Jovens negros democratizando a comunicação – Lançamento do Jornal Mídia Periférica.

 

 

 

No dia 27 de janeiro, os jovens do Grupo de Comunicação Mídia Periférica, apresentarão o seu novo veiculo de comunicação, o jornal Mídia Periférica. Na edição de janeiro, o impresso traz aspectos de denuncia das comunidades, jovens que são exemplos, empreendedores, indicações de oportunidades, além de contar para o leitor sobre o que o grupo vem realizando fora da comunidade. A distribuição será gratuita em algumas comunidades de Salvador; a publicação também está disponível no link http://issuu.com/midiaperiferica/docs/jornal_midia_periferica_-_janeiro._

O lançamento será o auditório Nelson Mandela, na Casa do Olodum, no Pelourinho. A atividade contará com dois momentos, o bate papo Diálogos das Juventudes de Periferias, que trará como tema “Jovens negros e os meios de comunicação”, com jovens convidados para dialogar sobre o tema, Negro Davi, Paulo Rogério e Hellen Caroline, com a mediação da produtora Dayane Rodrigues. Em seguida, haverá um bate papo com o editor chefe do Jornal Mídia Periférica, o Enderson Araújo, com a condução da jornalista Ivana Dorali.O jornal Mídia Periférica, surgiu como uma ferramenta de empoderamento não só dos jovens que o produz, mas também das comunidades em que o jornal irá circular. Segundo Enderson, a ideia é fomentar que jovens de outras comunidades se interessem em escrever noticias sobre suas comunidades, que tragam estas noticias com sua ótica, com o seu olhar.Enderson entende que isso traz autoestima para os moradores, pois estão acostumados em ler aquilo que os grandes jornais querem escrever “Aprendi nas oficinas de Direito humano a comunicação e informação ministradas pelo Instituto de Mídia Étnica, que eles vendem e propagam a miséria e marginaliza nossa comunidade, e que nós podemos mudar isso, que a educação é o caminho, e porque não educar com jornais impressos, feitos por nós? Essa foi a minha ideia de muitas, espero que dê certo”, contou Araújo. O veiculo de comunicação dos jovens pretende suprir a necessidade que os moradores das comunidades tem de ter voz, contar suas histórias e seus problemas. Ainda sem fins lucrativos, o grupo sonha com que o jornal se torne referencia nas comunidades. Não por ser um jornal que carrega informações desses lugares, mas para que essa ferramenta possa contribuir na formação humana dos jovens de comunidade, para que estes possam fazer a mudança em seu local, compartilhando experiências, conhecendo onde podem resolver os problemas de suas comunidades e trazendo soluções para a mesma.

Serviço.

O que: Lançamento do Jornal Mídia Periférica
Quando: 27 de janeiro de 2014
Onde: Auditório Nelson Mandela – Casa do Olodum, Rua Maciel de Baixo, 22, Pelourinho.
Contato: 71 9220 – 2546, 9222 – 6183

Exibições: 51

Fonte: Correio Nagô

 

+ sobre o tema

Mídia, enfim, reconhece: há uma grave crise global

Pode parecer pouco, mas, pela primeira vez em muito...

No Pará, dois mil indígenas cobram direito de usar nome étnico

Projeto do núcleo de direitos humanos do Pará garante...

Fátima Oliveira: Candidatos parecem morar em bolha, nada a ver com a perda de direitos

O novo cenário nacional das eleições municipais de 2016 Por Fátima...

Seminário “O negro na mídia: um recorte”

O Etnomidia - Grupo de Estudos em Mídia e...

para lembrar

A não efetivação do direito ao trabalho e à educação no cárcere

No último 26 de julho, o ITTC – representado...

Facebook e Afrohub lançam plataforma gratuita para capacitar empreendedores negros

Com o objetivo de fomentar negócios criados por empreendedores...

As sete maiores vergonhas do Brasil

A pedido da Trip, a antropóloga Lilia Schwarcz e...

Planejamento libera seleção com 825 vagas para analista de políticas sociais

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão autorizou...
spot_imgspot_img

NOTA PÚBLICA | Em repúdio ao PL 1904/24, ao equiparar aborto a homicídio

A Comissão de Defesa dos Direitos Humanos Dom Paulo Evaristo Arns – Comissão Arns vem a público manifestar a sua profunda indignação com a...

Nota pública do CONANDA contrária ao Projeto de Lei 1904/2024

O Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA, instância máxima de formulação, deliberação e controle das polícas públicas para a...

Marcelo Paixão, economista e painelista de Geledés, é entrevistado pelo Valor

Nesta segunda-feira, 10, o jornal Valor Econômico, em seu caderno especial G-20, publicou entrevista com Marcelo Paixão, economista e professor doutor da Universidade do...
-+=