Fraternidade é suspensa por foto com boneca inflável de ‘Beyoncé’

Enviado por Fernando Moreira

A fraternidade Phi Delta Theta da Universidade da Pensilvânia (EUA) foi suspensa durante investigação sobre um cartão natalino postado no seu Facebook. Na imagem, alunos brancos aparecem com uma boneca inflável negra representando a cantora Beyoncé.

A direção nacional da Phi Delta Theta publicou uma nota pedindo desculpa. A fraternidade é acusada de racismo e comportamento misógino.

Em artigo publicado no jornal universitário “Daily Pennsylvanian”, a direção da fraternidade disse que o uso da boneca inflável foi de “mau gosto” e admitiu que o objeto possa ser encarado como ofensivo por algumas pessoas.

“Não houve de forma alguma motivações preconceituosas por trás do cartão”, escreveu o presidente da fraternidade nacional, Jimmy Germi.

 

Fonte: Page Not Found

+ sobre o tema

Porque é que um só homem odeia tanto todas as mulheres? Por medo

Racismo, xenofobia, sexismo, homofobia. Não falta nada no discurso...

Não foi boto Sinhá: a violência contra a mulher ribeirinha

Tajá-panema chorou no terreiro e a virgem morena fugiu no...

5 razões para acompanhar Leci Brandão de perto

A cantora completa neste mês 40 anos de carreira....

para lembrar

“Meu avô abusou sexualmente da minha mãe e eu sou o resultado”

A americana Rexan Jones, 23, é fruto dos anos...

Poliana Corrêa e o ‘trabalho de cupim’ em busca de espaço para negros na publicidade

A publicitária e ativista busca criar mais espaço para...

Chile, uma democracia feminista

O Chile é hoje a inovação política em ação. E não...

As chances das mulheres na universidade

Estudo sugere que disciplinas com alta presença feminina não...
spot_imgspot_img

Mulher tem aborto legal negado em três hospitais e é obrigada a ouvir batimento do feto, diz Defensoria

A Defensoria Pública de São Paulo atendeu ao menos duas mulheres vítimas de violência sexual que tiveram o acesso ao aborto legal negado após o Conselho...

‘Abuso sexual em abrigos no RS é o que ocorre dentro de casa’, diz ministra

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, considera que a violência sexual registrada contra mulheres nos abrigos que recebem desalojados pelas enchentes no Rio Grande...

ONU cobra Brasil por aborto legal após 12 mil meninas serem mães em 2023

Mais de 12,5 mil meninas entre 8 e 14 anos foram mães em 2023 no Brasil, num espelho da dimensão da violência contra meninas...
-+=