‘El País’: ‘Bancada da bala’ desafia consenso sobre risco de liberar porte de arma

ONU aponta relação entre quantidade de armas em circulação e incremento da violência

No Jornal do Brasil 

Matéria publicada neste sábado (2) no El País, conta que o soldado da Polícia Militar de São Paulo Anderson Silva Silva, de 32 anos, estava com amigos em um bar de Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, quando três homens se aproximaram em duas motos e anunciaram o assalto. Silva reagiu, sacou sua pistola e foi baleado duas vezes. Chegou morto ao hospital. O triste caso do jovem, PM experiente e treinado no manejo de armas de fogo, é uma gota em oceano de casos semelhantes -—o site de buscas Google registra mais de 500.000 ocorrências para os termos “policial morre após reagir a assalto”. No entanto é precisamente isso que os deputados da bancada da bala, nome dado ao grupo de parlamentares ligados aos interesses dos fabricantes de armamentos, querem que o cidadão comum – sem experiência em combate– faça: reaja e atire de volta. Ou morra tentando.

A reportagem fala que em outubro de 2015 uma comissão especial da Câmara dos Deputados aprovou um relatório que na prática acaba com o Estatuto do Desarmamento, que entre outras coisas proibia o porte de armas para pessoas que não agentes da lei. O relator da matéria, Laudivio Carvalho (PMDB-MG), defendeu o texto, afirmando que a mudança – que ainda precisa ser aprovada no plenário da Câmara e no Senado – vai evitar que a população seja “refém de delinquentes”. No entanto, não existe nenhum estudo científico ou especialista da área que estabeleça a relação entre aumento no número de armas e queda do número de assaltos. “Até policiais treinados morrem reagindo”, afirmou Bruno Langeani, coordenador de do Instituto Sou da Paz.

+ sobre o tema

Marieta Severo fala de papel na novela, racismo e dos ataques que sua família recebe nas redes

Atriz cita retrocessos na sociedade, celebra ressurgimento do feminismo...

DEM: Candidato de R$ 92 mi está preso por estelionato

Por: BRENO COSTA Selmo dos Santos (DEM-SP), dono declarado...

Às agressões humanas, a Terra responde com flores

Mais que no âmago de uma crise de proporções...

Lula chega a 47% na Vox Populi; maioria considera prisão injusta

“A prisão de Lula, da forma como ocorreu, parece...

para lembrar

Centenas de indígenas participam do primeiro dia dos ‘jogos tradicionais’

Os jogos tradicionais representam o momento de maior fascínio...

A irmã de Obama

Fonte:Írohín - Jornal Online Edson Lopes Cardoso A questão...

África, não!

Namíbia, fica no sul da África e foi um...

Brancos surgiram na Europa há 5500 anos

Fonte: Época - De acordo com pesquisadores, a nova...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...

Em 20 anos, 1 milhão de pessoas intencionalmente mortas no Brasil

O assassinato de Mãe Bernadete, com 12 tiros no rosto, não pode ser considerado um caso isolado. O colapso da segurança pública em estados...
-+=