Aluno é condenado a pagar R$ 20 mil por “rodeio das gordas”

Aluno envolvido no “rodeio das gordas” terá que pagar R$ 20 mil. Dinheiro será destinado para o Fundo Estadual de Reparação dos Interesses Difusos Lesados

Foto utilizada por estudantes para ilustrar página do ‘rodeio das gordas’ em Araraquara.

O estudante universitário envolvido na divulgação do “Rodeio das Gordas”, no campus de Araraquara da Unesp (Universidade Estadual Paulista), em 2010, foi condenado a pagar trinta salários mínimos, cerca de R$ 20 mil, por danos morais.

A sentença foi definida pelo Ministério Público do Estado de São Paulo nesta terça-feira (15).

O dinheiro será destinado para o Fundo Estadual de Reparação dos Interesses Difusos Lesados. Segundo o MP, a ação civil pública tramitou na 2ª Vara Cível de Araraquara.

Outros dois alunos que participaram do evento assinaram um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com o Ministério Público para pagarem vinte salários mínimos, que foram destinadas a três instituições filantrópicas. Na época, o estudante condenado agora não quis assinar o TAC.

O caso

Os três alunos condenados por danos morais foram responsáveis pela criação da página do “Rodeio das Gordas” no Orkut, de acordo com o MP.

O “Rodeio das Gordas” foi criado durante o Interunesp (evento que reúne universitários da Unesp), realizado em Araraquara, em outubro de 2010.

O objetivo do evento era agarrar colegas, obesas, na tentativa de simular um rodeio. A competição era para ver quem ficava mais tempo em cima das garotas.

Fonte: Pragmatismo Político

+ sobre o tema

Bullying: Humilhadas e ofendidas: o rodeio de Araraquara

A pseudobrincadeira dos alunos da Unesp não tinha como...

Racismo na PUC, de Belo Horizonte, é motivo de protesto dos estudantes

Racismo na PUC O caso ocorreu nas dependências da Pontifícia...

Discriminou os seus clientes e agora viu o negócio falir

Melissa Klein, dona de uma pastelaria, teve uma emotiva...

Diversidade e Inclusão – O amor não tem rótulos

Os criadores deste brilhante vídeo queriam criar algo que...

para lembrar

Plus Size: Lutar contra o preconceito não é fazer apologia à obesidade

no Plus Size Girls ES Lindas e amadas plus, O ano novo...

Ser LGBT é ainda mais complicado para uma pessoa gorda

Traduzido do artigo de Charlotte Morabito para o site The...

Redes sociais revelam orgulho e preconceito em relação ao Nordeste

Por: Camila Campanerut   Trocas de mensagens pela rede social Twitter...
spot_imgspot_img

Justiça manda Governo do RJ pagar R$ 80 mil a Cacau Protásio por ataques em gravação em quartel dos bombeiros

A Justiça do Rio de Janeiro determinou, em segunda instância, que a atriz Cacau Protásio seja indenizada em R$ 80 mil por ataques e...

Racismo, gordofobia, transfobia. Já se sentiu discriminado ao fazer compras?

Em uma loja de grife vazia, em Goiânia, a única pessoa a perceber a presença da estudante de Medicina Lara Borges, de 20 anos,...

‘Absolutamente fora do padrão’: representante do setor funerário condena caixão com lixo de jovem morto sem atendimento em SP

O presidente da Associação Brasileira de Empresas e Diretores do Setor Funerário (ABREDIF), Lourival Panhozzi, afirmou ao g1 que os protocolos adotados pela funerária responsável pelo...
-+=