Guest Post »
poesia erótica
  • Sangue

    por Adriana Graciano para o Portal Geledes Seu sexo no meu sexo Meu sexo no seu sexo Arrebatados pelo par ...

    por Adriana Graciano para o Portal Geledes Seu sexo no meu sexo Meu sexo no seu sexo Arrebatados pelo paradoxo dessa transcendência física dessa nova familiaridade desse olhar sem véu dessa nova nudez ...

    Read more
  • Poesia Erótica nos Cadernos Negros

    O erotismo está presente na literatura da antigüidade até nossos dias. Sua manifestação se dá segundo det ...

    O erotismo está presente na literatura da antigüidade até nossos dias. Sua manifestação se dá segundo determinado meio social concebe, de forma predominante, o corpo. Mesmo nos períodos de forte repre ...

    Read more
  • Os cinco sabores, por Adriana Graciano

    por Adriana Graciano Primeiro gosto de tocá-lo com os olhos Depois cheiro suas intenções Leio seus sonhos ...

    por Adriana Graciano Primeiro gosto de tocá-lo com os olhos Depois cheiro suas intenções Leio seus sonhos Como seu sexo Ouço seu cheiro Vejo sua fome Danço sua febre Bebo seu calor Devoro seus pudores ...

    Read more
  • Frio, por Adriana Graciano

    Adriana Graciano Para CS F ogo mudando a cor e a textura dos meus lençóis R eencontro atemporal, reentrân ...

    Adriana Graciano Para CS F ogo mudando a cor e a textura dos meus lençóis R eencontro atemporal, reentrâncias redescobertas I nexplicavelmente familiares, intensamente sentidos O inverno reescrito: ve ...

    Read more
  • Quando R goza, por Adriana Graciano

    por Adriana Graciano Quando R goza Meu coração quase se esquece de como bater Antes de reaprender aquela ...

    por Adriana Graciano Quando R goza Meu coração quase se esquece de como bater Antes de reaprender aquela batida que sempre conheceu mas julgava perdida Meus olhos (abertos ou não) vêem em cores que só ...

    Read more