Deputado do Paraná que se envolveu em acidente renuncia

Luiz Fernando Ribas Carli Filho, que se envolveu em um acidente de trânsito em Curitiba que resultou na morte de dois jovens, renunciou ontem ao mandato de deputado estadual pelo PSB. Com isso, ele perde o direito ao foro privilegiado e irá responder ao processo na Justiça comum.

Por DIMITRI DO VALLE, da Folha de S.Paulo

Foto: Theo Marques/Framephoto/Framephoto/Estadão Conteúdo

Carli Filho, 26, filho do prefeito de Guarapuava, Fernando Carli (PP), é suspeito de dirigir em alta velocidade e atingir o carro onde estavam Gilmar Rafael de Souza Yared, 26, e Carlos Murilo de Almeida, 20, que morreram na hora.

O acidente ocorreu na madrugada do dia 7. Exame apontou que o deputado estava alcoolizado e com a carteira de habilitação suspensa.

Ontem era o último dia de prazo para o deputado apresentar sua defesa no processo de cassação que tramita na Assembleia Legislativa. O assunto estava no Conselho de Ética. Se cassado, Carli Filho, além de perder o mandato, poderia ficar inelegível por oito anos.

Na carta de renúncia, entregue à Mesa Diretora da Assembleia por seu advogado, Carli Filho diz estar sofrendo “condenação antecipada”, chama o acidente de “fatalidade” que ocorreu sem sua vontade, além de dizer que quer esperar o julgamento “sem privilégios” para receber a sentença como “cidadão comum”.

Carli Filho está internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde se submeteu a cirurgia para reconstituir os ossos do rosto. A renúncia foi registrada no 26º Tabelionato de Notas da capital paulista.
De acordo com as declarações no documento, Carli Filho afirma ter renunciado para “poupar” os demais deputados da “dolorosa missão de julgar um acusado que ainda não foi ouvido, mas que está sofrendo, em sua grande intensidade, uma condenação antecipada”.

Ao citar a conquista e a perda do mandato, no qual estreava após atingir cerca de 46 mil votos, Carli Filho afirma que “o destino que me proporcionou essa honra e alegria reservou a trágica surpresa de me envolver, sem minha vontade direta ou indireta, no acidente que causou a morte de duas pessoas, jovens como eu”.

Ele se dirige ainda às famílias dos mortos. “Ao mesmo tempo em que deploro a fatalidade dessas perdas humanas, transmito a todos os seus familiares e amigos o meu sentimento de solidariedade espiritual.”

A carta tem um apelo aos pais, para continuar a merecer deles “o carinho e a confiança que nunca me faltaram”.
Na segunda-feira, a renúncia será oficializada com a leitura da carta pelo presidente da Assembleia do PR, Nelson Justus (DEM). Wilson Quinteiro (PSB), 38, irá ocupar a vaga.

+ sobre o tema

Saiba quem são os deputados que propuseram o PL da Gravidez Infantil  

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (12), a...

Com PL do aborto, instituições temem mais casos de gravidez em meninas

Entre 1º de janeiro e 13 de maio deste...

‘Criança não é mãe’: manifestantes em todo o Brasil protestam contra PL da Gravidez Infantil

Diversas cidades do país receberam na noite desta quinta-feira...

É sórdido condenar vítima de estupro por aborto

É sórdido e apequena a política o Projeto de...

para lembrar

Pochmann Acusa a Mídia de Terrorismo Económico

  Por Eduardo Guimarães "Essa prática de terrorismo...

Fábio Konder Comparato: “Impeachment hoje é absolutamente ilegítimo”

Constitucionalista não vê respaldo jurídico no processo em curso Do Jornal...

Geledés repudia decisão da Câmara sobre aborto

Geledés – Instituto da Mulher Negra vem a público manifestar sua indignação e repúdio à decisão da Câmara dos Deputados, aprovada nesta terça-feira, 12,...

Mulheres vão às ruas contra PL que equipara aborto a homicídio; confira locais dos atos

Mulheres vão às ruas de diversas partes do país em protesto contra o avanço, na Câmara dos Deputados, do projeto de lei que equipara...

Taxação dos super-ricos tem que ser encarada de frente, diz Neca Setubal

Maria Alice Setubal diz que não saiu ilesa daquele 2014. O ano era de eleição presidencial, e Neca, como é conhecida, integrava o núcleo duro...
-+=