Guest Post »

Reflexões sobre o racismo e sua influência nas políticas públicas

Este trabalho tem como tema principal, a discussão sobre a escravidão, discriminação e o preconceito racial no Brasil

Autor: Luiz Carlos Ribeiro da Silva no Lume

Orientador: Ricardo Antonio Lucas Camargo

Nível: Graduação

Data: 2017

Instituição: Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Direito. Curso de Ciências Jurídicas e Sociais.

Assunto: Políticas públicas. Racismo.

001061074

André Hunter – Nappy

Resumo: Este trabalho tem como tema principal, a discussão sobre a escravidão, discriminação e o preconceito racial no Brasil. Uma leitura romântica das obras de Freire, cremos numa nação praticamente livre. O mito da democracia racial construiu um discurso ideológico que, ao defender a não existência de conflitos entre negros e brancos, desviou o olhar do Estado e da população brasileira de toda a atrocidade cometida contra todo o povo de origem africana ocorrido antes e pós-escravidão. O grande problema dessa cordialidade racial, inexistente, é que ela perpetua não somente o preconceito, mas garantem que as desigualdades sociais e econômicas se mantenham crescentes. Na Europa do século XIX avança a teoria no livro „‟O homem delinqüente‟‟ de César Lombroso que com seu paradigma etiológico, defende seleciona e segrega uma „‟minoria anormal‟‟ para suas teses. O médico-legista Nina Rodrigues, representante escravista no Brasil, que teoricamente acabara de abolir o maior sistema escravagista do mundo. A hierarquização das raças tem provocado um crescente acirramento da discriminação em virtude de políticas publicas, ações afirmativas e direitos fundamentais.

Acesse o Trabalho de conclusão de graduação – PDF

Related posts