Homem é preso em Manaus suspeito de matar grávida por não querer filho negro

Reportagem não localizou defesa de homem, que foi localizado na casa de parentes

A Polícia Civil do Amazonas prendeu em Manaus um homem apontado como sendo o assassino de sua ex-namorada grávida de sete meses.

As investigações, segundo a corporação, mostraram que o suspeito pressionou a mulher para fazer aborto e teria deixado claro para amigos que jamais teria um filho com características negras, as mesmas da mãe.

O homem foi identificado como Victor de Souza Rocha, 21. A prisão ocorreu na terça (21), na comunidade Monte Sinai, bairro Cidade Nova, zona norte da capital.

A ex-namorada era Karine Sevalho Lima, 19. O corpo da mulher foi encontrado em 26 de maio de 2022. Victor estava foragido desde então e foi localizado na casa de parentes. A reportagem não conseguiu contato com a defesa do suspeito.

O delegado Ricardo Cunha, responsável pelas investigações, afirmou que, ao descobrir a gravidez, o homem passou a importunar a mulher para que abortasse.

“No dia do crime, Karine teria ido ao encontro de Victor para informar que sua família tinha conhecimento de que ele seria o genitor do bebê e que não iria realizar o aborto”, relatou o delegado, conforme informações da corporação.

“As investigações apontam que, neste momento, eles tiveram um desentendimento em razão do autor não ter aceitado o posicionamento da vítima, o que o levou a tirar a vida da gestante”, acrescentou o responsável pelas apurações.

O corpo foi encontrado com o rosto desfigurado, sinais de agressões e torturas, além de perfurações de arma branca por todo o corpo. Conforme o delegado, as investigações são conduzidas sob a suspeita de terem sido cometidos feminicídio e racismo.

+ sobre o tema

para lembrar

Programa policial exibe vídeo com estupro de criança de 9 anos

É hora do almoço quando a vinheta anuncia a...

‘Meu filho que salvou’, diz mulher que ficou em cárcere privado no RS

Homem invadiu casa da ex-companheira e a rendeu na...

Avon – Fale sem medo: Edital Prorrogado até o dia 16 de junho

"O objetivo do edital é fortalecer institucionalmente por meio...

Vítimas da covardia masculina

É cada vez maior a quantidade de processos abertos...
spot_imgspot_img

Por que ser antirracista é tão importante na luta contra a opressão racial?

O Laboratório de Estudos de Gênero e História, da Universidade Federal de Santa Catarina, lança nesta quarta-feira (21) o quinto vídeo de sua campanha de divulgação...

Moção de solidariedade da UNEGRO ao Vai Vai 

A União de Negras e Negros Pela Igualdade (UNEGRO), entidade fundada em 1988, com  longa trajetória na luta contra o racismo e suas múltiplas...

Perfeição do racismo brasileiro transforma algoz em vítima

O racismo é um crime perfeito. É com essa frase que o antropólogo Kabanguele Munanga, uma das maiores autoridades do Brasil em estudos raciais, define...
-+=