Estudante cria guia para identificar sintomas de doenças na pele negra

Enviado por / FonteRevista Galileu

Foi durante suas aulas de medicina na St. George’s, Universidade de Londres, no Reino Unido, que o estudante Malone Mukwende percebeu algo sério: os sintomas descritos nos livros se referiam majoritariamente à pele branca. Por isso, o jovem decidiu voltar seus estudos para os diversos tons de pele negra — e, assim, publicou um guia pode melhorar o ensino e diagnóstico médico.

“Éramos frequentemente ensinados a procurar sintomas como erupções vermelhas, que eu sabia que não apareceriam desta forma na minha própria pele”, afirmou Mukwende, em entrevista ao BME Medics. “Ao sinalizar isso para os tutores, ficou claro que eles não conheciam outra maneira de descrever essas condições em pacientes com tons de pele mais escuros — e eu sabia que precisava mudar isso.”

Mukwende, então, decidiu criar o “Mind the Gap” (“Cuidado com o vão”, em tradução livre), manual que mostra como os sintomas de diversas doenças se apresentam em vários tons de pele. Ele contou com a ajuda de dois colegas, que concordaram que o guia era parte essencial da “descolonização” do currículo.

Em breve o livro estará disponível na internet e os estudantes esperam que o trabalho ajude a conscientizar profissionais da saúde sobre alguns dos vieses que existem na medicina. Além disso, eles acreditam que o guia ajudará a população negra de todo o mundo a identificar sintomas de potenciais doenças na própria pele.

“Eu também gostaria de ver o currículo médico mudar, de modo a incluir mais os diversos pacientes que ele atende. Isso precisa ser refletido em todo o curso, desde o ensino de habilidades clínicas até a diversificação do conteúdo nos exames”, observou Mukwende. “Também gostaria de ver crescer a diversidade no campo da saúde, pois a representatividade é importante.”

Capa do manual desenvolvido pelo estudante (Foto: Reprodução/Imagem retiraa do site revista Galileu)

+ sobre o tema

13ª Conferência Nacional de Saúde

O sucesso da 13ª Conferência Nacional de Saúde marca...

Mulher negra ainda encontra dificuldades no acesso à saúde

Por Fernando Pivetti - [email protected] Na Faculdade de Direito (FD) da USP,...

para lembrar

Remédios contra Aids prolongam vida, mas ainda causam graves efeitos colaterais

Dificuldade de viver com a doença é ignorada pela...

Candidatos precisam saber a diferença entre “aborto” e “direito ao aborto”

 Eduardo Campos, pré-candidato à Presidência da República pelo PSB,...

A saúde privada oferece assistência de qualidade?

Nota do Brasil Debate A saúde, direito social garantido pelo artigo...

Pobres demais para interessarem ao mercado?

Quatro mil mortos, sobretudo na Guiné, Serra Leoa e...
spot_imgspot_img

Saúde: 307 crianças ianomâmis desnutridas foram resgatadas em 2023

Ao longo do ano de 2023, 307 crianças ianomâmis diagnosticadas com desnutrição grave ou moderada foram resgatadas e recuperadas, segundo o Ministério da Saúde. Há quase...

Anvisa cancela registro de mais de 1,2 mil pomadas de modelar cabelos

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) cancelou nesta sexta-feira (29) os registros de 1.266 pomadas sem enxágue, ceras e sprays para modelar, trançar ou...

É a pré-campanha eleitoral

A compulsão eleitoral moveu o prefeito do Rio de Janeiro a tornar pública, em rede social, o plano de internar compulsoriamente “usuários de drogas”...
-+=