Adriana Sousa ganha Prêmio Tese Destaque USP/2023

A pesquisadora Adriana Tolentino Sousa, Doutora em Educação pela Faculdade de Educação da USP, é uma das ganhadoras do Prêmio Tese Destaque USP/2023, na Grande Área Inclusão Social e Cultural. O prêmio é um reconhecimento às teses de doutorado defendidas nos Programas de Pós-graduação da Universidade de São Paulo que possuem destaque em suas áreas de atuação e que estejam relacionadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

A tese de Adriana é intitulada “Mulheres negras em profissões elitizadas: as práticas de fissura”, considerada uma pesquisa minuciosa, com embasamento teórico consistente e traz a trajetória de formação de mulheres negras no campo da Medicina, Direito e Engenharia. É um trabalho impactante no campo educacional, trazendo à pauta uma discussão interseccional e decolonial de forma bem articulada e com argumentos fortes, mostrando as especificidades de profissões que, tradicionalmente, não são ocupadas por mulheres negras. Vale ressaltar que o debate é feito a partir da visão de mulheres pretas que atuam nas áreas profissionais estudadas.

Adriana Sousa vem se consolidando no campo da pesquisa em educação ao longo do tempo. Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual do Piauí, tem sua trajetória marcada pelos estudos em temas ligados a raça e gênero, o que integrou sua dissertação de Mestrado em Educação na Universidade Federal do Piauí. Sua tese de doutorado foi indicada, em 2022, para o Prêmio CAPES de Teses. Também recebeu o Prêmio Jon M. Tolman, da Brazilian Studies Association, em 2021, na categoria pesquisa em desenvolvimento. 

A cerimônia de premiação do Prêmio Tese Destaque USP/2023 está prevista para o ocorrer no próximo dia 14 de dezembro, às 14h, no Campus Butantâ, como parte do “PG Day”.

+ sobre o tema

Bachelet: mulher é fundamental para desenvolvimento sustentável

A chilena Michelle Bachelet, diretora-executiva da ONU Mulheres, pedirá...

Brasil se mobiliza pela descriminalização do aborto, a exemplo de Argentina e Irlanda

Mulheres saíram às ruas em quatro capitais pelo direito...

Mais de 40% das mulheres afirmam ter sofrido violência no Chile, segundo pesquisa

Mais de 40% das mulheres chilenas afirmam ter sido...

para lembrar

Paternidade honesta, participativa e feminista

Em uma cultura voltada para o consumo e que...

Obama indica primeira mulher negra para a Secretaria de Justiça dos EUA

Barack Obama anunciará no sábado sua intenção de indicar...

Feminismo negro: sobre minorias dentro da minoria – Por: Jarid Arraes

As necessidades das mulheres negras são muito peculiares e...

Denúncias contra homofobia na internet crescem 106% nos primeiros seis meses de 2021

As denúncias contra homofobia na internet registraram alta de...
spot_imgspot_img

Mãe de Simone Biles ofereceu apoio crucial quando ela decidiu não competir em Tóquio: “Eu te amo e saiba que estamos rezando por você”

A Netflix lançou recentemente "Simone Biles Rising", uma série documental que oferece uma visão íntima da vida pessoal e profissional da ginasta Simone Biles...

Zezé Motta recebe Preta Gil, Sheron Menezzes e Aline Wirley no ‘Especial mulher negra’

Artista que acabou de completar 80 anos, Zezé Motta recebe Aline Wirley, Preta Gil e Sheron Menezzes no “Especial mulher negra”, que será exibido...

Julho das Pretas: ‘Temos ainda como horizonte sermos livres das amarras históricas’, diz ativista

No dia 25 de julho será celebrado o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha. E em alusão a data, o Julho das Pretas é realizado...
-+=