Criação de empregos formais soma 209 mil e bate recorde para fevereiro

Serviços, indústria e construção lideraram a abertura de vagas.
No bimestre, geração de empregos também é recorde histórico.

Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quarta-feira (17) pelo Ministério do Trabalho, mostram que foram criados 209,4 mil empregos com carteira assinada no mês de fevereiro.

Este é o melhor resultado para este mês desde o início da série histórica do Caged, há 18 anos. Antes, o melhor mês de fevereiro havia sido registrado em 2008, quando foram abertas 204,9 mil vagas formais.

“Tal resultado situa-se 52% acima da média dos melhores saldos do Caged para o mês de fevereiro, compreendidos entre os anos de 2003 e 2008, mantendo o dinamismo observado no mês anterior”, informou o Ministério do Trabalho.

Carnaval
Segundo o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, as férias e o carnaval ajudaram na abertura de vagas no setor de Serviços em fevereiro.

“Todos os grandes centros de turismo carnavalesco [ficaram lotados]. Além disso, a indústria de transformação [registrou] recorde, com comportamento atípico, porque os estoques acabaram. E a construção civil que também teve comportamento recorde, e aí já é consequência dos programa Minha Casa, Minha Vida”, explicou ele.

Janeiro e primeiro bimestre
Em janeiro deste ano, segundo o Caged, foram criados 181,4 mil postos de trabalho com carteira assinada, o que também representou o melhor resultado de toda a série para meses de janeiro.

O resultado do primeiro bimestre de 2010, quando foram criadas 390,8 mil postos de trabalho com carteira assinada, também representa o melhor resultado da história para o período.

O ministro afirmou ainda que o mês de março também baterá novo recorde histórico na criação de empregos formais. O atual recorde para o mês foi registrado em 2008, com a abertura de 207 mil postos de trabalho com carteira assinada.

Setores
O Ministério do Trabalho informou houve uma “expansão generalizada” do emprego formal em fevereiro. No mês passado, o setor que mais contratou foi o de setor de serviços, com 85,6 mil novas vagas.

Em segundo lugar, aparece a indústria de transformação, com a criação de 63 mil postos formais de trabalho. Em fevereiro, a construção civil criou 34,7 mil vagas e o comércio, 10,6 mil.

O ministro Lupi informou que os serviços, a indústria de transformação e a construção civil registraram recordes de contratação para meses de fevereiro.

Lupi manteve a previsão de que serão criados mais de 2 milhões de empregos com carteira assinada em todo ano de 2010, o que será o melhor ano da história para a criação de empregos formais, caso o prognóstico se confirme.

Regiões
O governo informou ainda que todas as regiões do país registraram “elevação expressiva” dos emprego formal em fevereiro deste ano, com três delas (Sul, Norte e Nordeste) apresentando saldos recordes.

Na região Sul, segundo o Ministério do Trabalho, foram criadas 49,5 mil vagas em fevereiro, enquanto na região Norte foram abertos 11,1 mil postos. No Nordeste, foram abertos 2,1 mil empregos formais no mês passado.

A região Sudeste liderou a criação de postos, com 120 mil vagas, o maior número absoluto, embora não represente um recorde para meses de fevereiro. Foram abertas 26 mil vagas na região Centro-Oeste.
Fonte: G1

+ sobre o tema

Bordadeiras querem acabar com a figura do “atravessador”

Elas foram descobertas pelo estilista mineiro Ronaldo Fraga Por Thaís...

Ter mais mulheres nos conselhos das empresas interfere no valor de sua ações?

Até aqui, o que se sabia através de pesquisas...

Dublin capital da Irlanda tem vagas de emprego para fluentes na Língua Portuguesa

Empresa de Recrutamento e Seleção procura 'Portuguese Speakers' para...

Tribunal de Justiça do Paraná abre 56 vagas na área de TI

Fonte:G1       O Tribunal de Justiça do Paraná está com inscrições...

para lembrar

Mulheres com formação técnica são maioria no mercado de trabalho, diz Rais

Em 2013, grupo representou 55%, informou a Relação Anual...

Metade dos brasileiros já sofreu assédio no trabalho, aponta pesquisa

Mariana teve um fax esfregado em seu rosto pela...

IBGE publica edital para agente de pesquisas e mapeamento

- Fonte: IBGE - O Instituto Brasileiro de...

Para Professores: Concurso 2009 Prefeitura São Paulo Educadores

Depois de um logo tempo sem concurso público a...
spot_imgspot_img

Mulheres sofrem mais microagressões no ambiente de trabalho e têm aposentadorias menores

As desigualdades no mercado de trabalho evidenciam que as empresas têm um grande desafio pela frente relacionado à equidade de gênero. Um estudo recente da McKinsey...

Sem desigualdade de gênero, mundo poderia ter PIB ao menos 20% maior, diz Banco Mundial

O Produto Interno Bruto (PIB) global poderia aumentar em mais de 20% com políticas públicas que removessem as dificuldades impostas às mulheres no mercado...

Homens ocupam seis em cada dez cargos gerenciais, aponta IBGE

As mulheres são maioria entre os estudantes que estão em vias de concluir o ensino superior, no entanto são minoria em relação a posições...
-+=