terça-feira, janeiro 26, 2021

Tag: igualdade racial

????????????????????????????????????

Intelectuais e artistas negros destacam avanços e obstáculos no combate ao racismo nas artes, na academia e no Direito

Discursos, narrativas, formas e estratégias de identificar e, principalmente, combater e superar o racismo nas instituições jurídicas, científicas, literárias e artísticas da sociedade foram pauta do debate realizado na tarde de ontem, dia 21, no auditório da sede do Ministério Público estadual, em Nazaré. As discussões abordaram questões do racismo no ordenamento jurídico, no meio acadêmico, no musical e no mercado editorial. Por George Brito Do MP Para o advogado e professor da Ufba Samuel Vida, o “racismo no Direito é um das problemáticas mais difíceis do processo de enfrentamento”. Ele demarcou, sinteticamente, três fases da relação entre Direito e racismo – legitimação do racismo pelo Direito (escravidão), criminalização do racismo (Constituição de 1988) e instituição das políticas de reparação, a partir dos anos 90. Ele acredita que urge a necessidade de um quarto momento, que desloque o esforço de criminalização e de reparação, importantes mas já insuficientes, para uma “revisão ...

Leia mais

Sim à Igualdade Racial do ID_BR? Dá um Google!

O ID_BR - Instituto Identidades do Brasil foi a primeira organização sem fins lucrativos convidada pelo Google através do Black Google Network para contar sua proposta e experiência na sede global da empresa, em Mountain View, Califórnia, EUA. enviado para o Portal Geledés por SalveID_BR A fundadora e diretora executiva do Instituto, Luana Génot, acompanhada pelo diretor de Parcerias, Roberto Andraus, contou sobre o trabalho que vêm desenvolvendo e engajando empresas através do selo Sim à Igualdade Racial, assim como o objetivo e o posicionamento de empresas em prol de práticas que visem a inserção, retenção e ascensão da população negra no mercado de trabalho. Esperamos que seja o início de uma longa parceria. Trata- se de uma pauta urgente e que tem ganhado destaque em várias empresas no Brasil e no mundo. Precisamos falar sobre! Precisamos agir! A Igualdade Racial é uma causa de todos! Da esq. p/ dir. Roberto ...

Leia mais
Foto: Jose Manuel Gelpi Diaz

Abertas inscrições para curso de enfrentamento ao racismo

Aulas ocorrerão de 20 a 24 de fevereiro, na Escola de Governo do DF. Interessados devem preencher formulário on-line até o dia 15 DA AGÊNCIA BRASÍLIA, COM INFORMAÇÕES DA SECRETARIA DO TRABALHO, DESENVOLVIMENTO SOCIAL, MULHERES, IGUALDADE RACIAL E DIREITOS HUMANOS Com o objetivo de melhorar o acesso a informações pertinentes à questão racial no Brasil, servidores, empregados públicos e militares do governo de Brasília participarão do curso Promoção da Igualdade Racial e Enfrentamento ao Racismo, de 20 a 24 de fevereiro. A iniciativa é fruto da articulação entre a Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos e a Escola de Governo do Distrito Federal. O curso tem por objetivo apoiar a capacitação continuada de servidores dos diversos órgãos e entidades do governo do Distrito Federal para a implementação da Lei nº 12.288, de 20 de julho de 2010, que institui o Estatuto da Igualdade Racial. A matéria ...

Leia mais

ONU Mulheres externa preocupação com a redução de status das Secretarias de Políticas para as Mulheres e de Promoção de Políticas de Igualdade Racial

É com preocupação que a ONU Mulheres Brasil avalia a transformação da Secretarias Especiais de Políticas para as Mulheres e de Promoção da Igualdade Racial em Secretarias Nacionais pela Medida Provisória n. 768/2017, publicada em 3 de fevereiro de 2017, no Diário Oficial da União. Nos últimos dois anos, os órgãos passaram por duas fortes alterações nas suas competências, incidindo de maneira prejudicial na gestão, no orçamento e na estrutura organizacional. Do ONU Mulheres São amplamente conhecidas as causas das desigualdades de gênero no Brasil, as quais têm impedido as mulheres de viver uma vida sem violência, com igualdade salarial, sem racismo e outras formas de discriminação seja pela orientação sexual, faixa etária ou território. No que se refere ao racismo, a discriminação racial tem ação sistemática no assassinato de jovens negros e negras, nas barreiras de acesso ao mercado de trabalho e nas vulnerabilidades de saúde, educação, moradia, entre outras. ...

