Julho das Pretas: programação especial contra o preconceito

Durante o mês de julho acontece em Curitiba uma série de eventos que debatem o racismo e a misoginia. O “Julho das Pretas” terá feiras, palestras, oficinas, exposições, apresentações culturais e atos de mobilização social educativa em prol da igualdade de oportunidades.

Do  Massa News Curitiba

Divulgação

“As mulheres negras passam pelo preconceito oriundo do sexismo e do racismo. Queremos chamar atenção para essa realidade e fazer parte da mudança. É preciso se mobilizar”, destaca Silvana Gonçalves da Silva, uma das organizadoras do evento.

A mobilização em julho faz parte do Dia da Mulher Negra Afro-Latino-Americana e Caribenha, comemorado em 25 de julho. No Brasil a referência é Tereza de Benguela, ícone da resistência negra no Brasil Colonial.

“O Julho das Pretas é um marco para a reafirmação da identidade, da história, da resistência e da luta dessas mulheres brasileiras. É importante que o nosso povo se organize e mostre a sua força”, diz o assessor de Promoção da Igualdade Racial da Prefeitura de Curitiba, Adegmar Silva.

Neste sábado (7) será realizada a Oficina Saúde da População Negra e Prevenção Combinada, das 10h às 15h, na Boca Maldita. Haverá atendimento à população e informações sobre hipertensão e diabetes. Na Sociedade 13 de Maio, a partir das 15h, terá roda de conversa, oficinas de dança, poesia e exposições fotográficas e artísticas.

A programação completa está disponível no site da Rede de Mulheres Negras do Paraná.

+ sobre o tema

Escritora Elisa Pereira lança amanhã “Sem Fantasia”, seu segundo livro!

Na próxima terça-feira (29), às 19h, será lançado “Sem...

Pelé: Racismo e esquecimento marcam os 80 anos do jogador

Ele figura em todas as listas de melhores atletas...

O conferencismo e o marchismo como formas de lutas políticas

Aconteceu em Brasília, em 18 de novembro, a Marcha...

“O Quarto de Despejo está vivo”, afirma filha de Carolina Maria de Jesus

Em 60 anos do livro “Quarto de Despejo: Diário...

para lembrar

Camila Pitanga protagoniza viagem incrível à África do Sul

Camila Pitanga embarcou recentemente para uma experiência incrível. Junto...

Filha mais velha de Obama, Malia atrai legião de fãs com seu estilo

Filha do dono da caneta mais poderosa do mundo,...

Marielle, semente! Mulheres negras eleitas provam que luta da vereadora não foi em vão

Apesar da eleição de deputados defensores do porte de...

Ela atuou em uma série da Globo: “Meus 15 minutos de fama quase me destruíram”

A fama é uma amante cruel. Num momento, Jaqueline...
spot_imgspot_img

Negra Li mostra fantasia deslumbrante para desfile da Vai-Vai em SP: ‘Muita emoção’

A escola de samba Vai-Vai está de volta ao Grupo Especial para o Carnaval 2024, no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, neste sábado...

Livro põe mulheres no século 20 de frente com questões do século 21

Vilma Piedade não gosta de ser chamada de ativista. Professora da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e uma das organizadoras do livro "Nós…...

“O Itamaraty me deu uma bofetada”, diz embaixadora Isabel Heyvaert

Com 47 anos dedicados à carreira diplomática, a embaixadora Isabel Cristina de Azevedo Heyvaert não esconde a frustração. Ministra de segunda classe, ela se...
-+=