Collin Sekajugo, Kigali, um artista de Ruanda

Collin Sekajugo

Temos a tendência de ficar constrangido com nossas herança e origens culturais, mas eu acho que quando a cultura dita muito no nosso dia-a-dia, nós eventualmente perdermos nossos valores morais como sujeito do mundo em que vivemos hoje.

O que a cultura significa para você ou para mim? E quem tem a melhor cultura? Aprendi a acreditar que
etnocentrismo tem sido sempre o pior problema de toda a humanidade, desde a gênese do homem.

avatar_medium_square
Este desmantelou sociedades e construiu novas culturas. Alguns de nós perdemos o nosso património cultural e assimilou novas culturas e outros nascem em uma mistura de culturas, portanto, perdem a identidade cultural.

Quem é o culpado ? É o mundo moderno, a mudança Neo-global.

Mesmo que eu sou nascido de homens e mulheres cujo sangue está enraizada aos alcances do Nilo superior ou Áreas de Etiópia antigo e as florestas de Camarões misturados, o meu trabalho tem menos a ver com a minha ascendência ou herança cultural.

É sobre o meu ambiente , experiências e emoções. Tenho focado muito em mudança na sociedade, pois é rápido e sólido.

Minha arte é sobre consciência social e cura.

A sensibilização para as questões relativas as nossas sociedades: quebrando a discriminação de segregação, de mudanças ambientais para isolamento e da desintegração à integração.

Através do meu trabalho estou desenvolvendo conceitos sobre os elementos que constroem ou destroem nossas sociedades. E a mensagem de que é retratado no meu trabalho artístico é uma demonstração de transformação social.

Série Pintores conheça:

 Joseph Eze, pintor- Nigéria – Intersecção entre política da Nigéria e do corpo feminino

Fonte: Saatchi

+ sobre o tema

A escravidão no Brasil: 130 anos de mentira

Não tenho nenhuma consideração pela comemoração da abolição da...

A música de Aaliyah enfim vai chegar ao streaming. Por que demorou tanto?

Por anos, essa vinha sendo uma das ausências mais...

para lembrar

Os Limites da Inclusão Social – Por Yuri Brito*

Já é de conhecimento do mundo mineral que, nos...

Serena Williams: ‘Ser uma mulher negra e conseguir fazer algo histórico é indescritível’

A mais nova das irmãs Williams confessou a dificuldade...

Cruzeiro renova o contrato com Gilberto até o fim da temporada 2012

Dimas Fonseca deixou aberta a possibilidade para um contrato...

Africano cria impressora 3D com peças de lixo eletrônico

Kodjo Afate Gnikou usou computadores, impressoras e scanners...
spot_imgspot_img

Diaspóricas 2: filme revela mundo futurista a partir do olhar de mulheres negras

Recém-lançado no Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (FICA), em Goiás, no último dia 13 de junho, o filme “Diaspóricas 2” traz o protagonismo negro feminino e brasileiro...

Rihanna já tem atriz favorita para possível cinebiografia

Rihanna está se antecipando em relação a como quer ser vista, caso sua história venha a ser uma cinebiografia em algum momento do futuro. A cantora...

NICHO 54 lança publicação inédita que investiga a história do Cinema Negro no Brasil 

Pesquisa que mapeou e consolidou dados sobre filmes produzidos por pessoas negras no Brasil de 1949 a 2022 encontrou 1.104 obras; 83% de toda...
-+=