Há uma perspectiva de classe na divulgação de crimes no Brasil, denuncia deputado

Chico Alencar, deputado federal (PSOL-RJ), compara a divulgação dada à morte do médico morto a facadas, no RJ, com o assassinato de 2 pessoas, pela polícia, no mesmo dia, numa comunidade pobre da Ilha do Governador

por  no Ponte

Historiador e deputado federal (PSOL-RJ) desde 2003, Chico Alencar, alerta, no 7o. vídeo da série Sobre Crimes e Castigos, que há uma perspectiva de classe na divulgação dos assassinatos no Brasil:

É evidente o casos logo avultam, são destacados numa perspectiva de classe. A trágica morte, o absurdo assassinato a facadas de um médico  na lagoa, na orla cartão postal do Rio de Janeiro aconteceu no mesmo dia em que duas pessoas, um  menino de 14 anos e um jovem de 23 anos foram mortos pela polícia numa ação completamente desastrada e criminosa,  só que numa comunidade pobre da ilha do governador. Isso mereceu uma tripinha na notícia do jornal, enquanto o trágico assassinato do médico, tão trágico quanto esse mereceu 5 páginas.

Ele também defende que, no lugar  de reduzir a maioridade penal, o País tem no âmbito do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) moldura jurídica para tratar a questão de crianças e adolescentes em conflito com a lei.

Nesta semana, Ponte Jornalismo publica até sexta-feira, a série de vídeos “Sobre Crimes e Castigos”, um projeto documental que apresenta diversos pontos de vista sobre as contradições da proposta de redução da maioridade penal em pauta no Congresso Nacional.

+ sobre o tema

Show de Ludmilla no Coachella tem anúncio de Beyoncé e beijo em Brunna Gonçalves; veja como foi

Os fãs de Ludmilla já estavam em polvorosa nas redes sociais...

Geledés faz em Santiago evento paralelo para discutir enfrentamento ao racismo nos ODS

Geledés - Instituto da Mulher Negra realiza, de forma...

Ela me largou

Dia de feira. Feita a pesquisa simbólica de preços,...

As mulheres que se rebelam contra venda de meninas para casamentos no México

Inicialmente, Claudia* não havia pedido dinheiro em troca da...

para lembrar

Nordeste se levanta contra redução da maioridade

Os governadores do Nordeste divulgaram uma carta aberta ao...

As vítimas eleitas

Em julho de 1993 fui entrevistado pela Revista Pixote...
spot_imgspot_img

Racismo e violência contra criança e adolescente são desafios do país

Publicado há 30 anos, o Estatuto da Criança e do Adolescente trouxe avanços na abordagem dos direitos essenciais do público para o qual foi...

Jacqueline Muniz: “Arma de fogo tem cor, tem sexo, tem gênero”

Antropóloga, cientista política e especialista em segurança pública comenta propostas do novo governo para o setor Por Leonardo Fernandes, do Brasil de Fato  Jacqueline Muniz é uma...

Maturidade cerebral e a maioridade penal

Investir na promoção de ambientes saudáveis, culturalmente ricos e livres de violência e negligência pode trazer benefícios mais consistentes e duradouros na redução de...
-+=