Joaquim Barbosa renuncia hoje à vaga de ministro do TSE

Fonte: Folha OnLine-

 

O ministro Joaquim Barbosa vai renunciar hoje à vaga que ocupa no TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Ele deve retornar hoje ao tribunal, depois de uma licença médica de 90 dias que tirou para fazer um tratamento de saúde.

O ministro tem problemas de coluna que fazem com que sinta dores insuportáveis depois de ficar muito tempo sentado. As sessões do TSE ocorrem sempre depois das do STF (Supremo Tribunal Federal) e se estendem às vezes pela madrugada, causando maior sofrimento a Barbosa. “A decisão já está tomada”, afirma. Ele pode renunciar ainda hoje. “Ou, no máximo, até a quinta-feira”, diz.

A renúncia, antecipada em outubro pela Folha, vai além da mera troca de ministros: Barbosa comandaria as eleições presidenciais de 2010. Com sua saída, o pleito será comandado pelo ministro Ricardo Lewandowski.

A saída de Barbosa poderá levar José Antonio Toffoli, novo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), ao TSE –onde já atuou como advogado de campanhas do presidente Lula. Por exclusão, ele seria o provável eleito pelos colegas do Supremo, que indicam ministros para o TSE, para ocupar a vaga de substituto que hoje é de Cármen Lúcia, que assumirá a vaga titular do ministro que agora sai.

Barbosa luta há três anos contra uma inflamação na coluna. Só neste ano, tirou licença duas vezes, ficando seis meses fora do tribunal, situação que considera extremamente desconfortável.

 

Matéria original

+ sobre o tema

Salve Zumbi e João Cândido, o mestre sala dos mares

Por Olívia Santana   Há 15 anos, após uma grande marcha...

Olimpíadas de Tóquio devem ser novo marca na luta por igualdade

Os Jogos Olímpicos da Cidade do México, em 1968,...

Lei 13.019: um novo capítulo na história da democracia brasileira

Nota pública da Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais...

para lembrar

PSDB e PMDB perdem prefeituras; PT, PSD e PSB ganham peso

O PSDB saiu menor das urnas, em comparação...

Por conta de impasse, entre o MEC e Secretária da Educação, aluno pode perder vaga na universidade

      Um impasse entre o Ministério da Educação (MEC) e...

Jessé Souza: Escravidão é o que define sociedade brasileira

Reescrever a história dominante de que a corrupção é...

Haddad tem 49%, e Serra, 33%, diz Ibope

O Ibope divulgou, nesta quarta-feira (17), a segunda pesquisa de intenção...

Fim da saída temporária apenas favorece facções

Relatado por Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o Senado Federal aprovou projeto de lei que põe fim à saída temporária de presos em datas comemorativas. O líder do governo na Casa, Jaques Wagner (PT-BA),...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...
-+=