Leia mais

20 de Novembro – Dia da Consciência Negra

No próximo domingo será 20 de novembro – Dia da Consciência Negra. E, como sempre desde que a comemoração foi instituída no calendário oficial brasileiro, principalmente este ano dado o quadro político brasileiro, surgirão questionamentos como: por que comemorar a consciência negra, e não a branca ou a humana? Por Maurício Pestana para o Portal Geledés  Comemoramos a consciência negra porque os negros foram oprimidos por mais de 300 anos nesse país e ainda hoje somos a população que mais sofre em todos os sentidos. Somos 76% dos mais pobres, ou seja, três em cada quatro pessoas que estão no grupo dos 10% mais pobres são negras. Somos a população com renda média 2,5 vezes menor que a população branca. Somos mais de 60% da população penitenciária do país. Nossos jovens são 77% dos jovens assassinados todo ano, o que significa que um jovem negro é morto a cada 23 minutos. ...

Leia mais

Mauricio Pestana fala dos desafios de promover a igualdade racial no mundo corporativo

Ativista das questões raciais há mais de três décadas, Maurício Pestana é o titular da Secretaria Municipal de Promoção de Igualdade Social de São Paulo (SMPIR), cargo que ocupa desde junho de 2015. Por Marcos Sacramento Do DCM Em entrevista ao DCM, Pestana fala dos desafios de promover a igualdade racial no mundo corporativo, defende a ampliação de ações afirmativas em diversos segmentos da sociedade e comenta a respeito do recrudescimento pensamento conservador no Brasil e no mundo. “O que estamos assistindo é um retrocesso na política de inclusão no mundo, seja ela racial ou social”, disse Pestana, que falou também do fenômeno político Fernando Holiday – rapaz negro que luta pelo fim das poucas conquistas obtidas pelo movimento negro até agora. Qual o maior desafio para promover a inclusão de negros em cargos de liderança no mercado de trabalho? O maior desafio é dar o primeiro passo. O entendimento de ...

Leia mais

Brasileiros são destaque em evento da ONU sobre afrodescendentes

Filósofa paulista Djamila Ribeiro fala sobre promoção da igualdade racial e importância da população negra em vários âmbitos da sociedade; mestre de capoeira Plínio traz os sons africanos para a sede das Nações Unidas. Por Leda Letra Do Unmultimedia Foi realizado na sede da ONU, esta segunda-feira, um evento de alto nível sobre inclusão e contribuição dos afrodescendentes para a sociedade. O debate é uma das atividades da Década Internacional de Afrodescendentes, que segue até 2024. A filósofa brasileira Djamila Ribeiro foi convidada a participar do encontro. Atuando como secretária-adjunta da Secretaria de Direitos Humanos da cidade de São Paulo, ela destacou à Rádio ONU a importância de políticas públicas em prol dos afrodescendentes. Cultura "Vou falar muito sobre as iniciativas que temos tido na gestão de São Paulo em relação à promoção da igualdade racial, como atendimento psicossocial às mães que perderam seus filhos vítimas de violência policial; o quanto ...

Leia mais

Frente das Candidatas Negras quer unificar pautas e fortalecer debate sobre igualdade racial

Objetivo é um alinhamento das propostas visando o empoderamento da mulher negra Por Airton Raes Do Topmidia New Buscando ampliar e unificar as pautas, foi criada a Frente das Candidatas Negras, que reúne militante da causa negra que disputam algum cargo nas eleições deste ano em Campo Grande. O Objetivo é um alinhamento das propostas visando o empoderamento e também a Justiça com igualdade racial. Uma das idealizadoras da frente e integrante da União Brasileira de Mulheres, Cleuza Pedrosa, explica que a Frente foi criada inicialmente para saber quais eram as candidatas e quais os compromissos de cada uma. “Percebemos que tínhamos a necessidade de saber qual seria a discussão voltada realmente para a população negra. A gente tinha uma grande preocupação que nesse momento todo mundo se declara negro. mas qual é realmente o compromisso?”, afirmou. Uma das integrante da Frente, a candidata a vice-prefeita pelo PROS, pastora Marcia Mega, ...

