Guest Post »

TV Cultura exibe “Deixe ela sonhar”, com MC Soffia, nesta quinta-feira (05/12)

Nesta quinta-feira (05/12), a partir das 21h15, o Jornal da Cultura, exibe um novo episódio série “Deixa Ela”, destacando grandes nomes da voz negra atual, como o a rapper teen MC Soffia. A parceria firmada entre O Estado de S. Paulo e a TV Cultura permitiu a exibição da vídeo-reportagem em programas jornalísticos da emissora.

Do ZonaSuburbana

MC Soffia (Foto: Reprodução/Facebook)

Intitulado “Deixa Ela Sonhar”, o quinto episódio do projeto mostra as dificuldades que meninas e mulheres enfrentam ao correr atrás dos seus sonhos, incentivando-as a nunca desistirem. Para isso, associa o relato de aspirantes e profissionais já consagradas em determinadas carreiras.

No campo da música, o contraponto é feito entre a rapper Karol Conka, 32, e Soffia, 15 anos – ambas ligadas pelo empoderamento das mulheres negras.

Gravada no Centro Cultural São Paulo (CCSP), a entrevista aborda as referências e os desafios da jovem rapper, que foi alçada ao estrelado com apenas seis anos, logo após participar do projeto “O Futuro do Hip Hop”.

“Eu me inspirava ao ver as mulheres cantando. A música sempre foi muito masculina. Sempre existiram mulheres cantando, mas menos do que homens. E essas que cantavam não tinham tanta visibilidade. Então, a mulher podia cantar, mas ela não tinha a estrutura que um homem tinha”, revela Soffia em um dos trechos. A artista disse que ficou um tempo parada, por falta de estrutura e de espaço para uma menina negra. “Pode chegar qualquer menininho cantando um rap, em algum lugar, que o povo vai olhar e vai querer investir”, explica.

MC Soffia também lembrou das dificuldades que muitos jovens encontram dentro de casa, com o desestímulo dos familiares para a área artística e cultura. “Eu acho que se a pessoa está feliz com o sonho dela e quer mesmo ser aquilo, ela tem que ir em frente”, afirma com convicção a cantora e compositora que, hoje, contabiliza milhões de seguidores nas redes sociais e acaba de lançar seu primeiro EP, “Soffisticada”.

Related posts