Guarda é suspeito de matar jovem que carregava o filho na Grande SP

Um jovem de 23 anos foi morto na noite de sábado (7) em uma troca de tiros em Barueri (Grande São Paulo). Segundo a família, ele carregava o filho de 3 anos. Apontado pela polícia como autor dos disparos, o guarda-civil municipal de Itapevi (Grande SP) Fabilson de Souza foi preso em flagrante.

Na Folha de S.Paulo 

Em depoimento, ele disse que foi ao local após seu primo ligar dizendo que havia sido baleado em uma tentativa de roubo da moto em que estava. O agente afirmou ainda no depoimento ter trocado tiros com um assaltante.

Segundo uma operadora de caixa, o guarda trocou tiros com um adolescente na rua no momento em que Edmario da Silva Júnior passava por ali. Edmário, que estava com o filho de três anos nos braços, foi atingido por um tiro nas costas. “Ele pegou o filho e tentou correr, mas caiu logo em seguida.”

“Quando cheguei para socorrer, o guarda, visivelmente embriagado, disse: ‘ele estava no lugar errado, na hora errada'”, disse José da Silva. A reportagem não encontrou o advogado do guarda-civil municipal de Itapevi.

Nos últimos dois meses, outros dois homicídios tiveram a participação de GCMs na Grande SP. O primeiro foi a morte de um universitário de 24 anos no limite de São Caetano do Sul e São Paulo. A segunda morte foi de um garoto de 11 anos, na zona leste da cidade, em julho.

 

+ sobre o tema

“Críticos da política de cotas estavam errados”, diz deputado

  Para o deputado federal Valmir Assunção...

Racismo gera indenização por dano moral a empregado

  Por não adotar medidas em relação a...

Dirigente do Grêmio é detido por racismo e liberado após desculpas

Antes da bola rolar para Grêmio e Flamengo, neste...

Lei aprovada determina prisão para quem cometer racismo na web

Demorou, mas sempre é tempo: a Comissão de Direitos...

para lembrar

Relator da ONU pede que países redobrem esforços contra o racismo na Internet e mídias sociais

O relator especial da ONU sobre formas contemporâneas de...

Em audiência na OEA, Brasil reconhece extermínio da juventude negra em audiência na OEA

Nota da Mamapress   Por Marcos Romão, do Mamapress   O senhor Breno Costa...

CNJ acorda para o descalabro das prisões por reconhecimento errado

Não se sabe o número total, mas o noticiário...

A luta pela maternidade plena no feminismo negro

Como advogada criminalista e ativista do movimento negro, todos...
spot_imgspot_img

Nem a tragédia está imune ao racismo

Uma das marcas do Brasil já foi cantada de diferentes formas, mas ficou muito conhecida pelo verso de Jorge Ben: "um país tropical, abençoado...

Futuro está em construção no Rio Grande do Sul

Não é demais repetir nem insistir. A tragédia socioclimática que colapsou o Rio Grande do Sul é inédita em intensidade, tamanho, duração. Nunca, de...

Kelly Rowland abre motivo de discussão com segurança em Cannes: ‘Tenho limites’

Kelly Rowland falou à imprensa sobre a discussão que teve com uma segurança no tapete vermelho do Festival de Cannes durante essa semana. A cantora compartilhou seu...
-+=