Leia mais

6 verdades surpreendentes sobre a visão de negros e brancos em relação à igualdade racial

Estudo anterior da National Urban League revela que a América negra é apenas 72% igual à América branca. Por  Lilly Workneh, do The Huffington Post 1. A maioria das pessoas negras acha que o país deveria fazer mais para chegar à igualdade racial; menos de metade das pessoas brancas dizem que já foi feito o suficiente. O estudo revelou que 88% dos negros acham que é preciso empreender mais esforços para alcançar a meta da igualdade racial, enquanto cerca de metade deles (43%) duvidam que essas mudanças se realizem algum dia. No caso dos brancos, 40% têm a esperança de que o país continue a fazer esforços para dar aos negros a igualdade de direitos com os brancos, enquanto 38% consideram que o país já efetuou as mudanças necessárias. O gráfico acima mostra as opiniões da América negra e branca sobre a conquista da igualdade racial. 2. A visão da América ...

Leia mais
Maurício Requião

Quem É Ouro no Brasil

As fotos revelam que a principal fonte de medalhas de ouro das Olimpíadas foi a população negra, que segundo o IBGE é formada por pretos e pardos. Por Helio Santos Do Brasil de Carneeosso Tenho dito que a periferia brasileira é ouro puro; figuração que faço para evidenciar a riqueza que ali sobrevive. Nada vale mais nesse planeta do que talento, mais que o próprio ouro. E convenhamos: esse material é abundante em nossos bairros periféricos, favelas, cortiços e invasões. As Olimpíadas que acabaram de se encerrar no Rio comprovou de forma cabal o que dissemos recentemente aqui nessa página. Sempre lembro que, apesar de dispormos de fartos veios de ouro puro, optamos pelas bijuterias. Ou seja: valorizamos os bem-nascidos que não precisam se empenhar para manter seus privilégios. O resultado é o país que nos resta: baixa capacidade de crescimento com inclusão; jejum completo de Prêmios Nobel e medíocre pontuação ...

Leia mais

João Doria diz que cortará secretarias de LGBT, Mulheres, Igualdade Racial e mais 4 pastas

Tucano João Doria fez campanha na manhã desta quinta-feira (18) em uma feira livre no Jardins no R7 O candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, João Doria, prometeu reduzir de 27 para 20 o número de secretarias na administração municipal caso seja eleito. Questionado sobre quais pastas cortaria, ele mencionou cinco: LGBT, Mulheres, Igualdade Racial, Juventude e Pessoas com Deficiência. O objetivo seria corte de gastos. — Não vamos mudar as políticas . Só não teremos mais secretarias. Segundo o candidato, a ideia é agrupar em coordenações o que antes eram secretarias e ligá-las diretamente ao gabinete da Prefeitura. O tucano fez campanha na manhã desta quinta-feira (18), em uma feira livre no Jardins. No terceiro dia de esforços, Doria disse que já fez aportes financeiros do próprio bolso, mas não revelou o valor. — Há perspectiva de doações, mas com a legislação atual é mais difícil.

Leia mais

Estatuto da Igualdade Racial completa seis anos

Normas possibilitaram avanços nos direitos dos negros em áreas como educação e cultura Do Brasil.gov Composto por 65 artigos, o Estatuto da Igualdade Racial completa seis anos de vigência nesta quarta-feira (20). O texto abrange diversas áreas como cultura, esporte, saúde, moradia, religião e comunicação para garantir os direitos de negras e negros no Brasil. Um dos principais resultados do Estatuto foi a criação do Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Sinapir), que organiza, articula e dissemina institucionalmente – no âmbito estadual e municipal – as políticas públicas do governo federal. Segundo a Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, o Sinapir já foi implantado em 43 cidades, e mais 28 estão em processo de implantação. A partir do Estatuto, também foi criada a Ouvidoria Nacional de Igualdade Racial, que, nos últimos cinco anos, recebeu mais de 2,3 mil denúncias. Ele também possibilitou a criação da lei que instituiu 20% ...

