Com Dilma, Conib homenageará em Salvador as vítimas do Holocausto

O evento terá como destaque a lembrança da morte de 20 mil afrodescendentes vítimas do massacre

A Conib (Confederação Israelita do Brasil), em parceria com a Sociedade Israelita da Bahia (Sib), promoverá no dia 30 de janeiro em Salvador a cerimônia do Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, solenidade instituída pela ONU.

O evento terá a presença de autoridades políticas federais, estaduais e municipais, líderes comunitários e religiosos. A presidenta Dilma Rousseff, que participou da cerimônia em 2011, foi convidada.

A homenagem, criada há sete anos pela Assembleia Geral das Nações Unidas, marca o dia (27 de janeiro) em que tropas soviéticas libertaram o campo de extermínio de Auschwitz, na Polônia, em 1945. A ONU, em resolução apoiada pelo Brasil, pede aos países-membros que elaborem programas de educação sobre o Holocausto e “condena sem reservas todas as manifestações de intolerância religiosa, de incentivo ao ódio, de perseguição ou de violência contra pessoas ou comunidades por causas étnicas ou religiosas e rejeita qualquer negação do Holocausto como fato histórico”.

A Conib realiza uma alternância entre cidades brasileiras para receber a cerimônia, que em anos anteriores ocorreu em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife. Em Salvador, cidade com a maior população de afrodescendentes fora da África, a cerimônia lembrará também os negros que foram vítimas do Holocausto.

Havia cerca de 20 mil negros na Alemanha quando os nazistas tomaram o poder, em 1933.

De acordo com o Museu do Holocausto, em Washington. D.C., seu destino variou desde o isolamento até perseguições, prisão, experiências médicas e morte. Segundo a pesquisadora Terese Pencak Schwartz, 400 crianças negras foram esterilizadas.

 

Fonte: Web Judaica

+ sobre o tema

Show de Ludmilla no Coachella tem anúncio de Beyoncé e beijo em Brunna Gonçalves; veja como foi

Os fãs de Ludmilla já estavam em polvorosa nas redes sociais...

Geledés faz em Santiago evento paralelo para discutir enfrentamento ao racismo nos ODS

Geledés - Instituto da Mulher Negra realiza, de forma...

Ela me largou

Dia de feira. Feita a pesquisa simbólica de preços,...

As mulheres que se rebelam contra venda de meninas para casamentos no México

Inicialmente, Claudia* não havia pedido dinheiro em troca da...

para lembrar

Após 2 anos, loja da BMW acusada de racismo é condenada no Rio

'Aqui não é lugar para você. Saia', teria dito...

“Racismo é estrutural e está no plano do inconsciente”

Presidente do Instituto Luiz Gama, Sílvio Almeida, e...

“Já fiquei com um Negro” é o argumento mais furado para se defender de acusações de racismo

A torcedora do Grêmio Patrícia Moreira, acusada de injúria...

O fantasma do racismo percorre novamente a Europa

  LUCÍA ABELLÁN, MIGUEL MORA   Judeus confessam que voltam a sentir medo;...
spot_imgspot_img

Quanto custa a dignidade humana de vítimas em casos de racismo?

Quanto custa a dignidade de uma pessoa? E se essa pessoa for uma mulher jovem? E se for uma mulher idosa com 85 anos...

Unicamp abre grupo de trabalho para criar serviço de acolher e tratar sobre denúncias de racismo

A Unicamp abriu um grupo de trabalho que será responsável por criar um serviço para acolher e fazer tratativas institucionais sobre denúncias de racismo. A equipe...

Peraí, meu rei! Antirracismo também tem limite.

Vídeos de um comediante branco que fortalecem o desvalor humano e o achincalhamento da dignidade de pessoas historicamente discriminadas, violentadas e mortas, foram suspensos...
-+=