Pelo menos 33 presos são encontrados mortos em prisão em Roraima

Pelo menos 33 presos foram encontrados mortos na manhã desta sexta-feira (6) na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, na zona rural de Boa Vista. De acordo com o governo de Roraima, que administra a unidade, o caso foi registrado por volta das 2h30 (4h30 no horário de Brasília). A penitenciária é a maior do Estado.

Por Janaina Garcia, para UOL

Conforme a assessoria do governo, que negou ter havido uma rebelião ou mesmo fuga, os próprios detentos teriam provocado as mortes durante uma briga de facções. Ainda segundo o órgão, o caso envolveu presos do Comando Vermelho e do PCC (Primeiro Comando da Capital), facção mais numerosa na penitenciária.

As mortes em Roraima ocorrem quatro dias após rebeliões em Manaus terminarem com 56 mortos a pior matança de presos desde o massacre do Carandiru, em São Paulo, quando 111 presos foram assassinados em outubro de 1992 por ação da Polícia Militar. Segundo as autoridades do Amazonas, o massacre foi realizado pela facção Família do Norte, ligada ao Comando Vermelho, contra integrantes do PCC.

Em outubro no ano passado, >outra briga atribuída pelas autoridades ao PCC e ao Comando Vermelho terminou com dez mortos no mesmo presídio em Roraima. Na ocasião, outra rebelião na Penitenciária Ênio dos Santos Pinheiro, em Porto Velho (RO), deixou oitos presos mortos.

Segundo a Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania (Sejuc) de Roraima, havia 1.475 presos na unidade no momento dos crimes de hoje–a capacidade é para 750 detentos. Do total, mais da metade (898) é de presos provisórios, ou seja, à espera de julgamento. Outros 458 detentos estavam no regime fechado, e cem, no semiaberto.

Às 9h30, equipes do Bope (Batalhão de Operações Especiais) e do GIT (Grupo de Intervenção Tática) estavam dentro do presídio para “realocação dos internos e conferindo a real situação”, segundo a assessoria da Sejuc. Ainda segundo a pasta, a situação “está sob controle”.

A Secretaria Estadual de Segurança informou que representantes do governo de Roraima estão reunidos nesta manhã para definir que ações serão adotadas. A governadora Suely Campos (PP), conforme a assessoria da pasta, teria conversado por telefone sobre a situação com o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes. Não foram divulgados detalhes dessa conversa, nem se o IML (Instituto Médico Legal) já iniciou a retirada de corpos do presídio.

Terceira maior matança em presídios

A matança de hoje em Roraima é a terceira maior em número de vítimas em presídios brasileiros. A maior ocorreu em 1992, quando uma ação policial terminou com 111 presos mortos, no caso que ficou conhecido como o massacre do Carandiru, em São Paulo. Veja o ranking:

  • 111 mortos em São Paulo – Carandiru – 1992
  • 56 mortos em Manaus – Compaj – 2017
  • 33 mortos em Boa Vista – Penitenciária Agrícola de Monte Cristo – 2017
  • 31 mortos em Benfica (RJ) – Casa de Custódia de Benfica – 2004
  • 27 mortos em Porto Velho – Urso Branco – 2002
  • 18 mortos em São Luís – Pedrinhas – 2010

+ sobre o tema

Edgar Morin: “Se Você Viver Poeticamente Encontrará Felicidade”

Pai da teoria da complexidade, Edgar Morin defende a...

16 sites para estudar de graça para concursos públicos

Olá leitores do Canal do Ensino, Quer estudar de graça...

A história do ódio no Brasil e a ideia de Leandro Karnal

  por Fred Di Giacomo “Achamos que somos um bando de gente...

para lembrar

Oito crianças indígenas morrem por diarreia no Acre

Índios da etnia Kaxinawá. Foto: pib.socioambiental.org O Ministério...

Ouvidoria da Defensoria Pública da Bahia convida sociedade civil para Diálogo

Há alguns meses, a Defensoria Pública da Bahia oportunizou,...

Lutar pela legalização do aborto é lutar pela saúde da mulher

Neste dia, gostaríamos de ter muito o que comemorar....
spot_imgspot_img

NOTA PÚBLICA | Em repúdio ao PL 1904/24, ao equiparar aborto a homicídio

A Comissão de Defesa dos Direitos Humanos Dom Paulo Evaristo Arns – Comissão Arns vem a público manifestar a sua profunda indignação com a...

Nota pública do CONANDA contrária ao Projeto de Lei 1904/2024

O Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA, instância máxima de formulação, deliberação e controle das polícas públicas para a...

Marcelo Paixão, economista e painelista de Geledés, é entrevistado pelo Valor

Nesta segunda-feira, 10, o jornal Valor Econômico, em seu caderno especial G-20, publicou entrevista com Marcelo Paixão, economista e professor doutor da Universidade do...
-+=