Guest Post »

Alagoas: Casal homossexual é morto com requintes de crueldade

Casal homossexual é encontrado morto com dedos cortados e olhos arrancados. Este é o oitavo caso apenas este ano, contra 21 registrados no ano passado, diz GGAL

por Ana Paula Omena

Um casal homossexual que estava desaparecido a 12 dias foi encontrado morto com requintes de crueldade no início desta semana, no município de Rio Largo, região metropolitana de Maceió. Márcio Lira Santos que era vendedor e seu namorado identificado apenas pelo pré-nome Eduardo foram assassinados e tiveram os corpos jogados num canavial.

Eles foram reconhecidos por familiares no Instituto Médico Legal (IML), os corpos apresentavam sinais de tortura, com os olhos perfurados e arrancados, além de marcas de tiros. O crime foi caracterizado como mais um ato de homofobia.

De acordo com o GGAL – Grupo Gay de Alagoas, este já é o oitavo registro de crime contra homossexuais este ano contra 21 no ano passado. O presidente do Grupo, Nildo Correia, vai cobrar mais rigor nas investigações do homicídio. “Eles estavam desaparecidos desde o último dia 30 quando a família começou a sentir falta e a procurá-los”, disse Nildo.

O líder da categoria lamentou que apenas cinco destes 21 assassinatos foram elucidados em 2011, com a prisão dos acusados.

Fonte: Tribuna Hoje

Related posts