Obama precisa se justificar perante o Congresso sobre ação militar na Líbia

A Casa Branca enviou, nesta quarta-feira, um dossiê de mais de 30 páginas ao Congresso dos Estados Unidos para justificar a ação militar norte-americana contra o líder da Líbia, Muamar Gaddafi. O esforço busca responder às preocupações em torno da legalidade e da relevância para a segurança nacional do envolvimento dos EUA nesse conflito.

Porta-voz da Casa Branca, Jay Carney disse que o relatório incluirá uma análise legal justificando a missão e deve responder às preocupações dos congressistas. Ele notou que a Casa Branca acredita manter o apoio do Congresso nesse tema. A atuação militar dos EUA na Líbia se aproxima dos 90 dias, um limite pelo qual uma resolução prevê que o Executivo deve buscar aprovação no Legislativo para qualquer operação militar. O presidente da Câmara dos Representantes, o republicano John Boehner, advertiu na véspera que o presidente Barack Obama estava perto de violar a resolução.

Carney disse que a missão da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) ajudou a evitar um massacre de civis e enfraqueceu partidários de Gaddafi. Ele disse que é importante que o Congresso continue a apoiar a investida militar, porque ela tem sido bem-sucedida.

– Agora não é a hora de enviar mensagens dúbias – avaliou Carney.

Membros do Congresso pressionam Obama a buscar sua aprovação para o envio desses recursos. Vários deputados abriram um processo contra Obama, nesta manhã, em um tribunal federal, dizendo que a atuação na Líbia é inconstitucional e deve acabar. Carney disse que a Casa Branca estava informada sobre o caso. Obama enviou forças militares norte-americanas para a região em março. A operação liderada pela Otan é amparada por uma resolução do Conselho de Segurança da ONU pela proteção da vida de civis.

+ sobre o tema

Detenção de Mano Brown exemplifica a mensagem de Cores e Valores

Pedro Paulo Soares Pereira, 44 anos, também conhecido como...

Últimas tropas de combate dos EUA deixam o Iraque

Segundo redes americanas, tropas deixam o país em direção...

Olimpíada é aprofundamento do modelo militarizado de segurança

Para diretor da Anistia Internacional, aumento da violência do...

Em prol das crianças e jovens

Menino, negro, 13 anos, vivendo na zona rural do...

para lembrar

Douglas Belchior: por que estar nas ruas contra o golpe

Professor, ativista social e militante do Movimento Negro fala sobre...

Cerca de 40% dos europeus sofrem de algum transtorno mental, mostra estudo

Os europeus têm sido mais afetados pelo transtorno mental...

A FELICIDADE PARADOXAL – Ensaio sobre a sociedade de hiperconsumo

  Um dos mais polêmicos e profícuos pensadores da...

Jesus ou Barrabás

essa semana, santa, comemoramos o martírio de um líder...

Fim da saída temporária apenas favorece facções

Relatado por Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o Senado Federal aprovou projeto de lei que põe fim à saída temporária de presos em datas comemorativas. O líder do governo na Casa, Jaques Wagner (PT-BA),...

Barack Obama elege seus filmes favoritos de 2023; veja lista

Tradicionalmente, o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, escolhe seus filmes, músicas e livros favoritos do ano. Nesta quarta-feira (27), Obama compartilhou em suas...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...
-+=