Para fazer filme, Jennifer Hudson pula do manequim 46 para o 38

Enviado por / FonteDa Folha de S. Paulo

Para fazer filme, Jennifer Hudson pula do manequim 46 para o 38.

A atriz Jennifer Hudson, 28, revelou à revista “People” que teve de perder peso para viver a ex-mulher de Nelson Mandela no filme “Winnie“, que ela vai rodar na África do Sul.

“O que eu tiver de fazer para me transformar em uma personagem, eu farei”, afirmou.

Segundo a publicação, a atriz chegou a usar o manequim 46. Hudson também ganhou peso durante a gravidez de seu filho, que nasceu em agosto do ano passado.

Agora, após malhar com uma personal trainer e entrar no sistema de pontos do Vigilantes do Peso, ela está usando roupas de tamanho intermediário, entre o 36 e o 38.

“Esta é a melhor forma em que estive na vida”, disse.

+ sobre o tema

Paulinho da Viola faz temporada de shows em São Paulo

Em 2006, o sambista Paulinho da Viola fez uma...

Filmes sobre África são exibidos na UFRN

Documentários e filmes de ficção que tem como temática...

Adolescente norte-americana ganha US$ 50 mil em campeonato de SMS

A menina Brianna Hendrinckson, de 13 anos (à esquerda)...

Hoje na História, 21 de Fevereiro de 1933, nascia Nina Simone

  Se estivesse viva, Eunice Kathleen Waymon completaria 80 anos...

para lembrar

Mestre Martinho da Vila ganha Biografia

Martinho da Vila chegou com seu jeito devagar, devagarinho...

PM baiana acusada de sumir com corpos de jovens negros

Salvador - Policiais Militares da Bahia estão sendo...
spot_imgspot_img

O atleta negro brasileiro que enfrentou o nazismo nas Olimpíadas de 1936

A poucos dias da abertura dos Jogos Olímpicos de Paris, em uma Europa cada vez mais temerosa com a agenda política de forças alinhadas...

Exposição e seminário em São Paulo celebram legado de Nelson Mandela

No dia 18 de julho é celebrado o Dia Internacional Nelson Mandela, data estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU) em reconhecimento à contribuição...

Livro sobre Luiz Gama o consagra como o maior advogado negro da abolição

Impossível não ficar mexido, ou sair a mesma pessoa, com a mesma consciência dos fatos narrados, depois da leitura de "Luiz Gama Contra o Império",...
-+=