Marlye Cantora e o sonho de ser professora e artista são destaque do mês no Museu da Pessoa

Enviado por / FonteEnviado ao Portal Geledés

Criada por sua mãe, Marlye cresceu com dois sonhos: tornar-se professora e artista. No decorrer da vida, conquistou os dois.

Primeiro, obteve Licenciatura Plena de Ciências Físicas e Biológicas e se tornou professora: “‘Professora, sim, senhora’, dizia mamãe toda orgulhosa para as comadres e vizinhas”.

Depois da faculdade, já casada e com filhos, persistiu no sonho de ser artista depois do falecimento da mãe. “Publiquei a sua trajetória de“mulher guerreira”, no livro intitulado ‘Recordar, trazendo de volta ao coração’”.

A história completa de Andréia Regina Oliveira Assunção Santos está disponível aqui e é um dos milhares de depoimentos disponíveis no acervo do Museu da Pessoa. Conheça!

+ sobre o tema

Juiz aplica Maria da Penha a favor de trans: “defesa de todos os direitos”

O Juizado de Violência Doméstica contra a Mulher de...

O conceito de gênero por Heleieth Saffioti: dos limites da categoria gênero

Se, para muitas feministas, o conceito de gênero é...

Nenhum país alcançará a igualdade de gênero até 2030, afirma a ONU

Das 129 nações do ranking, apenas 21 tiveram avanços...

Lei garante sigilo a filhos de mulheres vítimas de violência que precisem mudar de escola, na PB

Foi publicada na edição desta sexta-feira (14) Diário Oficial da...

para lembrar

Alice Portugal: Leci Brandão é um exemplo para as brasileiras

Em discurso durante a sessão especial A Mulher e...

‘Preta, pobre e periférica, não imaginei estar numa galeria de arte’, diz artista

Jennifer Borges, 28, ou simplesmente J. Lo, nasceu e...

‘O gênero é uma construção social’. Entrevista com Esther Diaz

Segundo a filósofa argentina, Esther Diaz, "o sexo é...

“Eu sou neguinha?”

Eu era o enigma, uma interrogação. Negra me define...
spot_imgspot_img

‘Abuso sexual em abrigos no RS é o que ocorre dentro de casa’, diz ministra

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, considera que a violência sexual registrada contra mulheres nos abrigos que recebem desalojados pelas enchentes no Rio Grande...

ONU cobra Brasil por aborto legal após 12 mil meninas serem mães em 2023

Mais de 12,5 mil meninas entre 8 e 14 anos foram mães em 2023 no Brasil, num espelho da dimensão da violência contra meninas...

Após um ano e meio fechado, Museu da Diversidade Sexual anuncia reabertura para semana da Parada do Orgulho LGBT+ de SP

Depois de ser interditado para reformas por cerca de um ano e meio, o Museu da Diversidade Sexual, no Centro de São Paulo, vai reabrir...
-+=