Líder de destaque do movimento negro nos EUA oferece apoio a Bernie Sanders

Um dos ativistas mais importantes na luta pelos direitos dos negros nos Estados Unidos, Ben Jealous, que já foi presidente da Associação Nacional para o Progresso das Pessoas de Cor (NAACP, sigla em inglês), ofereceu formalmente nesta sexta-feira seu apoio ao pré-candidato do Partido Democrata para as eleições presidenciais de novembro no país, o senador Bernie Sanders.

do UOL Notícias

Em uma conferência telefônica com a imprensa, Jealous, que em 2008 se transformou no presidente mais jovem da NAACP, defendeu o pré-candidato socialista e disse que Sanders se encaixa com perfeição na definição de Martin Luther King de “um verdadeiro líder”.

“Bernie Sanders foi um lutador com princípios, coragem e coerência contra os demônios aos quais o doutor King se referia como os gigantes gêmeos do racismo: o militarismo e o materialismo”, disse Jealous.

O ex-presidente da NAACP lembrou que o senador por Vermont foi detido em 1960 quando se manifestava em frente ao Congresso em favor da igualdade racial e destacou que “muito poucos homens brancos eram corajosos assim naquela época”.

O apoio de Jealous é essencial para a campanha de Sanders, que tem especial dificuldade para atrair a simpatia das minorias negra e latina, dois grupos entre os quais o pré-candidato é superado por sua rival, a ex-secretária de Estado Hillary Clinton, por ampla margem.

Além disso, o apoio do líder negro acontece em um momento-chave, já que, após o caucus de Iowa da última segunda-feira e das primárias que acontecerão na terça-feira em New Hampshire, dois Estados de população majoritariamente branca, a corrida pela indicação se transferirá para Nevada e Carolina do Sul, onde as minorias têm muito mais peso.

O apoio de Jealous pode ser especialmente útil a Sanders na Carolina do Sul, um estado com quase 30% de população negra e o mais populoso entre os primeiros quatro estados onde acontecem as prévias eleitorais.

 

+ sobre o tema

Lancellotti, Varella, Suplicy e outros

Minha filha me pergunta qual é o nome do...

Daniel Munduruku: “Índio é invenção total, folclore puro”

Tatiana Mendonça Volta e meia, o paraense Daniel Monteiro Costa,...

para lembrar

Edgar Morin: demônio é sempre o outro

Morin filósofo, sociólogo, antropólogo e historiador e autor de...

Ex-sacoleiro monta bar no Morro da Providência e quer atrair ‘gringos’

Após pacificação, vendedora de quentinhas virou dona de pensão Para...

Na direção da reparação para afrodescendente

Fonte: Memória Lélia Gonzalez Senado debate reparação para afrodescendente...

Haddad promete recriar Ministério das Mulheres e promover cota de gênero na política

Plano de governo inclui propostas de Manuela D’Ávila, como...

Fim da saída temporária apenas favorece facções

Relatado por Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o Senado Federal aprovou projeto de lei que põe fim à saída temporária de presos em datas comemorativas. O líder do governo na Casa, Jaques Wagner (PT-BA),...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...
-+=