terça-feira, agosto 9, 2022
InícioQuestão RacialCasos de RacismoImprensa grega liga atleta expulsa por racismo a partido neonazista

Imprensa grega liga atleta expulsa por racismo a partido neonazista

 

Expulsa da Olimpíada de Londres depois de proferir comentários considerados racistas no Twitter, a saltadora grega Paraskevi Papahristou se tornou o principal assunto no país helênico. A mídia da Grécia, a fim de encontrar uma justificativa pelas mensagens escritas pela atleta na rede social, encontrou argumentos que a ligam com o partido de neonazista Aurora Dourada, famoso no país pela postura de extrema direita.

A BBC, tomando por base a imprensa grega, noticiou que Papahristou possui comunicação direta, especialmente por intermédio do Twitter, com Ilias Kasidiaris, representante e porta-voz da Aurora Dourada, além de contrário à política de imigração do país – o político ainda virou notícia há um mês por agredir a deputada comunista Rena Dorou, em um debate realizado antes das últimas eleições parlamentares (veja vídeo ao lado).

Papahristou, durante a época das eleições, utilizou o Twitter e o Facebook para promover vídeos sobre a Aurora Dourada. Ainda nas redes sociais, a triplista grega expulsa da competição se comunicava com o polêmico político de extrema direita. “Que você tenha muitos anos felizes, siga sempre forte e verdadeiro”, escreveu a atleta.

Já na Grécia depois da exclusão dos Jogos, segundo informação do Comitê Olímpico Grego, Papahristou utilizou as redes sociais para se desculpar da polêmica mensagem sobre os imigrantes africanos. “Gostaria de expressar minhas desculpas pela piada de péssimo gosto que publiquei em minha conta pessoal no Twitter. Estou muito arrependida e envergonhada com o que desencadeou, nunca quis ofender ninguém ou ferir os direitos humanos.”

 

 

Veja a Matéria

Atleta grega é expulsa dos Jogos por racismo no Twitter

 

Fonte: Terra

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench