quarta-feira, janeiro 25, 2023
InícioÁfrica e sua diásporaPatrimônio CulturalSerena Williams ganha e fica a três vitórias de voltar ao n.º1

Serena Williams ganha e fica a três vitórias de voltar ao n.º1

A tenista norte-americana Serena Williams qualificou-se esta segunda-feira para os quartos de final do Open da Austrália, ficando a apenas três triunfos de reconquistar a liderança do ranking mundial.

Do DN

Serena, antiga líder do circuito feminino venceu a checa Barbora Strycova (16.ª do ranking), em dois sets, por 7-5 e 6-4. E, além de ter passado aos quartos-de-final do major australiano (que já conquistou por seis vezes, a última das quais em 2015), ficou mais perto de recuperar o n.º1 mundial.

Com a eliminação da alemã Angelique Kerber, atual líder da tabela WTA, nos oitavos-de-final (aos pés da norte-americana Coco Vanderweghe), Serena Williams ficou com o topo da tabela à sua mercê: basta-lhe voltar a vencer o Open da Austrália (objetivo que está a três partidas de distância) para amealhar pontos suficientes para voltar ao topo do ranking.

Nos quartos-de-final, na quarta-feira a tenista norte-americana terá pela frente a britânica Johanna Konta (9.ª do ranking), que afastou a russa Ekaterina Makarova, pelos parciais de 6-1 e 6-4 Os outros jogos dessa fase do Open da Austrália (que decorrem terça-feira) vão opor a checa Karolina Pliskova à croata Mirjana Lucic-Baroni, a estado-unidense Coco Vandeweghe à espanhola Garbiñe Muguruza e a norte-americana Venus Williams (irmã de Serena) à russa Anastasia Pavlyunchenkova.

Serena Williams, de 35 anos, já conquistou 22 torneios do Grand Slam, partilhando o recorde de títulos da ‘era Open’ com a alemã Steffi Graf e estando a dois do máximo total, da australiana Margaret Court.

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench