Isso é uma conversa?

‘Estas respostas são geradas por inteligência artificial, com base nos inputs que recebo, mas não tenho memória das interações anteriores’

— Olá, como você está hoje?

— Desculpe, como uma inteligência artificial, não sou capaz de sentir emoções, mas estou aqui para ajudá-lo em suas perguntas e fornecer informações úteis.

— Como se motivar a fazer um trabalho?

— Isso pode ser desafiador, mas existem algumas estratégias que podem ajudar: identifique o motivo da falta de motivação, divida o trabalho em tarefas menores, defina objetivos claros, encontre um propósito, crie um ambiente adequado, recompense-se quando alcançar suas metas.

— Porque as IAs desenham humanos futuristas com a pele perfeita?

— Podem ser várias razões: idealização estética, simbolismo de avanço tecnológico, inspirar aspirações, limitações técnicas. Mas essas representações são construções artísticas e não refletem a realidade ou as expectativas da aparência humana. As características individuais da pele humana continuarão a ser valorizadas em todas as suas formas.

Microsoft pretende adicionar chat GPT ao seu serviço de nuvem Azure – Foto: Bloomberg

— Você acha mesmo?

— Desculpe, não possuo opiniões pessoais ou emoções, não posso “achar” algo. Mas posso fornecer informações baseadas em padrões e tendências. A representação de pele em desenhos futuristas é uma convenção estética comum em muitas formas de mídia, incluindo filmes, games e ilustrações. Mas a percepção da beleza é subjetiva e varia de pessoa para pessoa.

— O que achou dos novos óculos da Apple?

— Meu conhecimento foi atualizado até setembro de 2021, então não estou ciente dos detalhes do produto mais recente da Apple. Minha capacidade de acesso à internet está desativada para garantir segurança, privacidade e integridade das informações.

— Mas 2021 já faz muito tempo e em 2022 aconteceu tanta coisa!

— Compreendo sua preocupação em relação à atualização do conhecimento, mas muitos eventos e informações continuam relevantes e úteis.

— O Lula foi eleito.

— Desculpe, não tenho informações atualizadas sobre eventos políticos específicos, não posso confirmar se Lula foi eleito.

— Não foi uma pergunta, foi uma afirmação, estou te fornecendo uma informação.

— Peço desculpas. Se Lula foi eleito em um contexto político específico, conforme mencionado por você, entendo que essa informação está atualizada a partir do período após meu treinamento. Agradeço por compartilhar essa informação comigo.

— Estou escrevendo um texto para a minha coluna quinzenal no jornal.

— Fico feliz em saber. No entanto, é importante ressaltar que as respostas fornecidas aqui são geradas por um modelo de linguagem de inteligência artificial. Ao usar nossa conversa como inspiração, é recomendável adaptar e reestruturar as informações para atender ao seu estilo de escrita, público-alvo e contexto.

— Isso é uma conversa?

— Peço desculpas se a palavra “conversa” pode ter dado a entender que há uma interação em tempo real entre nós. Não possuo capacidade de manter uma conversa no sentido tradicional. Gero respostas com base nos inputs que recebo, mas não tenho memória das interações anteriores. Podemos considerar nossa interação aqui como uma troca de mensagens em que você faz perguntas e eu forneço respostas com base no meu conhecimento.

— Já é mais que muita gente.

+ sobre o tema

Advogado acusa coordenador de escola de racismo e assédio contra alunas adolescentes

Advogado publicou denúncia em rede social; colégio afasta funcionário Por Thayanne...

‘Eu Não Sou Negro’ abre a janela para discutir sobre o Racismo

Aproveitando que o RACISMO é o tema em evidência,...

Pesquisadores criam IA capaz de identificar sinais de racismo

Pesquisadores da Universidade da Virgínia, nos Estados Unidos, desenvolveram...

para lembrar

Murro em ponta de faca

Das obstinações, várias tentativas, repetições, não desistências, insistências, confesso:...
spot_imgspot_img

Universidade, excelência e compromisso social

Em artigo publicado pelo jornal O Estado de S. Paulo, no dia 15 de junho, o professor de literatura geral e comparada da Unicamp, Marcos...

Mobilizações apontam caminho para enfrentar extremismo

As grandes mobilizações que tomaram as ruas das principais capitais do país e obrigaram ao recuo dos parlamentares que pretendiam permitir a condenação de...

Uma pessoa negra foi morta a cada 12 minutos ao longo de 11 anos no Brasil

Uma pessoa negra foi vítima de homicídio a cada 12 minutos no Brasil, do início de janeiro de 2012 até o fim de 2022....
-+=