Depois de criminalização, Uganda publica lista com os “200 principais homossexuais”

Ativistas LGBT temem por um aumento da violência e uma “caça às bruxas” no país

 

 

Um dia depois de o governo de Uganda ter sancionado a lei que penaliza a prática homossexual com prisão perpétua, a imprensa local divulgou uma lista com os “200 principais homossexuais”. Sob a chamada “Expostos”, o jornal Red Pepper listou ativistas LGBT, e até mesmo um padre figura entre os supostos homossexuais ugandenses.

De acordo com o ativista gay Pepe Julian Onziema, que também está na lista, a promulgação da lei e a publicação da lista vai “promover uma violência contra homossexuais na Uganda”.

Fato semelhante já havia ocorrido em 2011, quando um jornal, que não existe mais, fez um rol similar com personagens gays da Uganda, pedindo suas mortes. À época o ativista David Kato foi assassinado e sua morte foi relacionada à divulgação de tal lista. Jacqueline Kasha, ativista lésbica, declarou que a “caça às bruxas está de volta”.

Os ativistas LGBT da Uganda disseram que dezenas de homossexuais já deixaram o país (a lei é debatida desde dezembro) e que outras dezenas planejam fazê-lo. Navi Pillay, alta comissária da ONU para os Direitos Humanos, declarou que a lei ugandense “institucionaliza a homofobia e incita a violência”. O governo Barack Obama já declarou que pretende cortar a ajuda financeira ao país e o Itamaraty declarou que “não se pronuncia sobre questões internas” de outros países.

Fonte: Revista Fórum

+ sobre o tema

Seduc-SP oferece cursos de inglês, espanhol, Libras e mais

Os Centros de Estudos de Línguas da Secretaria da Educação...

Inscrições para o Enem 2024 começam hoje

Começa nesta segunda-feira (27) e vai até 7 de...

FGV e Fundação Itaú oferecem bolsas de mestrado em comunicação digital e cultura de dados

A FGV-ECMI (Escola de Comunicação, Mídia e Informação da...

Projeto de escolas cívico-militares é aprovado na Alesp após estudantes serem agredidos por policiais

O projeto de lei que prevê a implementação das escolas...

para lembrar

MEC divulga mudanaças nas regras do ProUni

Ministério de Educação divulga as regras para concorrer...

Ex-catador de latinhas vai cursar ciências da computação em Harvard

Com a venda das latinhas, Ciswal dos Santos Nascimento,...

MEC divulga a lista de aprovados no Sisu do meio do ano

Sistema oferece mais de 30 mil vagas em instituições...

Olimpíada de História será totalmente online e realizada de setembro a outubro

Diante da pandemia do coronavírus, a 12ª edição da...
spot_imgspot_img

Projeto SETA reforça importância da aprovação de texto elaborado na Conferência Nacional de Educação (Conae), que inclui educação antirracista e ação para a equidade...

O Projeto SETA, iniciativa realizada pela ActionAid, cujo objetivo é transformar a rede pública escolar brasileira em um ecossistema de qualidade social antirracista, acompanha de perto...

Seduc-SP oferece cursos de inglês, espanhol, Libras e mais

Os Centros de Estudos de Línguas da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (Seduc-SP) estão com inscrições abertas para os cursos de idiomas do...

Inscrições para o Enem 2024 começam hoje

Começa nesta segunda-feira (27) e vai até 7 de junho o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024. No...
-+=