódio e nas repercussões...
spot_imgspot_img

Aluno africano denuncia racismo em mensagem com suásticas nazistas na UFRGS; polícia investiga

Um estudante africano da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) denunciou um episódio de xenofobia e racismo dentro da Casa do Estudante Universitário (CEU), uma moradia estudantil mantida...

Morre Ykenga Mattos, que denunciou o racismo em seus cartuns, aos 71 anos

Morreu na manhã desta segunda-feira aos 71 anos o professor, sociólogo e cartunista carioca Bonifácio Rodrigues de Mattos, mais conhecido como Ykenga Mattos. Vítima...

Frugalidade da crônica para quem?

Xico, velho mestre, nesse périplo semanal como cronista, entre prazos apertados de entrega, temas diversos que dificultam a escolha, e dezenas de outras demandas,...
-+=