Catorze empresas assinam carta de compromisso com os direitos LGBTI

A adesão aconteceu durante a realização do 8º Fórum de Empresas e Direitos LGBT, realizado em São Paulo no último dia 10 de dezembro.

Por Lisandra Arantes e Pedro Malavolta, do Instituto Ethos

No último dia 10 de dezembro, 14 empresas confirmaram o seu engajamento com a promoção dos direitos humanos de pessoas lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT). Durante o 8º Fórum de Empresas e Direitos LGBT, Carrefour, IBM, P&G, Accenture, Basf, Caixa, HSBC, GE, DuPont, Dow, PwC, Pfizer, Whirlpool e Monsanto assinaram os “10 Compromissos da Empresa com a Promoção dos Direitos LGBT”.

A iniciativa tem como objetivos aprimorar as práticas de gestão das empresas e influenciar o meio empresarial e a sociedade para a adoção de práticas de respeito aos direitos humanos LGBT.

A adesão de grandes empresas a esses compromissos mostra que a promoção dos direitos humanos LGBT estão caminhando. Esta é a avaliação de Paulo Pianez, diretor de Sustentabilidade e Diversidade do Carrefour Brasil, que sediou a oitava edição do fórum. “A atuação articulada do setor privado é essencial para fortalecer e aprimorar as práticas de cada empresa e do conjunto das que atuam no Brasil, fortalecendo a construção de um ambiente empresarial socialmente responsável, ético, moderno e sustentável”, ressalta.

Durante o evento, Gabriela Santos, coordenadora de Políticas Públicas do Instituto Ethos, falou sobre a nova edição da pesquisa Perfil Social, Racial e de Gênero das 500 Maiores Empresas do Brasil e Suas Ações Afirmativas, que o Instituto está desenvolvendo e vai lançar em 2015. Publicado periodicamente desde 2001, o estudo vai analisar pela primeira vez se as empresas possuem políticas internas que contemplem pessoas com diferentes orientações sexuais.

Conheça os 10 Compromissos da Empresa com a Promoção dos Direitos LGBT:

  1. Comprometer-se, presidência e executivos, com o respeito e com a promoção dos direitos LGBT;
  2. Promover igualdade de oportunidades e tratamento justo às pessoas LGBT;
  3. Promover ambiente respeitoso, seguro e saudável para as pessoas LGBT;
  4. Sensibilizar e educar para o respeito aos direitos LGBT;
  5. Estimular e apoiar a criação de grupos de afinidade LGBT;
  6. Promover o respeito aos direitos LGBT na comunicação e marketing;
  7. Promover o respeito aos direitos LGBT no planejamento de produtos, serviços e atendimento aos clientes;
  8. Promover ações de desenvolvimento profissional de pessoas do segmento LGBT;
  9. Promover o desenvolvimento econômico e social das pessoas LGBT na cadeia de valor;
  10. Promover e apoiar ações em prol dos direitos LGBT na comunidade.

 

+ sobre o tema

“Quando me descobri negra”: sete mulheres conscientes e com muito orgulho

“Tenho 30 anos, mas sou negra há apenas dez....

As mães das propagandas de margarina são felizes?

Só há dois requisitos básicos para dominar toda a...

para lembrar

“Diálogos de busão”: machismo x democracia

Eu estou lendo sobre cortiços do Uruguai e sobre...

A cultura do estupro e suas diferentes intervenções nos corpos negros

Enquanto as mulheres negras estão mais vulneráveis a serem...

Entenda o que é CONSCIÊNCIA RACIAL

Mês da consciência negra! Do Canal Preto  No mês da Consciência...
spot_imgspot_img

Aborto legal: ‘80% dos estupros são contra meninas que muitas vezes nem sabem o que é gravidez’, diz obstetra

Em 2020, o ginecologista Olímpio Moraes, diretor médico da Universidade de Pernambuco, chegou ao hospital sob gritos de “assassino” porque ia interromper a gestação...

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...

Moraes libera denúncia do caso Marielle para julgamento no STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou nesta terça-feira (11) para julgamento a denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra...
-+=