Leia mais

Edital disponibiliza mais de R$ 4 milhões para projetos que promovam a igualdade racial

Lançamento ocorre no dia em que se celebra o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial e os 13 anos de criação da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Governo Federal SEPPIR Do Racismo Ambiental O Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos lança hoje, segunda-feira (21/03), o “Edital de Chamada Pública nº 01/2016”, com o objetivo de implementar e fortalecer o Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Sinapir). O lançamento do edital, por meio da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade evento ocorre às 9h30, bloco “A” da Esplanada dos Ministérios, em Brasília. A atividade contará com a presença da ministra Nilma Lino Gomes e do secretário especial da Seppir, Ronaldo Barros. Ao todo, serão disponibilizados R$ 4.576.713,00 para três áreas de financiamento: fortalecimento dos órgãos de promoção da igualdade racial; apoio a políticas públicas de ação afirmativa e a políticas para ...

Leia mais
Rita Izsák Ndyae, relatora especial de minorias da ONU

Portal erra tradução. Relatório da ONU não diz que políticas de igualdade racial “fracassaram”

O portal Estadão (repicado nos portais UOL, IG e outros) noticiou no dia 14 de maio que as políticas de igualdade racial “fracassaram” no Brasil segundo informe da relatora da ONU para direito de minorias, Rita Izak. Por Dennis de Oliveira , do Quilombo A notícia foi amplamente divulgada, coincidentemente após as manifestações de domingo contra o governo federal, nas quais as pesquisas constataram que a esmagadora maioria era composta por brancos e de classe média-alta. Sem contar as várias imagens de apologias explícitas ao racismo feitas na manifestação. O incômodo da mídia hegemônica: cristalizar a idéia de que há uma clivagem racial entre os que defendem e os que são contrarios ao atual governo. A coluna Quilombo teve acesso à íntegra do relatório que pode ser obtido clicando aqui. O interessante é que as matérias que saíram nos portais não colocaram o link que permite acesso ao texto original. O internauta tem ...

Leia mais

Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, o que vai e o que fica!

A questão aflitiva é que mulheres, negros, grupos étnicos não-hegemônicos, adolescentes marginalizados, pessoas em situação de vulnerabilidade nunca tiveram lugar garantido no panteão dos ministérios que importam. É como se estivessem mesmo assentadas no ar, no vento Por Cidinha da Silva Do Portal Fórum Eis que na dança política de acomodação da base aliada, sujeitos políticos depauperados no campo da conquista de direitos, de um modo geral, perderam suas cadeiras. Como na brincadeira infantil, quem vai ao ar perde o lugar, quem vai ao vento, perde o assento. A questão aflitiva é que mulheres, negros, grupos étnicos não-hegemônicos, adolescentes marginalizados, pessoas em situação de vulnerabilidade nunca tiveram lugar garantido no panteão dos ministérios que importam. É como se estivessem mesmo assentadas no ar, no vento. Por isso foi possível propor um genérico qualquer para aglutinar os sem-cadeira, o natimorto Ministério da Cidadania. Na disputa política, entretanto, a lucidez de alguém deve ...

Leia mais

Representante do Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos participa do I Encontro sobre Cultura Negra.

No próximo dia  23 de outubro, das 8 às 17h,  acontece em Maceió, AL,  o I Encontro  Sobre Cultura Negra dos Municípios Alagoanos,  com o objetivo de propiciar espaços de estudos para  elaboração e gerenciamento de projetos afirmativos dos  traços significativos da cultura negra, como também  busca a formação de rede de [email protected]  municipais de cultura, em torno da temática. Por Arísia Barros, do Cada Minuto Marcos Willian Bezerra de Freitas, representante do Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos fará um diálogo institucional  expondo sobre a importância do Sistema Nacional de Promoção da Igualdade  Racial (SINAPIR) e a participação dos municípios do estado de Alagoas  na construção de um plano de operacionalização da  cultura negra como política de estado.   O  Encontro é uma  realização do Instituto Raízes de Áfricas, Governo do Estado de Alagoas e Associação dos Municípios de Alagoas e  terá o desenvolvimento de  suas atividades no auditório Aqualtune, do ...

Leia mais
igualdaderacial

Quanto vale a igualdade racial?

