A educação de meninas negras em tempos de pandemia: o aprofundamento das desigualdades

É um consenso entre especialistas que a pandemia agravou as desigualdades no acesso à saúde e à educação no país. Os números sobre o assunto dão dimensão do problema e, ao realizar um recorte de gênero e raça, ficam ainda mais preocupantes. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD COVID-19), realizada no ano passado, mostrou que estudantes negros e indígenas sem atividade escolar foram o triplo dos estudantes brancos.

É este o tema em que se debruça o relatório “A educação de meninas negras em tempos de pandemia”, produzido pelo Geledés Instituto da Mulher Negra. O material é fruto de uma pesquisa que ouviu 105 famílias paulistanas, majoritariamente nas periferias, além de 149 profissionais da educação e organizações da sociedade civil.

Entre os achados que apontam a desigualdade, o de que o computador, meio de preferência para o ensino digital, é utilizado por 63,64% das famílias brancas e, entre as famílias negras, 23,81%. Também houve queda mais significativa de renda entre as famílias negras.

+ sobre o tema

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de...

Programa Erasmus oferece bolsas integrais na Europa

O Erasmus, programa promovido pela União Europeia para fomento a...

Projeto SETA tem novo financiador e amplia trabalho aprofundando olhar interseccional

O Projeto SETA (Sistema de Educação por uma Transformação Antirracista),...

para lembrar

LEIS 10639/03 e 11645/08 NO IFRJ – RELATÓRIO

RELATÓRIO DE RESPOSTA AO OFÍCIO 505/2011/OUVIDORIA/GABINETE/SEPPIR/PR Apresentação O...

Barbárie: Parece um presídio. Mas é uma escola estadual

De mochila nas costas, Joelder dos Santos caminha entre...

Quilombos – Espaço de resistência de homens e mulheres negros

Autor: Schuma Schumaher (Coord.) Editora: MEC/SECAD. Edição: 1. Edição. Páginas: 0. Resenha: Este...

Estudantes criam aparelho que apaga incêndio com onda sonora

Dois estudantes de engenharia do estado americano da Virginia...
spot_imgspot_img

Provas do Enem 2024 serão em 3 e 10 de novembro; confira o cronograma

O cronograma do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 foi divulgado nesta segunda-feira (13). As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10...

Da proteção à criação: os pós-docs negros da USP nas fronteiras da inovação

Desenvolvimento de produtos, novas tecnologias para a geração de energia, manejo ecologicamente correto na agricultura e prevenção à violência entre jovens nativos digitais. Essas...

Inscrições para ingresso de pessoas acima de 60 anos na UnB segue até 15 de maio; saiba como participar

Estão abertas as inscrições do Processo Seletivo para Pessoas Idosas que desejam ingressar nos cursos de graduação da Universidade de Brasília (UnB) no período...
-+=