Jovem hétero convida amigo gay para ser par em baile de formatura

O jovem Anthony Martinez estava eufórico, talvez desesperado em cada comentário recente publicado no Twitter.

O motivo? Ele precisava encontrar um acompanhante — homem — para que fosse seu par durante o baile de formatura do colegial.

“Eu não quero namorar você! Eu só quero um cara para ser meu par no baile de formatura”, escreveu Martinez em um dos posts.

A surpresa veio no último dia 21 de abril, quando Martinez finalmente encontrou “seu par”. O pretendente? Um amigo — hétero — de longa data que resolveu oficializar o convite no melhor estilo comédia romântica dos anos 1980: com uma faixa.

Você é muuuuuuito gay e eu sou muuuuuito hétero, mas você é como meu irmão, então, quer ser meu par“, escreveu o jovem Jacob Lescenski.

você é muito gay

E a respostas de Martinez para Lescenski… SIM!

baile de formatura

Leia também: 

+ sobre o tema

Arthur, transexual de 13 anos: “Acham que só quero chamar atenção”

Mesmo enfrentando preconceito e incompreensão fora de casa, o...

O discurso da tolerância como domesticação

Apenas uma sociedade profundamente intolerante pode invocar a necessidade...

Sem alarde nem preconceito Vigor aborda homossexualidade em anúncio para Facebook

Pode até ser que abordar homossexualidade em 2014 já...

Expulso de casa por ser gay, jovem divulga vídeo de briga com os pais

Pais evocam argumentos bíblicos para dizer que filho gay...

para lembrar

Travesti é assediada, ameaçada e agredida em ônibus em Aracaju

Após reclamar de homem que a apalpava, estudante é...

Reações de alunos fazem professores pararem com piadas homofóbicas

Aquelas piadinhas típicas de cursinho pré-vestibular estão com os...

Excluído de concurso por suposta homossexualidade será indenizado

Candidato receberá R$ 100 mil por danos morais Por unanimidade,...

‘Quero mostrar que é possível’, diz travesti cotada a reitora no Ceará

"Para mim é uma felicidade ser a primeira nas...
spot_imgspot_img

Homofobia em padaria: Polícia investiga preconceito ocorrido no centro de São Paulo

Nas redes sociais, viralizou um vídeo que registra uma confusão em uma padaria, no centro de São Paulo. Uma mulher grita ofensas homofóbicas e...

ONG contabiliza 257 mortes violentas de LGBTQIA+ em 2023

Em todo o ano passado, 257 pessoas LGBTQIA+ tiveram morte violenta no Brasil. Isso significa que, a cada 34 horas, uma pessoa LGBTQIA+ perdeu...

Justiça manda Governo do RJ pagar R$ 80 mil a Cacau Protásio por ataques em gravação em quartel dos bombeiros

A Justiça do Rio de Janeiro determinou, em segunda instância, que a atriz Cacau Protásio seja indenizada em R$ 80 mil por ataques e...
-+=