USP assina acordo experimental para participar do Enade

Além da prova, a universidade estadual paulista participará das avaliações do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes)

Foto: Weber Sian/A Cidade

A USP assinou acordo de cooperação com o Ministério da Educação (MEC) para participar de forma experimental do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). A medida foi publicada nesta quarta-feira (07) no Diário Oficial da União.

Pelo texto, o acordo pretende criar um projeto experimental para desenvolver estudos e pesquisas aprofundadas sobre o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), em especial o Enade. Com a nova parceria, a USP participará do ciclo de avaliações do Sinaes. O acordo durará três anos.

Diferentemente da Unicamp e Unesp, a USP era a única universidade estadual paulista que ainda não tinha participado do Enade. O exame é aplicado a estudantes de graduação a fim de medir a qualidade do ensino superior, levando-se em conta o conteúdo de cada curso.
Estudantes da USP já poderam participar do Enade neste ano. Todas as instituições de ensino devem inscrever seus alunos até o dia 16, com provas sendo aplicadas em 24 de novembro. Nesta edição, o Enade avaliará os cursos de agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social, zootecnia, tecnólogo em agronegócio, gestão hospitalar, gestão ambiental e radiologia.

Vale lembrar que, para obter o diploma de conclusão do curso, o aluno pode precisar prestar o Enade. Para esta edição, devem fazer o exame os que tenham iniciado o respectivo curso este ano, os concluintes dos cursos de bacharelado que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2014, estudantes que tiverem concluído mais de 80% da carga horária mínima do currículo do curso até o fim do período de inscrição, estudantes de cursos superiores de tecnologia com expectativa de conclusão até dezembro de 2013 e estudantes que tiverem concluído mais de 75% da carga horária mínima do currículo do curso até 16 de agosto.

O Enade é um dos principais componentes do Sinaes, que tem o objetivo de avaliar o desempenho dos estudantes, das instituições e dos cursos. Além do exame, o sistema de avaliação inclui a verificação do corpo docente, as instalações e infraestrutura das instituições.

 

Fonte: Globo

+ sobre o tema

Provas do Enem 2024 serão em 3 e 10 de novembro; confira o cronograma

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)...

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de...

Programa Erasmus oferece bolsas integrais na Europa

O Erasmus, programa promovido pela União Europeia para fomento a...

para lembrar

Retrocessos da agenda de gênero na educação serão discutidos em Seminário de sociedade civil

Com o objetivo de discutir estratégias que contribuam para...

A lei nº 10.639/03 faz história no Exame Nacional do Ensino Médio, 2011

por Arísia Barros Ao incluir uma questão sobre a lei...

Cai qualidade das escolas estaduais do Grande ABC

Por: Camila Galvez     O Idesp (Índice de Desenvolvimento da Educação...
spot_imgspot_img

Taxa de alfabetização chega a 93% da população brasileira, revela IBGE

No Brasil, das 163 milhões de pessoas com idade igual ou superior a 15 anos, 151,5 milhões sabem ler e escrever ao menos um...

Provas do Enem 2024 serão em 3 e 10 de novembro; confira o cronograma

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 foi divulgado nesta segunda-feira (13). As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10...

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de energia, manejo ecologicamente correto na agricultura e prevenção à violência entre jovens nativos digitais. Essas...
-+=