Carmela Zigoni, assessora política do Inesc, critica os cortes dos recursos da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), que afetam diretamente a execução de políticas públicas essenciais para reduzir as desigualdades no Brasil. Do Inesc Em maio, o governo federal anunciou cortes no orçamento da União no montante de quase R$ 70 bilhões – ou, mais precisamente, R$ 69.945.614.216,00, o que corresponde a 12% do total. Conforme ressaltou o Inesc, o decreto 8.456 penalizou desproporcionalmente órgãos que executam políticas públicas essenciais para garantir a redução sustentada das desigualdades no Brasil, chegando a percentuais de duas a três vezes superiores à média do corte. É lamentável constatar que, apesar dos enormes avanços na construção de políticas públicas voltadas para a promoção da igualdade racial na última década, o Governo cortou 56,3% dos recursos da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Seppir). A Secretaria terá apenas R$ 28,7 milhões para cumprir sua ...

Leia mais

Maurício Pestana assume Secretaria de Promoção da Igualdade Racial da Capital Paulista

Cartunista conhecido pelos trabalhos no jornal “O Pasquim” e diretor da revista “Raça”, voltada ao público negro, o escritor e publicitário Maurício Pestana foi empossado na tarde desta segunda-feira (22) como o novo secretário municipal de Promoção da Igualdade Racial. Pestana, que ocupava o cargo de secretário-adjunto da pasta desde abril do ano passado, substitui Antonio Silva, que atuará na Secretaria Municipal da Cultura. no Portal Bragança Ligado ao Partido Comunista do Brasil (PC do B), Pestana milita há quase 30 anos no movimento negro e tem como missão ampliar as políticas afirmativas adotadas desde a criação da secretaria, em 2013. Além do processo de implementação do ensino da História e Cultura Afro-brasileira nas escolas municipais, as políticas para imigrantes haitianos e a ampliação do diálogo com movimentos da periferia estão entre os focos do trabalho da pasta. “Nosso objetivo é que o negro não seja só aquele que ser ...

Leia mais

Maurício Pestana é o novo Secretário da Igualdade Racial da cidade de São Paulo

Maurício Pestana, assume o posto de Secretário Municipal de Promoção da Igualdade Racial do governo Fernando Haddad, na próxima segunda-feira, dia 22/06. Enviado por Anike Moraes  para o Portal Geledés Atual secretário adjunto da pasta, Pestana acumula mais de três décadas dedicadas à questão racial, afirma, ao falar de sua atuação de jornalista, escritor, publicitário cartunista e autor de mais de 50 publicações, algumas das quais publicadas no exterior com foco no nas desigualdades raciais, brasileira.   “Cuidar da questão racial é uma responsabilidade grande e necessária na cidade do país com o maior número de negros segundo dados do IBGE, declara, elogiando a iniciativa do prefeito Haddad em criar uma secretaria específica para a promoção da igualdade racial, já no início de seu mandato   Como responsável pela pasta, Pestana pretende consolidar ações estratégicas já em andamento, entre as quais destaca: - Programa de Desenvolvimento Social e Econômico para a ...

Leia mais

Santa Catarina e Rio Grande do Sul recebem Ministra da Seppir e caravana pela promoção da Igualdade Racial e superação do Racismo

Entre os dias 8 e 10 de junho, a ministra da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), Nilma Lino Gomes, estará nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, onde participa de atividades da Caravana Pátria Educadora pela Promoção da Igualdade Racial e Superação do Racismo. No Portal já Um dos principais objetivos da Caravana é incentivar estados e municípios a aderir ao Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial (Sinapir). Com a adesão, que é voluntária, “a Seppir pretende fortalecer, cada vez mais, a rede de promoção da igualdade racial e de superação do racismo em nosso país”, explica a ministra Nilma Lino Gomes. Em Santa Catarina, adesão ao Sinapir e debates com a sociedade civil – O primeiro compromisso da ministra Nilma acontece em Joinville (SC). Às 10h da segunda-feira (8/6), ela participa da solenidade de adesão do município ao Sistema Nacional de ...

Leia mais
Página 2 de 4 1 2 3 4

Últimas Postagens

Artigos mais vistos (7dias)

Twitter

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist