DiALAB abre inscrições para laboratórios de filmes, séries e documentários

Anteriormente conhecida por Diáspora Conecta, plataforma vai selecionar até 12 projetos para receberem consultorias de profissionais do Brasil e do exterior;

DiALAB, plataforma internacional voltada ao desenvolvimento de carreiras, consultoria de projetos e networking para profissionais negros do audiovisual, abre em 21 de junho de 2023 as inscrições para três laboratórios audiovisuais: o DiALAB FILMS, o DiALAB DOCS e o DiALAB SERIES. A novidade deste ano é que, além de filmes, também serão selecionados projetos de séries para receberem consultorias de um time de profissionais renomados do Brasil e do exterior. 

Destinadas a pessoas negras maiores de 18 anos de todos os países, as atividades acontecem entre os dias 07 e 15 de dezembro, em Camaçari, no litoral da Bahia. Serão selecionados até 12 projetos, escritos em português ou espanhol para participarem dos três laboratórios, conforme abaixo:  

  • DiALAB FILMS: programa de tutoria e assessoramento para até quatro projetos de longa-metragem de ficção;
  • DiALAB DOCS: programa de tutoria e assessoramento para até quatro projetos de filmes e séries documentários;
  • DiALAB SERIES: programa de tutoria e assessoramento para até quatro projetos de séries de ficção em fase de desenvolvimento. 

Os realizadores dos projetos selecionados vão participar de workshops, palestras, estudos de caso, exibição de filmes e séries e consultorias direcionadas ao aprimoramento de suas narrativas audiovisuais, ao desenvolvimento profissional e à sua capacitação criativa e mercadológica. 

As pessoas interessadas em participar dos programas da DiALAB podem se inscrever até o dia 28 de julho de 2023 pelo link disponível no site: www.dialab.me, no qual também estarão disponíveis o regulamento completo e todos os detalhes de participação. Os projetos selecionados serão divulgados na segunda quinzena de setembro pelos canais oficiais da DiALAB. 

Mais sobre a  DiALAB

A DiALAB contribui para transformar vidas, carreiras e histórias no Brasil e no exterior. Os principais objetivos do programa são: formar profissionais negros, conectar produtores e roteiristas com o mercado audiovisual, desenvolver carreiras e projetos, criar espaços criativos e refletir sobre como narrar histórias.

Desde 2018, os laboratórios da DiALAB já receberam 500 inscrições de roteiristas e produtores das cinco regiões do Brasil e selecionou 55 participantes de 13 estados brasileiros e de outros 13 países. Com um total de 780 horas de atividades de capacitação, a DiALAB teve, até o momento, a presença de 55% de mulheres.

A plataforma, anteriormente conhecida por Diáspora Conecta, é mantida e desenvolvida pela Produtora Portátil, uma produtora de conteúdo para cinema e televisão sediada em Salvador, na Bahia, com projetos premiados em Sundance Institute, William Greaves Fund, e em coprodução com Moçambique, Nigéria e Espanha. Acesse nosso site: www.dialab.me e fique por dentro das novidades. 

PARCEIROS E PREMIAÇÕES

Os laboratórios da DiALAB são realizados pela Portátil, com patrocínio do Selo Revolta, da produtora Volta Filme, e da produtora Conspiração Filmes, com apoio do Projeto Paradiso. As empresas e instituições que desejem apoiar a plataforma podem enviar e-mail para [email protected]. Entre os prêmios confirmados para os laboratórios está o Prêmio Diáspora de estímulo ao desenvolvimento narrativo para um dos projetos participantes no valor de R$10 mil. 

Há ainda premiações concedidas pelos nossos parceiros, conforme abaixo:

  • Prêmio Selo Revolta no valor de R$5 mil, além de 5 consultorias virtuais;
  • Prêmio Conspiração no valor de R$5 mil para o melhor projeto de longa ou de série;
  • Prêmio Paradiso no valor de R$5 mil para um dos projetos do DiALAB FILMS, bem como a inclusão do respectivo roteirista na Rede Paradiso de Talentos;

Serviço

O quê: Inscrições para os laboratórios da DiALAB 

Quando:  21 de junho a 28 de julho de 2023Link para inscriçãowww.dialab.me

+ sobre o tema

Afrodescendentes constroem identidade, na Venezuela

Os afrodescendentes latino-americanos buscam hoje uma identidade própria...

Semana da Consciência Negra da UFABC

De 05 a 09 de novembro de 2018 Do UFABC Apresentação O evento...

para lembrar

“Nunca fui escravo, mas a mãe era”, conta quilombola de 128 anos que vive em Bauru (SP)

Ele afirma ter nascido dentro do quilombo Pedra Branca,...

Taís Araújo: ‘Estou feliz com as minhas celulites’

Capa da revista QUEM desta semana, Taís Araújo falou...

“Estatísticas servem para tudo, menos para igualdade racial”, diz ministra Luiza Bairros

Rachel DuarteEles representam mais de 50% da população brasileira,...
spot_imgspot_img

Longa capixaba “Presença”, com roteiro e direção de Erly Vieira Jr., será lançado nos cinemas no próximo dia 1° de agosto

“Presença”, estreia na direção de um longa metragem, de Erly Vieira Jr, que também assina o roteiro, foi selecionado para a Mostra competitiva do...

2 de Julho: multidão vai às ruas para comemorar a independência da Bahia

Baianos e turistas participam, nesta terça-feira (2/7), das celebrações da Independência do Brasil na Bahia. A data marca a expulsão das tropas portuguesas do solo...

Filme mostra busca por memória negra e indígena na luta pela independência do Brasil

Nesta quinta-feira (4), estreia o documentário “2 de Julho: A Retomada”, que relembra as lutas que consolidaram a Independência do Brasil com a expulsão...
-+=