Cássia Valle e Luciana Palmeira lançam livro infanto-juvenil: “Aziza, a preciosa contadora de sonhos”

Enviado por / FonteEnviado ao Portal Geledés

História aborda autoestima de crianças negras e preconceito racial nas escolas

Falar de autoestima para crianças negras e ajudar a combater o preconceito racial nas escolas, através de um universo que mistura ludicidade, história, diálogo com a ancestralidade e responsabilidade crítica, esse é o propósito do novo livro de Cássia Valle e Luciana Palmeira, intitulado “Aziza, a preciosa contadora de sonhos”, que será lançado pela editora Malê. O lançamento é aberto ao público e acontece oficialmente dia 26 de março. O pré-lançamento e venda online já está disponível com entrega para todo o Brasil através do link.

Voltado para crianças entre 5 e 12 anos, o livro trata do bullying e preconceito racial nas escolas e apresenta como protagonista Aziza, uma menina sonhadora, que conhece e ama suas raízes africanas, mas se sente ameaçada por um dragão que aparece em seus sonhos e grita frases raivosas como: “cabelo de arame, nariz de batata e escurinha”. Segundo as autoras, esse dragão representa o racismo e é combatido pela menina com a força de poderes mágicos representados pela sua autoestima elevada e reconhecimento da sua ancestralidade. “Nós acreditamos que tão importante quanto incentivar o respeito às diferenças étnicas é trazer conhecimento sobre as nossas raízes históricas e estimular a valorização da cultura afro-brasileira entre as crianças”, explica Cássia Valle.

O livro acompanha uma trilha sonora original composta pelo músico Cell Dantas, narração da história em português com Cássia Valle e Aya Dantas, tradução e narração em inglês por Tatiana Aranha, tudo disponível online, através do QR Code impresso no livro. As ilustrações são de Edson de Souza, o prefácio é escrito por Carla Akotirene e a quarta capa é assinada por Tia Má. O lançamento conta ainda com realização do Selo Calu Brincante e do Centro de Pesquisa Moinhos Giros de Arte.

A história também traz muitas questões que podem ser trabalhadas em sala de aula.  As perguntas apresentadas ao longo da narrativa, pela protagonista e demais personagens, e o jogo proposto pelos estudantes ao final da história para combater o discurso racista do dragão são um convite à reflexão e ao diálogo. O texto também pode ser um ponto de partida para a partilha de conhecimentos por meio de cirandas, narrativas e vivências, envolvendo toda a comunidade escolar, incluindo as famílias e os parceiros, se configurando em uma iniciativa relevante para uma formação para a cidadania.“É preciso valorizar e respeitar as diferenças e chamar atenção de todas as pessoas para esse problema invisível para muita gente, mas que é real e doloroso para muitos dos nossos e das nossas que sentem na própria pele os seus efeitos cruéis”, ressalta Luciana Palmeira.

Esse é o terceiro livro que Cássia e Luciana lançam juntas. Em 2017, as autoras foram premiadas com o livro “Calu uma menina cheia de histórias” pela Associação Paulista de Críticos de Arte na categoria melhor livro infanto-juvenil. A história virou espetáculo e também venceu o Prêmio Braskem de Teatro 2020.

SERVIÇO:

Lançamento do livro:  “Aziza, a preciosa contadora de sonhos”

Autoras: Cássia Valle e Luciana Palmeira

Dia 26 de março (sábado), às 16h

Livraria Escariz (Shopping Barra)

Editora Malê

Valor: R$ 46

Pré-lançamento Venda: https://www.editoramale.com.br/product-page/aziza-a-preciosa-contadora-de-sonhos

Ilustrações: Edson de Souza

Prefácio: Carla Akotirene

Quarta Capa: Tia Má

Realização: Malê, Selo Calu Brincante e Centro de Pesquisa Moinhos Giros de Arte

Ficha Técnica / Audiolivro: 

Direção: Cássia Valle (escritora, museóloga, historiadora, atriz, diretora e membro do Conselho Gestor do Bando do Teatro Olodum)

Direção Musical: Cell Dantas (Bacharel em Artes pela UFBA ator e músico do Bando de Teatro Olodum)

Narração: Cássia Valle e Aya Dantas (atriz mirim)

Tradução e narração em inglês: Tatiana Aranha

Assistente de tradução: Mônica Costa de Goes Lima (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência do Ministério da Educação) e Maria Luiza Barreto Pereira da Silva – Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência do Ministério da Educação)

Ilustração livro Aziza – por Edson de Souza

SOBRE 

CÁSSIA VALLE – Cássia Valle é atriz, escritora, produtora cultural, professora, historiadora e psicopedagoga. É membro do colegiado gestor do  Bando de Teatro Olodum.  EM 2017 recebeu o prêmio da Associação Paulista dos críticos de arte pela obra “Calu uma menina cheia de histórias”, categoria melhor livro infanto-juvenil. Em 2018 é homenageada pelo Bloco Cultural Olodum com o troféu Ujamaa pela sua contribuição para defesa, preservação e promoção da cultura e das tradições afro-brasileiras. 

LUCIANA PALMEIRA nasceu em Salvador, na Bahia. Escritora, museóloga, historiadora, mestranda em Educação e servidora pública do Instituto Brasileiro de Museus. Atualmente é Coordenadora de Acervo Museológico do Departamento de Processos Museais. Coautora do Programa Patrimônio Cidadão e dos livros “Calu, uma menina cheia de histórias” e “Um museu e muitas histórias”. Ganhadora do APCA 2017 na categoria Literatura Infantil/Juvenil. Contadora de histórias e mãe de Fred Gabriel.

Cássia Valle e Luciana Palmeira (Foto: Divulgação)

+ sobre o tema

O preconceito racial será abordado na série do Luke Cage

Jeph Loeb, chefe da divisão de TV da Marvel...

Yzalú: Alma Negra

Yzalú: Alma Negra. Confira a canção abaixo: ** ESTE ARTIGO...

Ludmilla vira empresária e lança linha de perucas em parceria com empresa dos EUA

Sucesso no mundo da música, Ludmilla vai virar empresária...

Adriana Alves mostra o rostinho de Olivia, sua filha com Olivier Anquier

Adriana Alves mostrou o rostinho de sua primeira filha...

para lembrar

As Duas Cores de Machado de Assis

"Mulato, ele foi de fato, um grego da melhor...

Literatura negra não caiu na graça do mercado, diz autor de Cidade de Deus

Em entrevista ao G1, Paulo Lins falou sobre samba,...

Em debate na Flica, Livia Natália diz: ‘Eu digo como quero ser representada’

Poeta baiana participou de mesa ao lado de Sapphire,...

Tradição exemplar: Negroesia, de Cuti

Por Jônatas Conceição da Silva1 Acredito que...
spot_imgspot_img

23ª FIL presta homenagens a Luís de Camões, Ferreira Gullar, Sueli Carneiro e Carlos de Assumpção

Os cinco séculos de nascimento do poeta português Luís de Camões serão celebrados na 23ª edição da FIL – Feira Internacional do Livro de Ribeirão...

Joyce Ribeiro sobre Chica da Silva: ‘Séculos separam lutas contínuas’

A jornalista, apresentadora e escritora Joyce Ribeiro, 44, diz que está em um período especial de sua carreira: fez o lançamento de seu livro...

Fernanda Melchionna lança seu primeiro livro em Cachoeirinha neste domingo; “Tudo isso é feminismo?”

“Tudo isso é feminismo?” – uma visão sobre histórias, lutas e mulheres” marca a estreia de Fernanda Melchionna, no universo do livro. A bibliotecária...
-+=