Convite lançamento do livro Fragmento de Mim – Ana Célia da Silva

Enviado por / FonteEnviado ao Portal Geledés

Sobre a autora:

Ana Celia da Silva é uma renomada acadêmica, detentora de um doutorado em Educação pela UFBA. Sua vasta experiência inclui uma carreira como pesquisadora e professora adjunta aposentada na Universidade do Estado da Bahia. Seu compromisso com a educação e a igualdade a levou a se destacar como uma influente voz na área. Autora de várias obras de destaque, incluindo “A discriminação do negro no livro didático” e “Desconstruindo a discriminação do negro no livro didático”, Ana Celia da Silva é uma defensora da mudança e da conscientização em relação a questões raciais. Seu legado acadêmico e compromisso social se unem para criar uma perspectiva única e enriquecedora em sua nova obra, “Fragmentos de Mim”.

Sinopse do Livro:
“Fragmentos de Mim” é uma autobiografia única e inspiradora. Através de recordações, relatos e descrições, Ana Celia da Silva nos presenteia com uma visão única de sua vida, tecida com lembranças, reflexões e experiências. O título sugere que a narrativa não se preocupa com uma história linear, mas sim com os fragmentos que compõem sua existência.

Explorando a Verdade e a Autoficção:

O livro estabelece um contrato intrigante com a verdade e fatos históricos, conforme observado nas conjecturas e na riqueza de detalhes presentes nas narrativas. Ao mesmo tempo, a obra também abraça a autoficção, onde a fronteira entre realidade e ficção se mesclam para criar uma narrativa autêntica e rica.

Editora Katuka:

A Editora Katuka, iniciou como selo editorial em 2021 e em 2023 se lança no mercado editorial como editora, se dedica a promover e celebrar a riqueza das expressões literárias das autoras e autores negres brasileiros e países lusófonos do continente africanos e da diáspora. Como parte integrante do empreendimento Katuka Africanidades, nosso compromisso é dar voz e visibilidade às narrativas e perspectivas que emergem das vivências e experiências negras. Em nossa missão de fomentar a diversidade literária, buscamos publicar obras que representam a multiplicidade de vozes negras, honrando e valorizando as múltiplas identidades e culturas que atravessam a diáspora africana. Por meio de parcerias com escritoras e escritores negres, temos a honra de compartilhar histórias que refletem a complexidade e a vitalidade das comunidades negras no Brasil e em África. 

Convidamos você a mergulhar nessa obra singular e a compartilharem essa jornada de descobertas com sua audiência.

O lançamento do livro será no dia 31 de Agosto de 2023, às 17:30, na Sociedade Protetora dos Desvalidos (SPD). 

Endereço: Largo do Cruzeiro de São Francisco, 017 – Centro, Salvador – BA, 40020-280 .

Agradecemos desde já pelo seu tempo e consideração.

+ sobre o tema

Álbum solo “Boogie Naipe” do Mano Brown é indicado ao Grammy Latino

Após anos de muita expectativa, o álbum de estreia...

Conheça Filhas do Pó, primeiro filme de uma cineasta negra distribuído nos Estados Unidos

Se Filhas do Pó fosse uma grande produção hollywoodiana,...

Conheça os nomes que deverão causar na cena musical em 2018

Entre IZA e Karol Conka, veja cinco artistas que...

Kendrick Lamar coloca soldados para marchar contra o racismo no Grammy 2018

Kendrick Lamar foi um dos grandes destaques da noite...

para lembrar

spot_imgspot_img

Chega a São Paulo Um defeito de cor, exposição que propõe uma revisão historiográfica da identidade brasileira por meio de uma seleção de obras em...

De 25 de abril a 1º de dezembro, o Sesc Pinheiros recebe "Um Defeito de Cor". Resultado da parceria entre o Sesc São Paulo...

Aos 76, artista trans veterana relembra camarins separados para negros

Divina Aloma rejeita a linguagem atual, prefere ser chamada de travesti e mulata (atualmente, prefere-se o termo pardo ou negro). Aos 76 anos, sendo...

Com 10 exibições que abordam a luta antirracista, Mostra do Cinema Negro tem sessões a partir de 4 de abril em Presidente Prudente

O Serviço Social da Indústria (Sesi-SP) promove, entre os dias 4 de abril e 23 de maio, uma programação com dez filmes que celebram o cinema...
-+=