Ex-Spice Girl consegue medida protetiva contra o marido

Mel B alega que foi vítima de violência doméstica e outros abusos

Do Estadão

Mel B, ex-integrante do grupo musical Spice Girls, conseguiu medida protetiva contra seu marido, o produtor musical Stephen Belafonte, segundo o TMZ. Ela entrou com pedido de divórcio no mês de março, mas como o processo está em andamento ele ainda vivia na mesma casa que ela e seus três filhos. Com essa medida em vigor, agora Belafonte terá que deixar a casa e não poderá mais se aproximar dela ou dos filhos.

Na justificativa da medida protetiva, os advogados de Mel B falam que ela teme sobre sua própria vida e de seus filhos e também narram uma sequência de abusos que começaram no primeiro ano de casamento, em 2007. Dentre os episódios estão uma série de atos de violência doméstica, abuso sexual, infidelidade e ameaças de morte.

Conversando com o site americano , Belafonte negou as acusações e disse que isso é uma tentativa de torná-lo o vilão da história toda. “Algum advogado fez a cabeça dela e está ganhando muito dinheiro em cima desse caso”, disse.

+ sobre o tema

Sobre meninas, violência e o direito ao aborto

Em 18 de outubro, os jornais noticiaram o caso...

Raça e gênero influenciam avaliação sobre a liderança

Líderes mulheres que atuam de forma dominante enfrentam reações...

MULHER NEGRA: Pela vida das mulheres: seguiremos em marcha!

Todos os dias os movimentos de mulheres denunciam a violência....

Bené, por Sueli Carneiro

Combinar os critérios de qualificação técnica com recorte de...

para lembrar

Bancada feminina comemora sanção de lei que institucionaliza Ligue 180

Serviço que atende e orienta brasileiras em situação de...

Elisa Lucinda: A esquerda invisível

Quando eu era uma universitária, menina capixaba, na UFES,...

Conheça Nina da Hora, nome quente na luta pela equidade de gênero e raça na tecnologia

Erê vive em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense,...

Dinamarca inaugura primeira estátua em homenagem às mulheres negras

Mary Thomas tornou-se a primeira mulher negra a ser...
spot_imgspot_img

Aborto legal: ‘80% dos estupros são contra meninas que muitas vezes nem sabem o que é gravidez’, diz obstetra

Em 2020, o ginecologista Olímpio Moraes, diretor médico da Universidade de Pernambuco, chegou ao hospital sob gritos de “assassino” porque ia interromper a gestação...

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...

Moraes libera denúncia do caso Marielle para julgamento no STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou nesta terça-feira (11) para julgamento a denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra...
-+=