Presidente do Peru pede perdão aos negros

 

 

O presidente do Peru, Alan García, pediu, em um episódio considerado histórico para o país, pediu perdão aos afroperuanos pela terrível exclusão que sofreram por causa da escravatura e pela discriminação vivida desde a época colonial. O ato aconteceu nesta terça-feira (8) no palácio do governo.

Durante a cerimônia no palácio do governo, o presidente García, que cumpre o terceiro ano do governo (2006-2011), agradeceu à comunidade afroperuana por seu apoio à cultura peruana. O presidente peruano pediu a todas as instituições públicas e privadas do país que colaborem para acabar com a “exclusão e o racismo”.

Também pediu a essas instituições e a seus compatriotas que entendam o significado do pedido de perdão em nome da nação. García afirmou:

– Neste dia que limpamos as culpas do Estado e da história, pedimos perdão, digo a vocês que preciso de sua ajuda para tirar o país da exclusão e do racismo.

García perguntou o que seria da cultura peruana em suas diversas manifestações como a gastronomia, a música, a religião e o esporte, sem a participação dos afroperuanos.

Os afrodescendentes representam entre 10% e 15% do total da população peruana (27 milhões de habitantes).
A maior concentração de negros se encontra na região de Callao, assim como nas cidades de Ica, Lambayeque, Lima e Piura.

A comunidade afroperuana teve uma participação importante na cultura e no folclore do país do colonialismo à independência.

Os primeiros negros foram trazidos ao Peru em 1821; em 1856, o presidente Ramón Castilla y Marquezado declarou o fim da escravatura.

Fonte: TV Canal 13

+ sobre o tema

para lembrar

As mulheres que cultivam mandioca no Suriname para vendê-la nos Países Baixos

Tania Liew-A-Soe é a presidenta e fundadora da cooperativa...

Cantora americana morre após cortar o pescoço em taça quebrada

Charmayne Maxwell fez sucesso na década de 90 com...

BANDO DE TEATRO OLODUM no Sesc Vila Mariana 9 a 18 de abril

De Salvador/BA no SESC Vila Mariana / SP IMPERDÍVEL  !!!! Cabaré da...

Vogue Itália de maio ressalta a beleza negra

A última edição da Vogue Itália de maio é...
spot_imgspot_img

Tony Tornado relembra a genialidade (e o gênio difícil) do amigo Tim Maia, homenageado pelo Prêmio da Música Brasileira

Na ausência do homenageado Tim Maia (1942-1998), ninguém melhor para representá-lo na festa do Prêmio da Música Brasileira — cuja edição 2024 acontece nesta quarta-feira (12),...

Violência contra territórios negros é tema de seminário com movimentos sociais em Salvador

Diante da escalada de violência que atinge comunidades negras e empobrecidas da capital e no interior da Bahia, movimentos sociais, entidades e territórios populares...

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...
-+=