Após a ‘Cura Gay’, a guerra do sexo – Por: Leandro Mazzini

Enquanto avança na Câmara o debate da proposta de regulamentação da profissão de prostituta, sob comando do deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), a bancada cristã prepara a retaliação.

O deputado evangélico João Campos (PSDB-GO), o mesmo que apresentou a ‘Cura Gay’, faz lobby pela celeridade da tramitação do PL 377 de 2011, que pune quem contratar pessoas para prostituição.

O projeto já está na Comissão de Constituição e Justiça, com relatoria de Marcos Rogério (PDT-RO).
______________________________
Com Marcos Seabra e Adelina Vasconcelos

 

Fonte: Correio do Brasil

+ sobre o tema

Papa Francisco autoriza sacerdotes a perdoar mulheres que fizeram aborto

Pontífice determina que perdão seja dado durante o Ano...

Lei Lola foi Aprovada hoje

Do Escreva Lola Escreva Uma boa notícia em meio a...

Instaurar um movimento inédito por não carregar fardos alheios

Sou bem sucedida. Eu fracassei. Instaurar um movimento inédito...

para lembrar

Unidade de atendimento à mulher participa da semana da consciência negra

A Secretaria de Estado da Mulher, da Cidadania e...

O fascismo e seu medo visceral da mulher

É antigo o histórico da baixa taxa de natalidade...

A história da minha negritude

Eu comecei a ter contato com o mundo fora...

Para derrubar o racismo é indispensável que o homem negro e a mulher negra tenham essa conversa.

Conhecido internacionalmente pela luta contra o racismo, pelo panafricanismo...
spot_imgspot_img

Instituto Mãe Hilda anuncia o lançamento do livro sobre a vida de matriarca do Ilê Aiyê

O livro sobre a vida da Ialorixá Hilda Jitolu, matriarca do primeiro bloco afro do Brasil, o Ilê Aiyê, e fundadora do terreiro Acé...

Centenário de Tia Tita é marcado pela ancestralidade e louvado no quilombo

Tenho certeza que muitos aqui não conhecem dona Maria Gregória Ventura, também conhecida por Tia Tita. Não culpo ninguém por isso. Tia Tita é...

Julho das Pretas: celebração e resistência

As mulheres negras brasileiras têm mais avanços a celebrar ou desafios para travar? 25 de julho é o Dia Internacional da Mulher Negra, Latino-americana e...
-+=